Jump to content
Fórum atualizado. Avançar páginas e Links do Youtube Voltaram a funcionar. ×
Forum Cinema em Cena
Sign in to follow this  
Questão

Cemitério Maldito (Remake)

Recommended Posts

'Cemitério Maldito': Terror tem estreia adiada nos cinemas nacionais

Por Renato Marafon 
Publicado em 15/02/2019 às 13:49
 

O aguardado remake de 'Cemitério Maldito' teve sua estreia adiada nos cinemas nacionais.

Segundo o FilmeB, o filme agora chega por aqui somente em 9 de Maio, mais de um mês após a previsão inicial (4 de abril). 

Dirigido pela dupla Dennis Widmyer e Kevin Kolsch ('Starry Eyes'), o longa é baseado na obra homônima de Stephen King.

O médico Louis Creed muda com a mulher e dois filhos pequenos para uma casa de campo em Ludlow, Maine. Em frente à casa passa uma rodovia movimentada e, atrás, há um cemitério de animais. Por meio do velho Crandall, seu vizinho, Creed descobre também perto dali um antigo cemitério indígena, que tem o poder de mandar de volta à vida os corpos enterrados nele. Quando sua filha Ellie morre atropelada, Creed resolve enterrá-la no cemitério indígena e esperar por sua ressurreição.

O elenco conta com Amy SeimetzJason Clarke, Obssa AhmedAlyssa Brooke Levine John Lithgow.

 

FONTE: CINEPOP

Share this post


Link to post
Share on other sites

Cemitério Maldito | Ator fala sobre as mudanças feitas para a nova adaptação

Filme chegará aos cinemas em maio no Brasil.

Por
 Marco Victor
 -
Fev 21, 2019
 
 Imagem do filme Cemitério Maldito Divulgação

Com sua estreia definida para o mês de maio no Brasil, agora a nova adaptação do clássico Cemitério Maldito (Pet Sematary no original), baseado na obra de Stephen King, voltou a ganhar novidades através de um dos membros do seu elenco. 

Em uma recente entrevista ao site  Flickering Myth (via Coming Soon), o ator Jason Clarke falou sobre as mudanças que foram realizadas para o novo longa baseado na obra de King. E com isso, indicou que as pessoas vão entender melhor as mudanças quando assistirem ao mesmo:

“É muito fácil justificar (a mudança). Você não pode desenvolver este filme com um menino de três anos. Você acaba com um boneco ou alguma coisa animada. Então você vai ter uma história muito mais profunda, mais rica, trocando por uma menina de sete anos de idade ou nove anos de idade. A recompensa virá. As pessoas que estão chateadas verão o benefício disso. Mas muitas pessoas não tiveram problema. Stephen King não teve um problema com isso”.

Sinopse:

“Baseado na obra de terror de Stephen King, Cemitério Maldito segue o Dr. Louis Creed (Jason Clarke), que, após se mudar de Boston com sua esposa Rachel (Amy Seimetz) e seus dois filhos mais novos para Maine, descobre um misterioso terreno de enterros escondido nas profundezas da floresta perto da nova casa de sua família. Quando a tragédia acontece, Louis se volta para o seu incomum vizinho, Jud Crandall (John Lithgow), desencadeando uma reação em cadeia que dá início a um mal insondável com consequências horrendas.”

 

FONTE: JORNADA GEEK

Share this post


Link to post
Share on other sites

primeras reacões

“Há muitas ótimas adaptações recentes de Stephen King, mas Cemitério Maldito é quase perfeito. É isso que eu queria do filme, em todas as maneiras, e isso inclui ser super assustador. Muito feliz com o filme”, escreveu Meredith Borders, do Bloody Disgusting. 

 


“O filme entrega um sentimento de pavor desde o início. Os sustos do filme são bem feitos, o som sensacional e os efeitos deformados adicionam mais uma camada de terror. Eu acho que os fãs de King vão adorar. Saia para lá Goose, é hora de Church”, afirmou Erik Davis, do Fandango, fazendo referência ao gato da Capitã Marvel, que faz grande sucesso. 

 


“Vicia e eu amei. O visual é super brutal e foi empolgante ver os diretores abraçando de forma profunda os inquietantes temas de mortalidade do livro. E WOW Jeté Laurence. Eles realmente empurraram o filme da sua adaptação e isso funcionou para mim – grande momento”, analisou Perri Nemiroff, do Collider. 

 


“Me pegou. É muito assustador, tem tons de diversão, não reduz o grotesco e de alguma forma é mais obscuro que o livro. Realmente impressionante e satisfaz”, apontou Lindsey Romain, do Nerdist. 

 


“O novo Cemitério Maldito é ÓTIMO. Uma adaptação digna de um dos livros mais obscuros  e difíceis de Stephen King. Faz algumas mudanças, algumas que funcionam muito bem, mas algumas coisas pequenas eu senti falta. No entanto, algumas grandes coisas me atingiram (incluindo uma que achei que não fariam… mas ele fizeram)”, relatou Sean O’Connell, do Cinema Blend. 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

eita, ja vi essa estoria no último filme do Terminator...

Trailer estragou reviravolta do reboot de Stephen King!

pet-sematary-1200-1200-675-675-crop-000000-1068x601.jpg
É sempre complicado surpreender as pessoas quando se está adaptando um livro muito famoso.Esta é exatamente a tarefa que o escritor Jeff Buhler e os diretores Kevin Kölsch e Dennis Widmyer enfrentaram ao fazer Cemitério Maldito, baseado numa das histórias de maior sucesso de Stephen King.O fato é que eles teria conseguido se o segundo trailer do terror não tivesse revelado a grande mudança em relação ao livro, arruinando qualquer chance de surpresa.
Tanto no livro original quanto no longa de 1989, Louis e Rachel Creed são abalados pela chocante morte de seu filho de dois anos, Gage.
Depois de usar os misteriosos poderes de um antigo cemitério perto de sua casa para trazer seu gato de volta à vida, Louis percebe que também pode ressuscitar Gage. Ele o faz, mas é claro que Gage não retorna o mesmo, trazendo consequências sangrentas.
A nova versão de Cemitério Maldito brinca com as expectativas, fazendo parecer que Gage é a vítima mais uma vez. No entanto, a surpresaacontece quando Louis consegue salvar Gage, fazendo o caminhão atingir a irmã mais velha de Gage, Ellie.É um momento de grande impacto para os fãs do livro de King e do primeiro longa, bem como para qualquer um que ainda não conheça Cemitério Maldito. Ou pelo menos seria se o segundo trailer não tivesse entregado o jogo.
Os diretores defenderam o trailer dizendo que o livro também começou deixando claro que Gage havia morrido. É uma explicação que faria sentido se o começo do filme fosse parecido com o original: o longa começa sugerindo que coisas ruins aconteceram na casa dos Creed, sem deixar claro que uma das crianças morreu.Quando o incidente acontece uma hora depois, não há mais sensação de tragédia. O público já esperava por um incidente que sabia que ia acontecer, e o trailer ainda revelou que Ellie não retornou como Ellie.É uma pena, porque a mudança faz com que a nova versão se destaque bastante em relação à de 1989. Teria sido ótimo se fosse mantida em segredo.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Tenho que falar que se fosse no filme de 89, isso da menina morrer e não o guri, seria demais. Pqp, aquela menina é chata demais (e de certa maneira tudo rola por causa dela - então, seria mais justo)!

E viva, ela já era chata daquele jeito, imagina zumbi?! Ninguém iria sobreviver ali mesmo. hehehe

Share this post


Link to post
Share on other sites
15 hours ago, Jorge Soto said:

eita, ja vi essa estoria no último filme do Terminator...

Trailer estragou reviravolta do reboot de Stephen King!

pet-sematary-1200-1200-675-675-crop-000000-1068x601.jpg
É sempre complicado surpreender as pessoas quando se está adaptando um livro muito famoso.Esta é exatamente a tarefa que o escritor Jeff Buhler e os diretores Kevin Kölsch e Dennis Widmyer enfrentaram ao fazer Cemitério Maldito, baseado numa das histórias de maior sucesso de Stephen King.O fato é que eles teria conseguido se o segundo trailer do terror não tivesse revelado a grande mudança em relação ao livro, arruinando qualquer chance de surpresa.
Tanto no livro original quanto no longa de 1989, Louis e Rachel Creed são abalados pela chocante morte de seu filho de dois anos, Gage.
Depois de usar os misteriosos poderes de um antigo cemitério perto de sua casa para trazer seu gato de volta à vida, Louis percebe que também pode ressuscitar Gage. Ele o faz, mas é claro que Gage não retorna o mesmo, trazendo consequências sangrentas.
A nova versão de Cemitério Maldito brinca com as expectativas, fazendo parecer que Gage é a vítima mais uma vez. No entanto, a surpresaacontece quando Louis consegue salvar Gage, fazendo o caminhão atingir a irmã mais velha de Gage, Ellie.É um momento de grande impacto para os fãs do livro de King e do primeiro longa, bem como para qualquer um que ainda não conheça Cemitério Maldito. Ou pelo menos seria se o segundo trailer não tivesse entregado o jogo.
Os diretores defenderam o trailer dizendo que o livro também começou deixando claro que Gage havia morrido. É uma explicação que faria sentido se o começo do filme fosse parecido com o original: o longa começa sugerindo que coisas ruins aconteceram na casa dos Creed, sem deixar claro que uma das crianças morreu.Quando o incidente acontece uma hora depois, não há mais sensação de tragédia. O público já esperava por um incidente que sabia que ia acontecer, e o trailer ainda revelou que Ellie não retornou como Ellie.É uma pena, porque a mudança faz com que a nova versão se destaque bastante em relação à de 1989. Teria sido ótimo se fosse mantida em segredo.

Ah, sei lá. Acho tão forte o primeiro filme terem matado o guri e ele ser o zumbi ali. Uma criança pequena totalmente inocente, morre de um jeito trágico e volta totalmente transtornada. Isso tem muito impacto ainda. Acho que essa mudança pra menina só serviria se viesse assim mesmo como spoiler brabo mesmo, sem ninguém saber, porque pegariam os que conhecem a história de calça arriada. Mas quem não conhece, talvez não faria muita diferença porque seria mais um filme de menina fantasma/zumbi, que já tem muitos por aí. Não sei se o filme acrescentaria muito nisso. Sei lá.

Share this post


Link to post
Share on other sites
On 3/28/2019 at 10:22 AM, Jailcante said:

 (e de certa maneira tudo rola por causa dela - então, seria mais justo)!

 

Por causa dela? Como assim?

 

On 3/28/2019 at 10:34 AM, Jailcante said:

Ah, sei lá. Acho tão forte o primeiro filme terem matado o guri e ele ser o zumbi ali. Uma criança pequena totalmente inocente, morre de um jeito trágico e volta totalmente transtornada. Isso tem muito impacto ainda. Acho que essa mudança pra menina só serviria se viesse assim mesmo como spoiler brabo mesmo, sem ninguém saber, porque pegariam os que conhecem a história de calça arriada. Mas quem não conhece, talvez não faria muita diferença porque seria mais um filme de menina fantasma/zumbi, que já tem muitos por aí. Não sei se o filme acrescentaria muito nisso. Sei lá.

 

 Eu queria que tivessem mantido isso pro cinema, por que ia ser uma puta surpresa. Mas por outro lado, foi só depois que revelaram a mudança que as pessoas começaram a prestar mais atenção no remake. Agora, se terem revelado isso foi um erro ou não, só vendo pra saber.

 Mas eu gostei da justificativa que deram pra mudança. De fato, com um guri de três anos de idade tu tem um monstrinho com uma faca, um Chucky menos articulado basicamente. Com uma criança mais crescida, já dá pra trabalhar um terror um pouco mais psicológico (ainda mais que disseram que a menina ainda vai ter os poderes de médium dela, que no original não servia pra muita coisa, mas ok). Tanto, que aparentemente, a participação da menina zumbi vai ser muito maior nesse filme do que foi o Gage no original, que só aparecia bem no final mesmo. Decididamente, é uma proposta diferente. Agora, se é melhor ou não, já não sei, mas achei bem justificada.

 

Em tempo

 

Em entrevista ao site Bloody Disgusting, Dennis Widmyer e Kevin Kolsch, diretores do reboot de Cemitério Maldito, confirmaram que o filme vai contar com finais alternativos.

 

“Nós filmamos dois desfechos, e ambos eram igualmente assustadores. Então acho que o final alternativo vai estar disponível na edição Blu-ray, então todos poderão escolher. Nós achamos que a Paramount ia nos obrigar a criar um final feliz, mas o segundo que gravamos foi ainda mais chocante que o primeiro. Nós nem achamos que ele ia passar pelo crivo do estúdio, mas acabou passando. É sensacional como eles nos apoiaram nesse filme insano e divertido”, afirmou Widmyer.
 

O filme conta a história do Dr. Louis Creed (Jason Clarke), que, depois de mudar com sua esposa Rachel (Amy Seimetz) e seus dois filhos pequenos de Boston para a área rural do Maine, descobre um misterioso cemitério escondido dentro do bosque próximo à nova casa da família. Quando uma tragédia acontece, Louis pede ajuda ao seu estranho vizinho Jud Crandall (John Lithgow), dando início a uma reação em cadeia perigosa que liberta um mal imprevisível com consequências horripilantes.

 

FONTE: OBSERVATÓRIO DO CINEMA

Share this post


Link to post
Share on other sites

Pet Cemetery é um remake que começa muito bem e com climão sinistro bom, mas que no decorrer parece enrolar com jump scares baratos e cenas gratuitas que não disseram a que vieram. No entanto, seu trunfo tá no ótimo elenco femenino (principalmente a pirralha do mal) e "naquela" cena icônica muito bem feita. É um filme assistível mas que deixa aquela amarga sensação de que podia ter sido bem melhor, até porque o trailer já entrega a grande reviravolta da bagaça. Noutras, faltou pulso autoral pra se destacar da penca de remakes desnecessários. 8-10

Resultado de imagem para cemitério maldito 2019 poster

Share this post


Link to post
Share on other sites

Vou ver hoje.

E imaginar que o outro faz 30 anos esse ano. Vi ele também nos cinemas. Na época, fui ver o Sexta-feira 13 Parte 8, mas tinha saído de cartaz, aí essa tava em cartaz ainda e fui ver ele no lugar. Acho que foi uma boa troca, porque a Parte 8 do Sexta-feira 13 é bem fraquinha, já o Cemitério Maldito considero ele bem melhor e me causou certo impacto sim.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Achei que o diretor queria muito evitar que ficasse igual ao filme dos anos 80 mudando muita coisa, mas aí não conseguia desenvolver as ideais que tinha e ficou jogando as coisas assim ao esmo. E coisas que ele manteve do filme original (ou do livro) acabaram não tendo função maior (como a irmã Zelda ou o do fantasmas que tenta ajudar a família que acabaram ficando muito avulsos mesmo). E tinha ideias ali que se ele fosse em frente poderia ter rendido, pena que não foi adiante. O final ficou meio bagunçado, porque deu pra ver que ele já não sabia mais pra onde ir mais e terminou o filme de qualquer jeito.

 

Enfim, me causou uma grande estranheza por não entender o que estava sendo feito aqui. Mas não sei se cheguei a desgostar (talvez essa estranheza funcione para o bem no fim das contas, sei lá).

 

Ah! A menina zumbi foi mesmo um spoiler que soltaram sem razão nos trailers. A cena do atropelamento deixava claro que era pra confundir o público achando que o menino que seria atingido, mas no fim foi a menina. Como esse filme é da Paramount e com o Jason Clarke, me lembrou o Exterminador do Futuro Genesis onde soltaram que o John Connor era o Exterminador do filme antes do tempo. Paramount tem que urgente trocar esse povo que faz trailers dos filmes dela (principalmente, os que tem o Jason Clarke).

Share this post


Link to post
Share on other sites

outros seres? crossover com a Marvel? agora chutaram pau da barraca...S. King deve pirar com isso!?

 

Continuação de Cemitério Maldito pode trazer Wendigo e outros seres
Cemitério Maldito já pode ser considerado um sucesso, tendo já arrecadado 100 milhões de dólares mundialmente, com um orçamento de 20 milhões. Com intenções de fazer uma continuação já reveladas, o roteirista Jeff Buhler falou ao ComicBook o que poderia ser explorado em uma possível sequência.“Conversamos sobre possíveis continuações e, na maioria das vezes, todos sentem que já contamos a história completa dos Creed”, disse Buhler. “É difícil, existem formas de continuar essa história, essa história em particular, mas parece que voamos em direção a uma montanha um pouco”.“Então, muitas das ideias sobre as quais falamos recentemente, todas foram sobre expandir a mitologia da cidade, os rituais que as crianças apresentam, a mitologia do Micmac, Wendigo, do cemitério, das origens, a vida de Jud”, continuou o roteirista.
Resultado de imagem para wendigo wolverine

Resultado de imagem para incredible hulk 162

Share this post


Link to post
Share on other sites
2 hours ago, Jorge Soto said:

Continuação de Cemitério Maldito pode trazer Wendigo e outros seres
Cemitério Maldito já pode ser considerado um sucesso, tendo já arrecadado 100 milhões de dólares mundialmente, com um orçamento de 20 milhões. Com intenções de fazer uma continuação já reveladas, o roteirista Jeff Buhler falou ao ComicBook o que poderia ser explorado em uma possível sequência.“Conversamos sobre possíveis continuações e, na maioria das vezes, todos sentem que já contamos a história completa dos Creed”, disse Buhler. “É difícil, existem formas de continuar essa história, essa história em particular, mas parece que voamos em direção a uma montanha um pouco”.“Então, muitas das ideias sobre as quais falamos recentemente, todas foram sobre expandir a mitologia da cidade, os rituais que as crianças apresentam, a mitologia do Micmac, Wendigo, do cemitério, das origens, a vida de Jud”, continuou o roteirista.

Não me pareceu. Ficou com cara de coisa incompleta (pra mim), mas enfim. Também não espero e nem tô pedindo que façam outro filme continuando aquilo ali, porque sei lá onde iriam parar continuando aquela situação ali... 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Spoilers:

 

Sabe que tem uma ideia que gostei nesse remake, que deveriam ter levado pra frente (mas não levaram, infelizmente) e assim poderiam ter feito algo relevante aqui. É até uma cena que está nos trailers: Quando a mulher chega em casa e vê a menina zumbi e o pai todo feliz falando que a trouxe de volta. Poderiam ter explorado isso, do cara fazendo tudo pra aquilo ali dar certo (afinal, as melhores cenas do filme é quando o pai tenta interagir com a filha zumbi), ignorando que a menina virou uma coisa estranha, e a mulher meio chocada, mas aceitando a situação e tentando ir na do marido, de que poderia dar certo aquilo. Poderiam ter esticado isso (um terço de filme, pelo menos com isso). Até a irmã da mãe Zelda, que eu achei meio inútil a parte dela aqui, poderia ser mais justificada, porque a mulher teria um repeteco de situação de quando pequena os pais dela, a forçando a conviver com a irmã moribunda, mas adulta, o marido a força a aceitar a filha, conviver com ela. Em ambas situações com ela desconfortável, mas tentando levar tudo. Fariam um paralelo aí nas duas situações. 

Isso seria ótimo. Mas infelizmente cortaram isso logo de cara, já que a menina vai querer matar a mãe logo depois que essa chega na casa, seguida de uma atitude dumb do pai de deixar a menina sozinha junto da mãe (ele foi no vizinho fazer sabe-se lá o que). E aí apelaram pra um final corrido e mal resolvido.

Acho que o filme presta até essa cena da mãe chegando na casa. Depois é uma bagunça só.

Share this post


Link to post
Share on other sites

+ Spoilers:

Imaginando como eu terminaria esse filme:

O Jud fala pro Louis que ele era o dono do gato depois que o enterrou. Esticando essa ideia, então ele seria o dono da menina também. E isso poderia significar que o zumbi não poderia fazer nada com o dono (imaginando aqui). E a menina deu sinais que tava brava com o pai (e até o Jud, ela o matou falando que foi ele que mostrou o cemitério pro pai) por ter trazido ela de volta, mas não poderia fazer nada contra ele. Nisso, a ideia dela matar a mãe deveria ser: Ela mata a mãe, enterraria ela lá no cemitério e como dona dela, faria a mãe matar o pai.

Então, em cima disso, eu colocaria mesmo uma cena do pai tentando formar uma família ali com a menina zumbi e a mãe assustada, numa mesa de jantar naquela noite (o Cage não estaria aqui, ele ficaria com os avós), mas ao sair de casa pra trabalhar, no dia seguinte, a menina teria essa ideia, e perseguiria a mãe (que aqui reviveria o drama que ela teve com a Zelda). No fim, a gente não teria certeza se menina a matou (revelação viria só no final mesmo). E seguiria com o pai chegando em casa à noite depois do trabalho e vendo só a menina, estranhando a falta da mulher. A menina o ameaçaria, o perseguiria, e etc, mas não poderia fazer nada contra ele (coisa que a gente saberia, mas o personagem não), daí, ele consegue matá-la (imagino que a despedida sera ela falando antes de morrer de novo:"Obrigada pai, por me entender", porque ela queria que ele fizesse isso mesmo), pai choraria e tals, mas quando tudo parecia bem, aparece a mãe zumbi e o mataria. Fim.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...
Sign in to follow this  

×
×
  • Create New...