Jump to content
Forum Cinema em Cena

Som & Fúria - Globo - Dir.: Fernando Meirelles


Jailcante
 Share

Recommended Posts

Nova minissérie Global na área, dessa vez dirigida por Fernando Meirelles com um elencão de dar inveja.

 

 

 

Todo ano a Globo aposta em uma mini-série e em 2009 isso não será diferente. Som e Fúria será a bola da vez da emissora ano que vem. A trama mostrará os bastidores de duas companhias de teatro. Uma, bem sucedida, é dirigida por Oliveira (Pedro Paulo Rangel), na qual atua Elen (André Beltrão), e a outra, falida, por Dante (Felipe Camargo). Mas os dois não estão satisfeitos com seus trabalhos.

 

No passado, Dante, Oliveira e Elen, eram amigos e faziam parte de uma companhia de teatro. Durante uma apresentação de Hamlet, em que Dante fazia o protagonista da obra, ele sofre um colapso e foge, desaparecendo. Isso acabou mudando a vida dos três. Sete anos depois eles se vêem frente a frente de novo nas duas companhias que citei acima.

Com ironia e bom humor, Som e Fúria mostrará o dia-a-dia das companias, em que as questões pessoais e profissionais entrarão em conflito, criando tramas e dramas entre atores, diretores e patrocinadores das mesmas.

O elenco conta no elenco ainda com Dan Stulbach, Daniel Oliveira, Regina Casé, Genro Camilo, Rodrigo Santoro, Maria Flor, Chris Couto, Débora Falabella e Paulo Betti e os novatos Cecilia Homem de Melo, Antônio Fragoso, Ique Gomez e Nico Nicolaiewsky, Maria Helena Chiara, Liana Naomi e Juliano Cazarré.

A minissérie é uma co-produção da Globo em parceria com a produtora independente O2 Filmes (a mesma de filmes como Cidade dos Homens), e é uma adaptação da série canadense Slings and Arrows, que retrata os bastidores de uma companhia de teatro que interpreta obras de Shakespeare.

Som e Fúria é dirigida por Fernando Meirelles. Gisele Barroco, Toniko Mello, Fabrizia Pinto e Rodrigo Meirelles também assinam a direção dos capítulos. A série tem previsão de estréia para o início do ano que vem.

[/quote']

 

 

06/07/2009 - 00h55

"Acho que 'Som & Fúria' vai fazer Shakespeare virar um autor popular de novo"' date=' torce o diretor Fernando Meirelles

 

PopTevê

"Loucura, luxúria, tudo isso tem no 'Som & Fúria'". A chamada da próxima minissérie da Globo - que estreia nesta terça, às 22h30 - resume bem e de forma bem-humorada a ideia de mostrar o cotidiano conflituoso, mas ao mesmo tempo divertido, de uma excêntrica companhia teatral.

 

Baseada na série canadense "Slings And Arrows", os 12 capítulos - produzidos em parceria com a O2 Filmes - retratam de maneira inteligente e acessível o dia a dia de uma fictícia trupe de teatro shakespeariana que reside no Teatro Municipal de São Paulo. "Me encanta a possibilidade de apresentar alguns trechos de peças de Shakespeare de uma maneira que tenho certeza que o espectador vai entender", descreve Fernando Meirelles, criador e diretor da versão brasileira da série, gravada no segundo semestre do ano passado em São Paulo.

Com um elenco estelar - composto por Pedro Paulo Rangel, Regina Casé, Andréa Beltrão, Felipe Camargo, Maria Flor, Paulo Betti e Débora Falabella, entre outros -, a produção tem início quando, durante uma montagem de "Hamlet", Dante (Felipe Camargo), no auge de sua carreira como ator, surta e sai correndo do palco. E abandona os amigos da Companhia de Teatro do Estado, como a atriz Elen (Andréa Beltrão), e o diretor Oliveira (Pedro Paulo Rangel). "O Dante é um Hamlet às avessas. Mas, ao contrário do príncipe da Dinamarca, ele não quer vingança, mas sim juntar os pedaços do seu passado e seguir adiante", filosofa Felipe Camargo.

Sete anos se passam e, nesse meio tempo, Dante abre uma pequena companhia teatral: a Sans Argent, expressão francesa que, em português, significa sem dinheiro. Os destinos dos três voltam a se cruzar quando, na noite de abertura de "Sonho de Uma Noite de Verão", Oliveira assiste à televisão e, durante um noticiário, vê Dante sendo despejado de seu teatro por falta de pagamento. Revendo o amigo, decide telefonar para ele. Os dois trocam acusações sobre o destino que cada um tomou depois da trágica apresentação de "Hamlet" e, após a discussão, Oliveira caminha pelo Centro de São Paulo, quando é atropelado por um caminhão de presunto e morre. A partir daí, a vida de Dante sofre uma reviravolta. "Depois que morre, o Oliveira começa a assombrar o teatro e faz uma parceria com o Dante na direção da companhia", adianta Pedro Paulo Rangel, que passa o resto da produção como um fantasma.

Com a morte do amigo, Dante é convidado a assumir a direção artística da Companhia de Teatro do Estado. Lá, ele reencontra Elen, que está em crise por estar envelhecendo e não poder mais interpretar as princesas, mas sim as rainhas, e conhece uma série de jovens atores, entre eles Kátia e Jaques, vividos, respectivamente, por Maria Flor e Daniel Oliveira. "A Elen está em outro patamar. Ela não faz mais a Ofélia, mas sim a Gertrudes. O pânico dela é virar a ama daqui a alguns anos", brinca Andréa Beltrão, confessando que a minissérie retrata bem os bastidores do teatro e, principalmente, os anseios dos atores. "É claro que tem um brilhozinho a mais. Mas é bem fiel ao nosso dia a dia. Tanto que me sentia como se estivesse no meu teatro", reconhece.

Na outra ponta da história, estão Ricardo e Graça, personagens vividos, respectivamente, por Dan Stulbach e Regina Casé. Enquanto ele é o ingênuo diretor financeiro da companhia, ela é a maquiavélica funcionária recém-nomeada pela Secretaria de Cultura para o teatro. Completamente avessa às obras de Shakespeare, a dupla só quer atrair plateia e patrocinador para a companhia. Essa é outra questão, aliás, que a minissérie traz à tona: até que ponto se deve alavancar a bilheteria de um teatro. "Acho que 'Som & Fúria' vai fazer Shakespeare virar um autor popular de novo. Essa é a minha expectativa", torce Fernando Meirelles, que assina a direção da minissérie ao lado de Toniko Melo, Gisele Barroco, Fabrízia Pinto e Rodrigo Meirelles.

som_e_furia_560.jpg


Quem é quem em "Som & Fúria"

Dante (Felipe Camargo) - Representa o artista por excelência: apaixonado, talentoso, dramático e "meio louco". Durante a montagem de um "Hamlet", pira e sai correndo do palco. Depois de algum tempo de internação psiquiátrica, vira diretor de uma pequena e falida companhia de teatro alternativo: a Sans Argent.

Oliveira Welles (Pedro Paulo Rangel) - Diretor da Companhia de Teatro do Estado há mais de dez anos. Inteligente e sarcástico, tem muito prestígio no meio artístico. Ultimamente, porém, sua criatividade vem se esgotando. Tem saudade do tempo em que trabalhava com Dante, cujo auge aconteceu na montagem de "Hamlet".

Elen (Andréa Beltrão) - É a grande dama da Companhia de Teatro do Estado. Vive em crise por estar envelhecendo. Acostumada a interpretar a Ofélia de "Hamlet", agora faz a rainha na mesma peça. Viveu um romance apaixonado com Dante no passado, mas ele a abandonou pois acreditava que ela e Oliveira tinham um caso. Hoje namora garotões cada vez mais jovens.

Ricardo da Silva (Dan Stulbach) - É o diretor financeiro da Companhia de Teatro do Estado. Ambicioso, tenta tornar a arte lucrativa e mais popular e, por isso, vive em conflito com Dante e o resto dos artistas.

Ana (Cecília Homem de Melo) - É a vice-secretária-geral da companhia. Eficiente, porém muito tímida, vive às voltas com os conflitos entre artistas e produtores.

Graça (Regina Casé) - Funcionária recém-nomeada pela Secretaria de Cultura do Estado, usa toda a sua autoridade e poder para tentar colocar Ricardo como diretor do teatro. É que os dois planejam transformar o lugar em uma moderna empresa de musicais.

Kátia (Maria Flor) - Atriz iniciante, talentosa e idealista, tem sua primeira grande chance de viver um papel de destaque quando a atriz escalada para o papel de Ofélia na nova montagem sofre um acidente. Vive um romance com Jaques.

Jaques Maya (Daniel Oliveira) - Ator que veio da televisão para fazer "Hamlet" dentro da política para alavancar a bilheteria do teatro, sofre preconceito dos atores mais velhos. Se apaixona por Kátia e, surpreendentemente, se mostra um ótimo ator em cena.

Sanjay (Rodrigo Santoro) - Apresenta-se como um badalado publicitário. Isso porque tem um método polêmico e provocador de trabalho, o que ocasiona impacto na mídia. Mas, ao final, se revela um grande picareta.

Oberon (Paulo Betti) - Antigo ator da companhia, já acomodado em seus papéis, representa Rei Cláudio na montagem inicial de "Hamlet". Inicialmente, desafia a direção de Dante. Mais tarde, porém, revê sua posição e o apoia.

Sarah (Débora Falabella) - Jovem e talentosa atriz, é convidada a integrar a Companhia de Teatro do Estado para desempenhar o papel de Julieta. Tem um confronto inicial com o diretor Oswald Thomas, já que discorda frontalmente da concepção que ele pretende dar à peça.

Clara (Maria Helena Chira) - Jovem atriz completamente desprovida de talento. Só faz parte da Companhia de Teatro do Estado por imposição política do titular da pasta do Secretário de Cultura do Estado. Faz contraponto à graça e sensibilidade natural de sua "stand-in" Kátia.

Kleber (Juliano Cazarré) - Motoqueiro, trabalha em serviço de entregas e nas horas vagas participa de competições. Tem uma relação com a diva da companhia.

Naum (Gero Camilo) - Funcionário humilde do Teatro Municipal, é amigo e conselheiro de todos os atores e diretores da companhia. Conhece todos os clássicos e vive e respira teatro durante toda a vida.

Patrick (Leonardo Miggiorin) - Jovem ator da companhia, é escalado para interpretar Romeu. É gay assumido e acaba surpreendendo a si próprio ao se deixar envolver pela atriz Sarah, que vive Julieta. A força da peça os faz reinventar a relação apaixonada dos amantes de Verona.

Oswald Thomas (Antonio Fragoso) - Diretor polêmico, vê a direção teatral como show de efeitos especiais. Acaba se rendendo à vitalidade dos personagens e reencontra a essência proposta pelo teatro de Shakespeare.

Milu Silverstone (Haydée Bittencourt) - Curadora da companhia do Teatro Municipal, luta bravamente contra a visão mercantilista que a direção executiva quer imprimir à companhia teatral. Tenta preservar o espírito dos clássicos e acaba sucumbindo fisicamente nessa luta de poderes.

(Por Carla Neves)

<>

#uolcelular { clear: both; margin:1.5em 0 0 0; font-size:0.8em; }

#uolcelular h3 { background:#efefef;color:#000;font:bold 1.1em arial;padding:3px;height:12px;display:block;margin:0;padding-left:1em;}

#uolcelular #borda { height:3em;border:1px solid #efefef;color:000;font:normal 13px arial;background:url(http://img.uol.com.br/wap-ico.gif) 1em 0.4em no-repeat;padding:0;padding-top:1.1px; }

#uolcelular #borda #txtCel { margin: 0.2em 0 1em 4em; *margin-bottom:1em; }

#uolcelular #borda #txtCel a {color:#666666; text-decoration:none; }

#uolcelular #borda #txtCel a:hover { text-decoration:underline; }

#uolcelular #borda #txtCel a strong {color:#000000;}

 

 

[/quote']

 

Parece meio feito para "rato de teatros" (não é meu caso), mas mesmo assim me pareceu interessante e a Dir do Meirelles inspira confiança.
Link to comment
Share on other sites

  • Replies 50
  • Created
  • Last Reply

Top Posters In This Topic

Eu vi o primeiro capítulo no YOU TUBE e achei muito bom !!!!

 

Me desculpe, mas comparar "SOM E FÚRIA" com "Sai de Baixo" ou "Toma Lá Da Cá" é uma ofensa sem tamanho...

 

O que mais me deixou em êxtase no primeiro episódio é o talento dos atores deste elenco, todos, sem exceção, seja os principais ou coadjuvantes. Como temos gente talentosa, como temos atores tão qualificados, muito bom, muito bom. Felipe Camargo se saindo um perfeito Wagner Moura (isso não é menosprezo, mas me lembrei várias vezes do ator baiano), ótimo, equilibrado, confiante; Andréa Beltrão está divina em cena; Pedro Paulo Rangel, maravilhoso; Dan Stulbach ainda precisa acertar o tom, Regina Casé tb, mas a dupla promete; série bem produzida, bem dirigida, bem escrita... fotografia belíssima, trilha sonora inspirada... humor e drama na medida certa... fiquei bastante empolgado...

 

Uma pena que o 2º capítulo ainda não esteja disponível na NET...
Thiago Lucio2009-07-09 12:35:27
Link to comment
Share on other sites

Por favor, né, mais essa??? Globo, vírgula... trata-se de uma produção da 02, produtora do Fernando Meirelles. Logicamente que a Vênus Platinada ajudou e tal, mas "Som & Fúria" só é o que está mostrando ser justamente por se caracterizar totalmente fora do "padrão Globo de qualidade". A série é bem melhor do que isso... Thiago Lucio2009-07-10 05:34:16
Link to comment
Share on other sites

Vi ontem e adorei.

Sei lá pq me lembrou tremendamente o humor feito pelo "Terça Insana"! 05

 

Fui ver a série só por causa de Daniel  de Oliveria (depois de "Cazuza" e "Zuzu Angel"...afff! 10).

Daí vi que no elenco tb tinha a Regina Casé, sempre extrapolando !

As vezes tenho a impressãod e que ela está interpretando a si mesma!

Gostei tb em ver Felipe Camargo de volta.

 

Dizem que se a audiência for boa eles farão uma segunda temporada.
Link to comment
Share on other sites

A série foi co-produzida pela O2. O convite aos atores foi feito pelo produtora, em alguns casos, pelo próprio Fernando Meirelles. O contrato que a 02 tem com a Globo é a de produzir um determinado número de programas por ano (vide "Cidade dos Homens") para que sejam exibidos na grade da emissora. O que se vê em "SOM & FÚRIA" é muita mais 02 do que Globo (e estou colocando em pauta muito mais os méritos artísticos do que financeiros).03

 

Assisti o 2º e o 3º capítulos ontem. Continua muito bom. O Felipe Camargo está sensacional, maravilhoso!!!! Está numa ótima fase, numa jornada especial. Há coadjuvante deliciosos em cena tb. Td muito gostoso...06
Thiago Lucio2009-07-11 11:02:19
Link to comment
Share on other sites

Acho que o sucesso vem mais do ótimo elenco e da mãozona do Meirelles.

Só isso já seria (é) um chamariz p/ muitos dar uma espiadinha na série.

 

By the way...

0,,21262402-EXV,00.jpg

 

Quem estreia nesta semana na nova minissérie "Som & Fúria", é Rodrigo Santoro, que interpreta o publicitário Sanjay. A atração, que está no ar desde a semana passada, tem sido sucesso de crítica e público, em grande parte, pela direção de Fernando Meirelles.
Na trama, Santoro vive um badalado publicitário. E é justamente nesse universo que a história se desenrola.
Polêmico e provocador, Sanjay tenta aparecer a qualquer custo, mas, no fundo, não passa de um picareta. Para compor o personagem, Rodrigo foi a fundo na temática new-age e se inspirou nos jovens executivos indianos que vivem nos Estados Unidos.
Para o look, ele abusou de cajal nos olhos e pó bronzeador, para escurecer a pele.

Fonte:Glamurama

Indiano?!  WTF ! 13

Are baba! 09

 

Como disseram Santoro anda fazendo muito papel de homo, viu? Aff! think.gif
<?:namespace prefix = o ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:office" />

MariaShy2009-07-14 16:17:53
Link to comment
Share on other sites

É, o horário é ruim mesmo.

Eles deveriam passar após a novela, afinal minisérie não tem uma duração tão extensa assim.

 

Talento o Felipe Camargo sempre teve, o problema dele é outro.

Sei lá, mas me parece que tempos atrás ele teve problemas com alcool ou drogas. Durante seu casamento com Vera Fisher as revistas publicavam brigas homéricas dos dois.

 

By the way, linda de morrer a cena de Daniel Oliveria no  famoso trecho "Ser ou não Ser", qd ele vence o pânico de palco e começa a mostrar o seu Hamlet... aff! 101010

 
Link to comment
Share on other sites

É, o horário é ruim mesmo.

Eles deveriam passar após a novela, afinal minisérie não tem uma duração tão extensa assim.

 

Talento o Felipe Camargo sempre teve, o problema dele é outro.

Sei lá, mas me parece que tempos atrás ele teve problemas com alcool ou drogas. Durante seu casamento com Vera Fisher as revistas publicavam brigas homéricas dos dois.

 

By the way, linda de morrer a cena de Daniel Oliveria no  famoso trecho "Ser ou não Ser", qd ele vence o pânico de palco e começa a mostrar o seu Hamlet... aff! 101010

 
[/quote']

 

 

Eu sei Maria, mas esses problemas dele com a Vera já faz muitos anos e o cara tava no ostracismo, o capítulo de quarta-feira foi incrível e acho que vem mais coisa boa por aí.
Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...
 Share

Announcements


×
×
  • Create New...