Jump to content
Forum Cinema em Cena

Não suporto José Wilker


kilegal22
 Share

Recommended Posts

 

Eu não sei voces, mas eu não suporto os comentaristas brasileiros do Oscar. É cada um pior que o outro. Não suporto comentários do José Wilker, Rubens Ewald Filho e Arnaldo Jabor. Será que é tão difícil comentar uma premiação tão importante quanto o Oscar sem uma visão preconceituosa desses três "críticos" sem mostrarem o show de preconceito que eles têm contra filmes comerciais que concorrem à premiação? Esses "criticos" ao invés de comentarem os filmes na sua formação ficam tanto show de preconceitos. Se acham os senhores da sabedoria cinematográfica. Eu abomino estes comentaristas e gostaria um dia poder ver o Oscar sem comentários preconceituosos desses "críticos". Essa é a minha opinião.
Link to comment
Share on other sites

A minha opinião é que eles tem que mostrar mesmo a opinião deles. E foi show ver o Wilker detonando Avatar durante a noite toda "é, mas Guerra ao Terror venceu seus prêmios concorrendo com Avatar, já o Avatar só ganhou quando não estava na concorrência com esse" 1606

 

Wilker ruleia 16
Link to comment
Share on other sites

 

Eu não sei voces' date=' mas eu não suporto os comentaristas brasileiros do Oscar. É cada um pior que o outro. Não suporto comentários do José Wilker, Rubens Ewald Filho e Arnaldo Jabor. Será que é tão difícil comentar uma premiação tão importante quanto o Oscar sem uma visão preconceituosa desses três "críticos" sem mostrarem o show de preconceito que eles têm contra filmes comerciais que concorrem à premiação? Esses "criticos" ao invés de comentarem os filmes na sua formação ficam tanto show de preconceitos. Se acham os senhores da sabedoria cinematográfica. Eu abomino estes comentaristas e gostaria um dia poder ver o Oscar sem comentários preconceituosos desses "críticos". Essa é a minha opinião.
[/quote'] Eu gosto do Rubens, do Jabor mas de fato o José Wilker comentando o Oscar foi chato pacas! Ele não sabia fazer outra coisa a não ser detonar Avatar e resaltar a "superioridade" de filmas feitos com produção simples, menos recursos. Só pq os filmes brasileiros não investem 500 milhões de dolares o cara quer ganhar a concorrência no deboche. Ah Wilker vá se catar ow!

Se bem que com os problemas atuais q o mundo anda enfrentando 500 milhões de dolares ajudava muita gente! Mas não foi este o direcionamento das críticas do Wilker. Não gostei da participação dele.
flower2010-03-08 13:48:05
Link to comment
Share on other sites

Não tenho nada contra o  José Wilker . Até pelo contrário, gostei dos comentários dele. Ele estava dando a sua opinião, o seu ponto de vista. Ninguém é obrigado a aceitar. Não achei ele chato não.

 

Se ele estava detonando o Avatar, sinal que ele não gostou muito. Concordo com o  José Wilker , Avatar é até bonito de ser ver, mas a história dele deixa muito a desejar.........

 

Antes um filme de baixo orçamento, com um bom roteiro, com história para contar, do que belas imagens, ótimos efeitos e nada para dizer..........
Link to comment
Share on other sites

Não tenho nada contra o  José Wilker . Até pelo contrário' date=' gostei dos comentários dele. Ele estava dando a sua opinião, o seu ponto de vista. Ninguém é obrigado a aceitar. Não achei ele chato não.

 

Se ele estava detonando o Avatar, sinal que ele não gostou muito. Concordo com o  José Wilker , Avatar é até bonito de ser ver, mas a história dele deixa muito a desejar.........

 

Antes um filme de baixo orçamento, com um bom roteiro, com história para contar, do que belas imagens, ótimos efeitos e nada para dizer..........
[/quote']

 

Nada para dizer!?<?:namespace prefix = o ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:office" />

 

Discordo Guerra ao Terror é inferior neste quesito consideravelmente. Um filme que não critica a guerra ao Iraque, muito pelo contrário passa a defender a ocupação desmiolada a aquele país. Afinal é a guerra ao Terror republicana, que quer a morte aos terroristas é quase um protesto unilateral a violência resultado da ótica dos americanos em relação aos iraquianos. Mostrando um esquadrão anti-bomba americano de marines sendo os salvadores da pátria em uma terra hostil. Agora porque será que os pobres americanos sofrem tanto? Será porque invadiram o país dos iraquianos?  O filme por alguns momentos me pareceu aquele grotesco filme O Nascimento de uma Nação do DW Griffth.

 

Além de passar uma idéia clara de superioridade na ocupação iraquiana. É também uma justificativa da ocupação dos militares naquele país.  Só porque guerra ao terror não tem elementos de fantasia e ficção cientifica isto não o torna melhor do que Avatar. Ta certo que também Avatar é parcial em questionar em sua historia processo de ocupação dos humanos em Pandora, mas é mais lúcido em perceber as reais razões da ocupação e do conflito do que no filme Guerra ao Terror, eles são omissos aos incidentes dos insurgentes a ocupação iraquiana.  Ao fraquejar ao mostrar a realidade nua e crua Guerra ao Terror é enfadonho e não cumpre devidamente a sua proposta como filme só vale mais pela competência técnica. E este filme que não tem nada para dizer em relação à temática proposta e sua conclusão é vaga no frigir dos ovos. Wilker estava de má vontade compartilhando a ideologia da academia que não gosta de dar crédito a filmes do gênero fantasia e ficção cientifica preconceito por ele era evidente. Ainda mais que o filme na sua temática carregava uma propaganda anti-bélica e anti-ocupação diferente do outro filme.

Plutão Orco2010-03-08 15:25:37
Link to comment
Share on other sites

 

 

Esses posts involuntariamente engraçadíssimos...06

 

Mesmo que o filme defendesse um ponto de vista que não fosse o seu (ele não defende guerra nenhuma, hehe), isso não deveria de maneira alguma influenciar em uma análise qualitativa. Afinal, como já cansamos de dizer, filmes não tem obrigação social.

 

Tudo bem não gostar do filme por qualquer motivo que seja, mas a partir do momento que tu vem aqui falar um monte de coisa que estressam minha tolerância à subjetividade, tenho que responder.

 

 

 

Perucatorta2010-03-08 16:19:45

Link to comment
Share on other sites

Esses posts involuntariamente engraçadíssimos...06

Mesmo que o filme defendesse um ponto de vista que não fosse o seu (ele não defende guerra nenhuma' date=' hehe), isso não deveria de maneira alguma influenciar em uma análise qualitativa. Afinal, como já cansamos de dizer, filmes não tem obrigação social.

Tudo bem não gostar do filme por qualquer motivo que seja, mas a partir do momento que tu vem aqui falar um monte de coisa que estressam minha tolerância à subjetividade, tenho que responder.


[/quote']

Então foi uma coincidência o filme centrar a visão de grupo de soldados de elite como fodões não é sinônimo de apoio aos soldados deles lá. Tá bom... depois eu sou involuntariamente engraçado. Tenta outro argumento. <?:namespace prefix = o ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:office" />

 

Influência de forma quantitativa sim uma vez que a estória se propõe expor o dia a dia de um grupo de combate a bombas. Ignorar o contexto ali inserido peca sim na coerência de toda a obra apresentada nas telonas. Se o filme não quisesse mesmo se comprometer a valores sociais ou políticos em sua temática, logo não deveriam ser apresentados tão abertamente permitindo este tipo de análise como foi.

 

Deveria se questionar sim na motivação dos seus protagonistas, a guerrilha ainda mais que o modo de filmagem leva até em muitos momentos a idéia de ser um documentário. Ele busca mostrar a tensão de conflito, mas o desenvolvimento do filme a respeito deste conflito é apagado isto se perde várias vezes dando espaço só para um filme de suspense apenas.

Link to comment
Share on other sites

Eu gosto do REF como comentarista. O cara faz o dever de casa: sabe o

que está sendo avaliado em cada categoria, conhece o histórico dos

indicados e sabe os vencedores de sindicatos e outras premiações

importantes. Além do mais, ele viu uma quantidade imensa de filmes e

dificilmente deixa de sacar alguma referência naqueles filminhos que a

academia produz todo ano.

 

 

 

O Wilker por outro lado nem sabe bem do que se tratam certas categorias e

às vezes se limita apenas a fazer comentários óbvios e/ou

constrangedores mesmo.

 

Link to comment
Share on other sites

 

Então foi uma coincidência o filme centrar a visão de grupo de soldados de elite como fodões não é sinônimo de apoio aos soldados deles lá. Tá bom... depois eu sou involuntariamente engraçado. Tenta outro argumento.

 

Influência de forma quantitativa sim uma vez que a estória se propõe expor o dia a dia de um grupo de combate a bombas. Ignorar o contexto ali inserido peca sim na coerência de toda a obra apresentada nas telonas. Se o filme não quisesse mesmo se comprometer a valores sociais ou políticos em sua temática' date=' logo não deveriam ser apresentados tão abertamente permitindo este tipo de análise como foi.

 

Deveria se questionar sim na motivação dos seus protagonistas, a guerrilha ainda mais que o modo de filmagem leva até em muitos momentos a idéia de ser um documentário. Ele busca mostrar a tensão de conflito, mas o desenvolvimento do filme a respeito deste conflito é apagado isto se perde várias vezes dando espaço só para um filme de suspense apenas.

[/quote']

 

Meu médico disse que eu não deveria fazer isso, mas...

 

1) Dois pontos. a) O cara é viciado em guerra. Isso não é um elogio a ele, de forma alguma. Não é um incentivo a nada. B) Vc mudou o que disse. Apoiar os soldados que estão lá não significa dizer que eles deveriam estar lá.

 

2) Eu não disse quantitativa, disse qualitativa. E o roteiro não permite tal análise. Você enxergou isso não sei porque. Ahh, sei, porque é um filme de  uma guerra recente, ele tem que ser politizado.

 

3) Documentário? Faz-me rir...

 

 

 

Link to comment
Share on other sites

Eu gosto do REF como comentarista. O cara faz o dever de casa: sabe o que está sendo avaliado em cada categoria' date=' conhece o histórico dos indicados e sabe os vencedores de sindicatos e outras premiações importantes. Além do mais, ele viu uma quantidade imensa de filmes e dificilmente deixa de sacar alguma referência naqueles filminhos que a academia produz todo ano.

O Wilker por outro lado nem sabe bem do que se tratam certas categorias e às vezes se limita apenas a fazer comentários óbvios e/ou constrangedores mesmo. [/quote']  Verdade. A mim ele deu a impressão de ter visto apenas Avatar ou se interou da parte tecnica e econômica e se roeu de inveja! Pra quem num teve nem roupa em Dona Flor e seus dois Maridos a grana de avatar deve ter doido até os ossos!060606

Achei bem fraco os comentários dele o estilo blase e os risinhos arrogantes! O Jabor mete o pau geral! Pelo menos não se prende a um só filme mas o Wilker tinha q ter se familiarizado mais com a coisa antes de se meter nesta empreitada!
Link to comment
Share on other sites

Mas o José Wilker sempre foi assim' date=' não sei pq se surpreendem. Ele odeia qualquer coisa que tenha ao menos um (óbvio) efeito especial. Lembro que, nas palavras dele, "efeitos visuais são coisa para criança".[/quote']

 

é q aqui o povo adora chutar cachorro morto... no entanto deve ser no minimo interessante e divertido um topico deste naipe direcionado pro Pablo Villaça..0619
Link to comment
Share on other sites

A transmissão da TNT foi bem lixo. Tava com um delay bem enorme em relação a Globo. E no fim, acabaram na maior pressa, nem pararam pro REF fazer algum resumo, ou qualquer coisa do tipo. Na Globo, o Wilker teve tempo pra fazer uma análise final ali (mesmo que não concorde ou goste deles, é importante pra transmissão, o comentarista fazer um balanço da festa).
Link to comment
Share on other sites

O pior foram os textos dos intervalos. "Quem vai ganhar o Oscar de melhor diretor? Uma mulher? Um negro? James Cameron? Quentin Tarantino? Jason Reitman?" Mais politicamente (in)correto impossível... hehehehehe...

 

Perucatorta, justamente por Guerra ao Terror (que ainda não assisti, por sinal) ter efeitos especiais que esse posicionamento do Wilker prova-se idiota. Por isso que eu sempre torci pelo Sinhozinho Malta...
Link to comment
Share on other sites

Sim... na raiz do que ele quer dizer tem um discurso bem bonitinho sobre valor, tamanho, pretensões artísticas de uma obra. Mas como espectador eu sou mais direto, o filme vale o que ele é na tela... como ele foi feito é algo que fica para os extras do DVD...

Link to comment
Share on other sites

 

Sim... na raiz do que ele quer dizer tem um discurso bem bonitinho sobre valor' date=' tamanho, pretensões artísticas de uma obra. Mas como espectador eu sou mais direto, o filme vale o que ele é na tela... como ele foi feito é algo que fica para os extras do DVD...

[/quote']

 

Não, a discussão que pode surgir e gerar tópico é aquela velha de que possivelmente as limitações sejam um incentivo à criatividade, ao talento bruto, etc...

 

Link to comment
Share on other sites

  • 3 weeks later...

Eu particulamente acho Rubens uma Piada. Depois da derrota de Avatar ele tem se comportado igual criança cujo adulto tirou o pirulito da boca, não para de choramingar em seu blog sobre o resultado. Isso que é um crítico torcedor.

 

O que achei mais cômico foi ele falar dos erros da acadamia em não premiar filmes do porte de Avatar, mas ele esqueceu que no oscar 2004 O Senhor dos Aneis foi consagrado o grande campeão, e o que ele disse na época no sbt? Que detestava o filme. 02

 

 

 

 

Link to comment
Share on other sites

  • 8 months later...

bem, realmente n gosto dos comentários do Wilker, ele é bossalzinho, axo q squece q tem cabeça chata, affi

 

mas, em se tratando de Avatar, ele bem no fundinho sabe q ele será um marco no mundo cinematográfico, q no futuro ninguém vai se lenbrar de guerra disso ou daquilo, q o povo so vai lembrar msm é dos bixos azuis, q depois dele, o mundo de 3d, varreu tudo..:::
Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...
 Share

Announcements

×
×
  • Create New...