Jump to content
Forum Cinema em Cena

Trilogia Matrix: Definitivo


Qual é o melhor filme da trilogia Matrix?  

30 members have voted

  1. 1. Qual é o melhor filme da trilogia Matrix?

    • Matrix
      59
    • Matrix Reloaded
      12
    • Matrix Revolutions
      11
    • Nenhum. O melhor é o Animatrix
      3


Recommended Posts

O Arquiteto realmente não informa como o crash acontecerá, apenas diz que ele acontecerá e fica claro ali que acontecerá se o Neo entrasse pela outra porta, nada a ver com Smith. O Smith foi uma agravante que melecou os planos de todos: de Neo (que queria salvar todo mundo) e das máquinas (que queriam que Neo fizesse o reboot).

O Arquiteto explica a necessidade do reboot e o que aconteceria caso ele não fosse feito, portanto, esse lance do Smith tá descartado. Ou será que, como Neo, houve outros Smiths antes? Pouco provável, não?

Link to post
Share on other sites
  • Replies 167
  • Created
  • Last Reply

Top Posters In This Topic

Top Posters In This Topic

Popular Posts

Definitivamente não falo do plug. Falo da condição de Neo. Ele é humano... mas também é parte máquina. O seu caráter de anomalia o faz parte integrante da matrix e não mera bateria.Lucas2006-7-31 1:12

Alguém já "jogou" o Second Life?Se não conhece,dá uma olhada no Google.   Já estamos criando nossa Matrix

Nem tanto. Como disse antes, acredito que Smith era algo previsto pelo sistema. Não seria estranho que um escolhido tenha o seu nêmesis. Em outros termos se Smith é o vírus... Neo é o Norton (Ok... a analogia é péssima... mas sempre se desconfiava que a própria Symantec fabricava alguns vírus... então algum sentido faz... hehehehe). Ora... se Neo desse o reboot, tudo zerava... inclusive ele e o Smith. E o ciclo reinicia... com um novo escolhido, que talvez no processo "crie" sua contraparte...

E os planos das máquinas vão por água abaixo por causa única e exclusiva do Neo. Como com todos os escolhidos, o Arquiteto contava com a sua compaixão pela raça humana, que o faria fazer o "reboot" e evitar o extermínio. Mas como o Arquiteto previu, ele era diferente... por ter desenvolvido o amor, que o fez seguir para a outra porta. Já os de Neo caem por terra quando entra por aquela sala... ele definitivamente não libertará os humanos da Matrix.

Link to post
Share on other sites

Lucas, o que coloca em xeque a argumentação é isto:

E o ciclo reinicia... com um novo escolhido' date=' que talvez no processo "crie" sua contraparte...[/quote']

Essa variante de 'criar' sua contraparte seria, nas palavras do Arquiteto, aquele lance de variáveis da equação e particularmente, se o sistema possuísse condições de controlar Smith, jamais as máquinas teriam feito a trégua com Neo. É a trégua que justifica o Revolutions do título. Houve o reboot, mas sem a necessidade do extermínio de Zion.

Link to post
Share on other sites

Hum... não xeque-mate ainda... hehehehehehe

Na verdade você está certo, o sistema não tem condições de controlar o problema-Smith... mas depois que Neo escolhe a outra porta. Antes, o controle era o próprio reboot, que sanava tudo... até o ciclo recomecar. No entanto, não é o que acontece... a harmonia então foi rompida. E aí sim... a trégua é a única solução.

Link to post
Share on other sites

Também não sou um Matrix Maníaco (apesar de ter aberto esse tópico)' date=' mas vamos lá:

Perguntas capiciosas para os matrixmaníacos:

1) Como Neo foi parar naquele limbo no início de Revolutions? Pq?

2) Se a função de Neo era dar um reboot na Matrix (como bem explicado pelo Arquiteto), pq ao entrar pela outra porta, a Matrix não entrou em pane conforme previu o arquiteto?

3) Como Smith 'hackeou' Bane sendo que humanos e máquinas, a prior, 'don't mix'?

4)O que é aquele esqueminha do Oráculo que foi trazido da Matrix para o mundo real e entregue para Neo em Matrix Reloaded? Se é algo que veio da Matrix (e é mesmo, visto que o esqueminha está na cena em que Bane é 'hackeado') como pode ter vindo para o nosso mundo?

5) Por que o conselheiro ajudou Morpheus a zarpar de Zion? Seria ele um homem de fé, sem ter demonstrado isso o tempo inteiro?

6) O que realmente aconteceu com Smith no final?

Kcta!! Tinha esquecido essa do esqueminha que volta para o mundo real... isso é um buraco negro do roteiro...

Rrocha2006-8-25 14:2:46
Link to post
Share on other sites

1) Não sei exatamente' date=' mas pelo que eu entendi aquele lugar é para onde vão os programa sem função ou com defeito antes de serem deletados, e como o Neo já era um "programa" naquele momento e ele não tinha cumprido a função para qual ele foi programado, ficou sem função, e acabou indo pra lá.[/quote']

Make sense, mas pq a Matrix isolaria estes 'programas' no limbo e o deixaria no comando do Trainman, um programa que certamente não foi desenvolvido para esta função, já que o cara é capanga do Merovingian, outro programa renegado?

Mas o Trainman era capanga do Merovingian, provavelmente, ele deve ter corrompido o Trainman, já que este executava uma função importante dentro da Matrix que é o transporte e isolamento de programas.

O Merovingian como "programa renegado" poderia muito bem agir como uma espécie de vírus ou subvírus dentro do sistema, assim ele poderia corromper programas da Matrix ao bel prazer dele.

Claro, que nada disso é explicado nos filmes. A gente aqui fora é que tem que ir deduzindo...smiley36.gif

2) Complementando o que o Lucas disse: Se o Neo não tivesse voltado atrás no Revolutions' date=' o mundo realmente iria acabar, como o Arquiteto tinha previsto. Afinal, as máquinas iriam matar todos os humanos fora da Matrix, e dentro da Matrix, o Smith iria matar os humanos que estavam lá. Não sobraria ninguém.[/quote']

Nada a ver Jail... Neo não voltou atrás em nenhum momento em Revolutions. A existência de Smith o forçou a fazer uma trégua com as máquinas. O Arquiteto diz que se ele falhasse em cumprir sua função, o sistema entraria em pane matando todos que estão conectados... Nunca se falou em prazo, nem nada, o que se deduz que no momento em que Neo se recusa a fazer o reboot, o sistema já deveria pifar...

A trégua só foi possível pq Neo conseguiu mostrar para as máquinas que se Smith não fosse detido, a própria manteneção do sistema se tornaria inviável, da mesma forma como um PC quando pega um vírus. Vc pode conviver com ele até um certo ponto onde ele infecta toda a sua máquina e aí vc precisa formatá-la.

A expressão "voltar atrás", pode significar que o Neo teria se arrependido da escolha, mas não é isso, eu usei essa expressão simplesmente, porque no final do Reloaded, o Neo deixou o lado humano dele o guiar, e escolheu a outra porta, e no Revolutions ele, sem saber o que fazer, deixa o "instinto" dele agir. E como não saber que esse instinto não é parte do programa (ou seja, o "lado máquina" dele)? O programa permite a escolha, mas já poderia induzir o Neo a ir para um lado ou pra outro. No Revolutions, o Neo vai seguindo o "instinto" dele, que na minha opinião, é o programa, e este o guia para o QG das máquinas, e lá ele resolve fazer o que as máquinas queriam. Ele impôs uma condição, mas no final, fez o que o programa queria que ele fizesse deste o começo.

4) Não tô lembrando que esquema é esse. Mas se esse esquema é um papel' date=' simples: É só imprimir para ele vir ao mundo real. [/quote']

smiley5.gif... Imprimir de onde?

E o esquema era um chip que o Bane carrega antes de ser hackeado pelo Smith. Na cena seguinte os caras estão com esse chip e o entregam para Neo.

Revi essa cena ontem. O que vi foi o cara com um envelope saindo da Matrix, e depois um outro cara entregando um chip pro Neo. Mas o envelope era um informação da Matrix (tudo dentro da Matrix é informação), que o cara gravou no chip, que o outro entregou pro Neo. Ele até fala: "A Oráculo lhe enviou isso". Mas ela enviou uma informação, não o chip em si.

Link to post
Share on other sites

O problema com o Smith aó aconteceu nessa versão da Matrix né? Nos boots anteriores esse problema de vírus não tinha acontecido.

Ainda assim' date=' me parece estúpido que as própias máquinhas não tenham consigido eliminar o Smith por elas mesmo...

[/quote']

Mas a Matrix dá para os programas sem função ou com defeitos, a opção de serem deletados ou voltar pra Matrix. Isso já em si, é meio esquisito...smiley36.gif

E mais incrível é que a Matrix pelo jeito não tem controle algum em relação aos programas que voltam ao sistema. Por isso, o Smith fez o que fez.

Jailcante2006-8-25 14:7:56
Link to post
Share on other sites

O problema com o Smith aó aconteceu nessa versão da Matrix né? Nos boots anteriores esse problema de vírus não tinha acontecido.

Ainda assim' date=' me parece estúpido que as própias máquinhas não tenham consigido eliminar o Smith por elas mesmo...

[/quote']

Mas a Matrix dá para os programas sem função ou com defeitos, a opção de serem deletados ou voltar pra Matrix. Isso já em si, é meio esquisito...smiley36.gif

E mais incrível é que a Matrix pelo jeito não tem controle algum em relação aos programas que voltam ao sistema. Por isso, o Smith fez o que fez.

Pois é, controlam tudo, armam milhões de esquemas de controle para que a humanidade seja mantida numa falsa crença de que pode vencer, mas não tem um esquema de limpeza do sistema?

Link to post
Share on other sites

Hum... não xeque-mate ainda... hehehehehehe

Na verdade você está certo' date=' o sistema não tem condições de controlar o problema-Smith... mas depois que Neo escolhe a outra porta.[/quote']

Será?

Antes' date=' o controle era o próprio reboot, que sanava tudo... até o ciclo recomecar. No entanto, não é o que acontece... a harmonia então foi rompida. E aí sim... a trégua é a única solução.[/quote']

Not quite... Se tudo que precisava ser feito era o reboot, bastava Neo fazer a trégua e dizer 'eu faço o reboot e com isso destruo o Smith e vcs não destroem Zion'... Neo enfrentou Smith e se deixou destruir por ele justamente pq o reboot não resolveria a questão por razões óbvias: Smith era Neo... um reboot só prejudicaria a situação. Já experimentou dar um reboot no seu PC com vírus ANTES de passar o anti-vírus? smiley36.gif

Era necessário derrotar Smith do jeito que foi feito para a seguir fazer o reboot e deixar tudo bunitinho.

Link to post
Share on other sites

Mas o Trainman era capanga do Merovingian' date=' provavelmente, ele deve ter corrompido o Trainman, já que este executava uma função importante dentro da Matrix que é o transporte e isolamento de programas.

O Merovingian como "programa renegado" poderia muito bem agir como uma espécie de vírus ou subvírus dentro do sistema, assim ele poderia corromper programas da Matrix ao bel prazer dele.

Claro, que nada disso é explicado nos filmes. A gente aqui fora é que tem que ir deduzindo...smiley36.gif

[/quote']

Make sense...

Mas ainda não explica como Neo pode ter se desconectado no final de Reloaded e sua consciência ido parar na lixeira da Matrix após confrontar as sentinelas.

A expressão "voltar atrás"' date=' pode significar que o Neo teria se arrependido da escolha, mas não é isso, eu usei essa expressão simplesmente, porque no final do Reloaded, o Neo deixou o lado humano dele o guiar, e escolheu a outra porta, e no Revolutions ele, sem saber o que fazer, deixa o "instinto" dele agir. E como não saber que esse instinto não é parte do programa (ou seja, o "lado máquina" dele)? O programa permite a escolha, mas já poderia induzir o Neo a ir para um lado ou pra outro. No Revolutions, o Neo vai seguindo o "instinto" dele, que na minha opinião, é o programa, e este o guia para o QG das máquinas, e lá ele resolve fazer o que as máquinas queriam. Ele impôs uma condição, mas no final, fez o que o programa queria que ele fizesse deste o começo.

[/quote']

smiley5.gif

Jail, é mais simples do que vc imagina: Neo tomou a decisão de ir à cidade das máquinas já disposto a fazer um acordo com as máquinas. Isso ocorre após a conversa com o Oráculo, onde descobrimos que Smith é o oposto de Neo. É ali que Neo percebe que precisa lutar com Smith, derrotá-lo, para salvar todo mundo.

Revi essa cena ontem. O que vi foi o cara com um envelope saindo da Matrix' date=' e depois um outro cara entregando um chip pro Neo. Mas o envelope era um informação da Matrix (tudo dentro da Matrix é informação), que o cara gravou no chip, que o outro entregou pro Neo. [/quote']

Hã? Envelope era informação? smiley5.gifsmiley5.gif

Link to post
Share on other sites

 

 

Voce vai prender sua conclusão filosófica do filme em apenas uma fala de um agente?? Jesus Cristo era parte humano e parte deus. E para os céticos apenas humano também.

Sim, ué. Se os próprios agentes da Matrix reconhecem ele assim, o que posso fazer?

Não acredito que essa 'fala' esteja ali para nada..

E o que há de errado eu ter interpretado o filme diferente de você?

Pô, é só um ponto de vista diferente, cara.

Minha visão seria um pouco mais "cética" que a sua? smiley36.gif

eheh

 

E o Arquiteto fala pro neo(mais ou menos assim, preciso rever o filme, não lembro com exatidão): "..vc veio aqui, blá, blá, blá, tem várias  perguntas e continua irremediavelmente humano.."

mdg2006-8-25 19:39:50

Link to post
Share on other sites

 

Kcta!! Tinha esquecido essa do esqueminha que volta para o mundo real... isso é um buraco negro do roteiro...

Aquilo era uma gravação, não?

Uma espécie de CD da nossa tecnologia.

Isso que "quebra" as pernas do filme Matrix, têm que assistir os animatrix e até jogar para entender um "pouco mais" ou saber sobre os detalhes. O filme deveria funcionar por sí só.

 

Link to post
Share on other sites

Hum... não xeque-mate ainda... hehehehehehe
Será?.

Ainda tenho alguns peões antes do rei...

Not quite... Se tudo que precisava ser feito era o reboot' date=' bastava Neo fazer a trégua e dizer 'eu faço o reboot e com isso destruo o Smith e vcs não destroem Zion'... Neo enfrentou Smith e se deixou destruir por ele justamente pq o reboot não resolveria a questão por razões óbvias: Smith era Neo... um reboot só prejudicaria a situação. Já experimentou dar um reboot no seu PC com vírus ANTES de passar o anti-vírus? smiley36.gif

Era necessário derrotar Smith do jeito que foi feito para a seguir fazer o reboot e deixar tudo bunitinho. [/quote']

Em Reloaded, Smith é considerado um obstáculo por Neo, não o problema. Ele só vai entender que deve enfrentar o ex-agente para consertar as coisa em Revolutions. Portanto... essa proposta dificilmente partiria do Neo. E o Arquiteto aceitaria? O mesmo disse que as máquinas poderiam resistir a outros níveis de sobrevivência (até porque ele sabia que Neo iria escolher a outra porta)... as máquinas só vão entender a gravidade da situação quando Neo vai interceder à elas no terceiro filme. Em suma o que o Arquiteto disse: "Você poderia salvar a raça humana, mas como tornou-se um idiota apaixonado não irá fazer. Nós estaremos preparados para viver sem a matrix, vocês não. Conviva o pouco que lhe resta de vida com isso".

Ao meu entender... no momento em que acontece a conversa, Smith ainda não tinha comprometido o sistema, início de infecção. Ou aquele momento em que você sente que tem algo errado na sua máquina, mas pensa "ah... não é nada"... e como acontece sempre nestes casos... se fode depois. Enfim... nesse momento, aí sim um reboot não vai servir pra porra nenhuma. Aquela era a hora, depois nunca mais.

Link to post
Share on other sites

A expressão "voltar atrás"' date=' pode significar que o Neo teria se arrependido da escolha, mas não é isso, eu usei essa expressão simplesmente, porque no final do Reloaded, o Neo deixou o lado humano dele o guiar, e escolheu a outra porta, e no Revolutions ele, sem saber o que fazer, deixa o "instinto" dele agir. E como não saber que esse instinto não é parte do programa (ou seja, o "lado máquina" dele)? O programa permite a escolha, mas já poderia induzir o Neo a ir para um lado ou pra outro. No Revolutions, o Neo vai seguindo o "instinto" dele, que na minha opinião, é o programa, e este o guia para o QG das máquinas, e lá ele resolve fazer o que as máquinas queriam. Ele impôs uma condição, mas no final, fez o que o programa queria que ele fizesse deste o começo.

[/quote']

smiley5.gif

Jail, é mais simples do que vc imagina: Neo tomou a decisão de ir à cidade das máquinas já disposto a fazer um acordo com as máquinas. Isso ocorre após a conversa com o Oráculo, onde descobrimos que Smith é o oposto de Neo. É ali que Neo percebe que precisa lutar com Smith, derrotá-lo, para salvar todo mundo.

A minha visão é pessimista. A Oráculo fazia parte do programa e naquela hora, ela estava apenas convencendo o Neo pra ir fazer o que as máquinas queriam.

Eu não vejo o Neo como herói, o filme fez justamente quebrar essa imagem dele. Ele era parte do sistema e só. A função dele no filme era a de abrir os olhos dos humanos, para que eles não esperem mais por um "herói", e se quisessem se livrar das máquinas teriam que contar apenas com eles mesmos. Mas os humanos não entenderam, e logo que as máquinas foram embora, já comemoram chamando o Neo de herói. Ou seja, tudo começa de novo...

Jailcante2006-8-28 18:42:1
Link to post
Share on other sites

Depende do ponto-de-vista... Neo pode não ser o herói que imaginávamos no inicio de sua jornada. Mas ao quebrar a lógica que regia todos os ciclos da matrix, ele coloca as relações entre humanos e máquinas em um outro patamar. Pode sim tudo voltar a ser como antes... mas é o começo de algo novo. Talvez essa seja a mensagem mais interessante, ao menos pra mim, que a série passou: as intolerâncias não acabam da noite para o dia, mas se um primeiro passo não for dado, elas nunca acabarão mesmo.

Link to post
Share on other sites
  • 3 weeks later...

Achei que tinha postado ontem, enfim...

 

The Matrix<?:namespace prefix = o ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:office" /><?:NAMESPACE PREFIX = O /><?:NAMESPACE PREFIX = O />

 

Acabo de rever pela enésima vez no SBT. Ah, mas que raio de filme é esse?! Quase estraçalho com o protocolo e meto um “10/10” aí em cima. Dos que eu vi, o melhor da década de 90, seguido por Pulp Fiction, À Espera de Um Milagre e Se7en. Recheado de filosofia, de referências e estas coisas que os punheteiros mentais, como eu, adoram. As metáforas são geniais, como o espelho que se liquefaz, a ressurreição, a mão levantada, messias, mito da caverna, a colher que se dobra com o reflexo, enfim. A aura de clássico também encharca Matrix de quadro a quadro. Os figurinos, a chuva, o verde e azul, o bullet time, o tiroteio do saguão, o duelo do metrô, enfim de novo.

 

O único ponto fraco do filme é exatamente o Keanu Reaves. Até o dublador do cara é péssimo. Mas isto não chega a prejudicar o filme de maneira mais forte, até porque, já é, hoje, difícil imaginar outro ator no mesmo papel (e, concordemos, melhor ele que o Will Smith, que importaria todas aquelas piadinhas infames de MIB e Bad Boys para Matrix).

 

Enfim outra vez, Matrix pode não ter sido agraciado com uma conclusão de trilogia brilhante (longe, meu Deus, léguas disso), mas nem por isto este primeiro filme deve ser diminuído. Terei orgulho, daqui a 30 anos, de dizer “ah, esse filme é do meu tempo”. Acho mesmo que sua aprovação se intensificará com o tempo.
Forasteiro2006-09-25 09:12:45
Link to post
Share on other sites
Olha turma' date=' para mim, teremos um quarto filme![/quote']

 

Considerando o que eu tinha dito no 1º post

 

 

E nem considero Matrix uma "trilogia" pra mim' date=' é "bilogia" mesmo, já que o Reloaded e Revolutions poderiam muito bem se chamar "Matrix Reloaded Volume 1 e 2", já que se trata de um filme só dividido em 2. O verdadeiro Matrix Revolutions, a conclusão da trilogia, nunca existiu.

 

[/quote']

 

Sabe-se lá se os diretores algum dia resolvem filmar o verdadeiro Matrix Revolutions (que eles não filmaram), e aí teremos um Matrix 4. Acho pouquíssimo provável, mas não ponho minha mão no fogo. E pra mim, acho que eles até já filmaram. Seria o tal V de Vingança que não assisti, mas pelo que vi trata desse tema do "povo se voltando contra o sistema" (que seria o tema principal do Revolutions originalmente).
Link to post
Share on other sites
  • 1 month later...

 

Também não sou um Matrix Maníaco (apesar de ter aberto esse tópico)' date=' mas vamos lá:

Perguntas capiciosas para os matrixmaníacos:

1) Como Neo foi parar naquele limbo no início de Revolutions? Pq?

2) Se a função de Neo era dar um reboot na Matrix (como bem explicado pelo Arquiteto), pq ao entrar pela outra porta, a Matrix não entrou em pane conforme previu o arquiteto?

3) Como Smith 'hackeou' Bane sendo que humanos e máquinas, a prior, 'don't mix'?

4)O que é aquele esqueminha do Oráculo que foi trazido da Matrix para o mundo real e entregue para Neo em Matrix Reloaded? Se é algo que veio da Matrix (e é mesmo, visto que o esqueminha está na cena em que Bane é 'hackeado') como pode ter vindo para o nosso mundo?

5) Por que o conselheiro ajudou Morpheus a zarpar de Zion? Seria ele um homem de fé, sem ter demonstrado isso o tempo inteiro?

6) O que realmente aconteceu com Smith no final?

Kcta!! Tinha esquecido essa do esqueminha que volta para o mundo real... isso é um buraco negro do roteiro...

 

Será mesmo que é um buraco, ou nada mais do que a comprovação de que Zion é uma outra instância da Matrix?

 

The Spartan

 

Link to post
Share on other sites

O Arquiteto realmente não informa como o crash acontecerá' date=' apenas diz que ele acontecerá e fica claro ali que acontecerá se o Neo entrasse pela outra porta, nada a ver com Smith. O Smith foi uma agravante que melecou os planos de todos: de Neo (que queria salvar todo mundo) e das máquinas (que queriam que Neo fizesse o reboot).

O Arquiteto explica a necessidade do reboot e o que aconteceria caso ele não fosse feito, portanto, esse lance do Smith tá descartado. Ou será que, como Neo, houve outros Smiths antes? Pouco provável, não?

[/quote']

 

Revi o final ontem no SBT. O Arquiteto não fala em prazos, mas o Neo conversando com o Morfeu, fala que em "24 horas tudo vai ser destruído". Daonde o Neo tirou esse prazo (já que o Arquiteto não falou nada sobre isso), aí eu já não sei.06
Link to post
Share on other sites

Também não sou um Matrix Maníaco (apesar de ter aberto esse tópico)' date=' mas vamos lá:

Perguntas capiciosas para os matrixmaníacos:

1) Como Neo foi parar naquele limbo no início de Revolutions? Pq?

2) Se a função de Neo era dar um reboot na Matrix (como bem explicado pelo Arquiteto), pq ao entrar pela outra porta, a Matrix não entrou em pane conforme previu o arquiteto?

3) Como Smith 'hackeou' Bane sendo que humanos e máquinas, a prior, 'don't mix'?

4)O que é aquele esqueminha do Oráculo que foi trazido da Matrix para o mundo real e entregue para Neo em Matrix Reloaded? Se é algo que veio da Matrix (e é mesmo, visto que o esqueminha está na cena em que Bane é 'hackeado') como pode ter vindo para o nosso mundo?

5) Por que o conselheiro ajudou Morpheus a zarpar de Zion? Seria ele um homem de fé, sem ter demonstrado isso o tempo inteiro?

6) O que realmente aconteceu com Smith no final?

Kcta!! Tinha esquecido essa do esqueminha que volta para o mundo real... isso é um buraco negro do roteiro...



Será mesmo que é um buraco, ou nada mais do que a comprovação de que Zion é uma outra instância da Matrix?

The Spartan

 

Acho que esse papo de Matrix dentro da Matrix, eu acho que não. É um assunto que só foi tocado no Reloaded, mas depois no Revolutions toda essa explicação cai por terra.

 

Sobre o chip: Eu ainda estou voando nesse assunto.1206 Não sei que esquema é esse. O que vi foi um cara colocando o envelope no bolso e saindo da Matrix, depois outro entrega para o Neo um chip, e fala que a Oráculo mandou pra ele. Se esse chip saiu da Matrix, acho que não, só a informação dele é que foi copiada para o chip, mas sei lá...
Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...

Announcements


×
×
  • Create New...