Jump to content
Forum Cinema em Cena

[REC]


The Cube
 Share

Recommended Posts

Esse é um filme espanhol, que não consigo informação em site algum. Ele está praticamente no anônimato aqui no Brasil, e não tenho ideia de quando estréia por aqui.

 

 

 

Já está sendo feito uma verssão americana do filme que parece que vai se chamar Quarentine.

 

 

 

O filme é todo rodado com uma camera de mão, mostra uma reportagem de um programa espanhol, sobre a vida dos bombeiros a noite, até que eles vão atender uma ocorrencia e ficam presos no prédio.

 

 

 

O filme é famoso por ter um trailer contendo a reação da platéia enquanto vê o filme.

 

 

 

Trailer

 

 

 

 

 

 

Reação da Platéia

 

 

 

 

 

 

 

 

Eu ja vi o filme por meios alternativos, pois não tenho esperança de ele ser lançado aqui no Brasil tão cedo.

 

É um filmaço, muita tensão, e com bons atores.

 

 

 

Sempre o filme é interesante, mas eu nem vou comentar muito para não perder a graça.

Link to comment
Share on other sites

  • Replies 155
  • Created
  • Last Reply

Top Posters In This Topic

Esse eu já baixei e queimei, mas ainda não vi.

Sanarei essa lacuna nesse final de semana, após isso posto um breve parecer.

Ah, já ia esquecendo, meu irmão assistiu e disse que é legal. Só isso mesmo. Ele é um péssimo avaliador de filmes, assim como o irmão mais velho. 06

 

 

 

Link to comment
Share on other sites

Esqueci de postar aqui minha análise esquizo pro filme... 06

 

[REC]  smiley10smiley10smiley10smiley107,2/10  Top 250   Intermediary   Bottom 42

 

Qual

a condição real do homem? Seríamos seres constantemente vigiados por

Deus, que nos dita seus ensinamentos para sermos dotados de felicidade

e façamos as pessoas felizes? Por outro lado, estaríamos sob a

supervisão de um demônio latente, que cuidadosamente aguarda à

espreita, pronto para nos atacar na medida em que nos distanciamos mais

do primeiro? Ou seríamos simples indivíduos à mercê do caos imposto por

duas entidades sobrenaturais que nos impõem suas características

"preferidas" de acordo com nossas alternâncias psicológicas?

 

Em

[Rec] a resposta para essas perguntas é única e assustadora: somos nós

mesmos, dependendo do ponto de vista, a unificação das três idéias

acima representadas. Quando nos deparamos com a intensidade da cena

onde avistamos as sombras tênues dos humanos por trás do isolamento do

prédio onde todos os eventos importantes do filme ocorrem, a visão das

roupas brancas dos trajes protetores nos remete a uma espécie

incoerente de "Deus maligno", aquele com poder de salvar, resgatar as

almas, criaturas, mas que não se importa, não faz nada diante do abismo

que se encontram em seu microcosmo porque está externo à ele.

 

E

parece que ele, nesse momento, os isolara conforme um deus antigo e

temido, como se fossem o resultado de algo que deu terrivelmente

errado, servindo de janela para os não afetados pelos erros e pecados.

O prédio contém a soberania do caos, a ditadura do horror, o resultado

dos erros cometidos dos outros. "Dê graças a Deus por você estar fora

do prédio...eles morrerão para que "aquilo" não venha até você."

 

Por

outro lado, a face demoníaca do caos ataca livremente, em um mundo sem

regras, onde pode demonstrar sua fúria sem restrições, sem obstáculos.

Um vírus, uma ameaça biológica ou uma possessão direta e terrível. E

toma tudo, um por um, destrói tudo que vive nesse microcosmo (que em

determinado momento do filme parece o único universo existente, pela

importância) a seu belprazer.

 

Mas

seriam essas pessoas vítimas? Criaturas escolhidas para experimentar a

ira de seres infinitamente mais poderosos servindo de espelho para

outros seres em decadência fora de tal universo?

 

Na

verdade, os humanos possuem todos estes atributos. São intrinsecamente

vítimas, deuses e demônios, ao mesmo tempo. Balagueró e Plaza convidam

você para participar desse banquete do caos, da materialização do

inferno na Terra.

 

O

cenário: Uma reportagem feita por uma tv local que objetiva fazer um

documentário sobre o corpo de bombeiros, relatando suas atividades

noturnas. Ao investigar um chamado ocorrido em um prédio sobre um

acontecimento relacionado aos gritos de uma senhora em um dos

apartamentos, eles jamais imaginariam que o mundo se restringiria a tal

prédio, que os seres viventes se transformariam nessa partição do

universo físico e que o terror assolaria e provocaria uma destruição

tão grande.

 

Filmado em primeira pessoa (com um dos personagens portando uma câmera), [Rec] lembra bastante o recente Cloverfield e Witch Blair Project,

filmes cuja origem parecem advir do sucesso de um filme de 1980 (que

possivelmente se inspirou em outro e assim por diante) chamado Cannibal Holocaust...mas isso é outra história.

 

Link to comment
Share on other sites

Eu vi e achei bem legal (3,5/5), levemente superior a Cloverfield e levemente inferior a A Bruxa de Blair. Mas aqueles 15 minutos finais me empurraram pra fora da atmosfera do filme, particularmente quando o câmera deixa a câmera de lado e ajuda o cara.

 

E só duas perguntas pra quem viu (portanto, SPOILERS):

 

Por que a mãe da pirralha não é infectada, se sem dúvidas deve ter entrado em contato "salivar" com a filha?

Por que a pirralha age como infectada APENAS quando descobrimos que ela é infectada?
Bernardo2008-04-03 15:08:35
Link to comment
Share on other sites

Filme muito assustador. Ao meu ver, é claro.

Eu não lembro de ter ficado agoniado em um filme assim como fiquei nesse. Achei legal a proposta do filme no que tange ao desconhecimento de qualquer informação sobre os acontecimentos da película.

Aliás, essa vertente de filmes que não explicam nada ou quase nada para o espectador é bem legal e bastante usada no cinema atual.

 

 

Eu vi e achei bem legal (3' date='5/5), levemente superior a Cloverfield e levemente inferior a A Bruxa de Blair. Mas aqueles 15 minutos finais me empurraram pra fora da atmosfera do filme, particularmente quando o câmera deixa a câmera de lado e ajuda o cara.

 

E só duas perguntas pra quem viu (portanto, SPOILERS):

 

Por que a mãe da pirralha não é infectada, se sem dúvidas deve ter entrado em contato "salivar" com a filha?

Por que a pirralha age como infectada APENAS quando descobrimos que ela é infectada?
[/quote']

 

Tentado responder: SPOILERS

Eu acho que o contato se dá apenas por mordida.

Quanto a pergunta da fedelha, você me quebrou as pernas. 06

 

 

 

Link to comment
Share on other sites

Spoillers

 

 

 

 

 

A Primeira pergunta, é verdade que é com o contato com a saliva disseram, tanto que foi assim que a menina pegou a doença do cachorro...mas essa saliva eu acho que não era uma saliva normal, era a tipo do filme "Extermínio" tinha que ser uma saliva com sangue...tanto que depois que a menina joga sangue na cara da mãe prendem ela.

 

 

 

2 - Lembrando que conforme o corpo o tempo de reação é diferente, mas a pirralha ali agiu em uma reação de sobrevivencia, fez parecer que ela tinha conciencia, infelizmente não tem explicação mesmo, pode se considerar que foi coincidencia, porque na hora que olha a menina ela ta com sangue na boca...Sem contar que a reação natural do que tinha sido mostrado seria ela tentar atacar a todos, e não fugir...mostrava que a menina ainda não estava completamente infectada, ela fugiu meio normal

Link to comment
Share on other sites

Spoillers


A Primeira pergunta' date=' é verdade que é com o contato com a saliva disseram, tanto que foi assim que a menina pegou a doença do cachorro...mas essa saliva eu acho que não era uma saliva normal, era a tipo do filme "Extermínio" tinha que ser uma saliva com sangue...tanto que depois que a menina joga sangue na cara da mãe prendem ela.

2 - Lembrando que conforme o corpo o tempo de reação é diferente, mas a pirralha ali agiu em uma reação de sobrevivencia, fez parecer que ela tinha conciencia, infelizmente não tem explicação mesmo, pode se considerar que foi coincidencia, porque na hora que olha a menina ela ta com sangue na boca...Sem contar que a reação natural do que tinha sido mostrado seria ela tentar atacar a todos, e não fugir...mostrava que a menina ainda não estava completamente infectada, ela fugiu meio normal[/quote']

 

1. Só que a mãe não fica infectada, ela apenas fica ali presa gritando "me soltem, me soltem" e tanto é que a Angela tenta soltá-la, mas não consegue.

 

2. Pois é, mas daí seria uma coincidência pra lá de conveniente, né?
Link to comment
Share on other sites

 

Esse é um filme espanhol' date=' que não consigo informação em site algum. Ele está praticamente no anônimato aqui no Brasil, e não tenho ideia de quando estréia por aqui.

 

 

 

Já está sendo feito uma verssão americana do filme que parece que vai se chamar Quarentine.

 

 

 

O filme é todo rodado com uma camera de mão, mostra uma reportagem de um programa espanhol, sobre a vida dos bombeiros a noite, até que eles vão atender uma ocorrencia e ficam presos no prédio.

 

 

 

O filme é famoso por ter um trailer contendo a reação da platéia enquanto vê o filme.

 

 

 

Trailer

 

 

 

 

 

 

Reação da Platéia

 

 

 

 

 

 

 

 

Eu ja vi o filme por meios alternativos, pois não tenho esperança de ele ser lançado aqui no Brasil tão cedo.

 

É um filmaço, muita tensão, e com bons atores.

 

 

 

Sempre o filme é interesante, mas eu nem vou comentar muito para não perder a graça.[/quote']

 

aah

 

caramba, meu, que vontade de ver isso!

 

Link to comment
Share on other sites

E só duas perguntas pra quem viu (portanto' date=' SPOILERS):

 

Por que a mãe da pirralha não é infectada, se sem dúvidas deve ter entrado em contato "salivar" com a filha?

Por que a pirralha age como infectada APENAS quando descobrimos que ela é infectada?
[/quote']

 

SPOILERS, alguns.

 

Eu não sei, posso tar falando bobagem, mas acho que no caso da mãe era porque como o cara que veio lá de fora falou, o corpo reage de acordo com o típo sanguíneo, em termos de tempo pra a infecção tomar conta e etc, nota que varia de personagem pra personagem, os dois primeiros policiais tbm demoraram um tempinho, por isso prenderam ela. No caso da filha provavelmente é mais conveniência do roteiro mesmo, pegaram exatamente aquela hora pra dar aquele "impacto", e comigo funcionou 06

 

-----

 

Sobre o filme, gostei, e muito. O melhor de terror que assisti desde The Descent, o que mais me assustou, causou tensão ao menos . E a protagonista é ótima, poucas vezes em filmes desse genêro se vê um personagem tão convincente e bem atuado como o dela.

 

A direção é outro ponto alto tbm, eu nunca fui O fã dessa utilização de camêra mas aqui o diretor aproveita isso excelentemente, é como se te jogassem lá dentro junto com as pessoas, a sensação é angustiante
Link to comment
Share on other sites

 

Spoillers

 

 

A Primeira pergunta' date=' é verdade que é com o contato com a saliva disseram, tanto que foi assim que a menina pegou a doença do cachorro...mas essa saliva eu acho que não era uma saliva normal, era a tipo do filme "Extermínio" tinha que ser uma saliva com sangue...tanto que depois que a menina joga sangue na cara da mãe prendem ela.

 

2 - Lembrando que conforme o corpo o tempo de reação é diferente, mas a pirralha ali agiu em uma reação de sobrevivencia, fez parecer que ela tinha conciencia, infelizmente não tem explicação mesmo, pode se considerar que foi coincidencia, porque na hora que olha a menina ela ta com sangue na boca...Sem contar que a reação natural do que tinha sido mostrado seria ela tentar atacar a todos, e não fugir...mostrava que a menina ainda não estava completamente infectada, ela fugiu meio normal[/quote']

 

 

1. Só que a mãe não fica infectada' date=' ela apenas fica ali presa

gritando "me soltem, me soltem" e tanto é que a Angela tenta soltá-la,

mas não consegue.

 

2. Pois é, mas daí seria uma coincidência pra lá de conveniente, né?
[/quote']

 

 

 

A "manifestação" na filha foi uma "coincidência" infeliz do roteiro, mas o momento em que uma pessoa vai manifestar a doença ocorre conforme o seu tipo sanguíneo, para uns sendo instantâneo e para outros levando algum tempo.

canizio2008-04-05 21:39:45

Link to comment
Share on other sites

 

 

 

Sinceramente,

não acho que tais questões tenham qualquer  importância para o roteiro, parece o pessoal questionando em Saw se havia dois ou três cigarros, quem se importa? 09. Não

podemos esquecer que um filme não aspira a ser um fiel retrato da

realidade, "erros" acontecem e que em qualquer um alguns elementos objetivam simplesmente

aumentar a tensão no espectador. Acredito que a alternativa ideal para [REC] era fazer a menina se revelar naquele instante..e devo dizer que cria uma tensão bastante elevada nessa cena. Qualquer afirmativa tentando explicar, soará forçada ou manterá dúvidas...Minha opinião, claro. 01

Mr. Scofield2008-04-05 22:04:27

Link to comment
Share on other sites

 

assistirei em breve só por causa da propagando do the cube e o beck... se o filme não for bom' date=' aí eu vou ter uma conversinha com vocês... 06 [/quote']

 

Eu endosso a opinião do The Cube e do Beck; pode assistir sem medo. E de preferência com o som no talo.

16

 

O filme é muito bom, proporcionando uma experiência única em termos de agonia cinematográfica. E não estou falando de cenas apelativas, ao estilo de Saw's, mas sim a filmagem, cenas e roteiro claustrofóbicos.

 

 

 

Link to comment
Share on other sites

Eu acho [REC] o melhor filme de terror da década, junto com The Descent, do Neil Marshall. Mas é aquele tipo de filme "ame ou odeie", porque se tu entrar no clima, é alucinante de te deixar sem ar, mas se não entrar, não sobra nada. Parecido com Blair Witch. Fulgora2008-04-07 10:49:29

Link to comment
Share on other sites

Eu tinha visto a reação da platéia alguns meses atras, mas havia me esquecido completamente de ver esse filme.

 

Comentario do Pablo:

[Rec] (Idem,

Espanha, 2007. Dir: Jaume Balagueró, Paco Plaza. Com: Manuela Velasco,

Martha Carbonell, Vicente Gil, Ferran Terraza, Carlos Vicente, Claudia

Font.) - Seguindo a lógica narrativa de “A Bruxa de Blair” e

precedendo o recente “Cloverfield”, este longa espanhol impressiona

pelo ritmo, pelas atuações, pela intensidade e pela excelente edição de

som, revelando-se sempre tenso e, nos melhores momentos, absolutamente

assustador. (4 estrelas em 5)

 

 

Link to comment
Share on other sites

 

 

assistirei em breve só por causa da propagando do the cube e o beck... se o filme não for bom' date=' aí eu vou ter uma conversinha com vocês... 06 [/quote']

 

Eu endosso a opinião do The Cube e do Beck; pode assistir sem medo. E de preferência com o som no talo.

16

 

O filme é muito bom, proporcionando uma experiência única em termos de agonia cinematográfica. E não estou falando de cenas apelativas, ao estilo de Saw's, mas sim a filmagem, cenas e roteiro claustrofóbicos.

 

 

Sou fã de Saw I e não vejo nada de apelativo nele (óbvio que Saw se trata de um filme de terror para um público que aprecia gênero e, dentro DESTE CONTEXTO permite o nível de violência que tem). Aliás, assim como para o Fulg, Rec é o melhor, Saw é pra mim o melhor filme DISPARADO de terror da década.

Mr. Scofield2008-04-09 12:27:20

Link to comment
Share on other sites

Eu gosto de filmes de terror e tudo mais. Mas se o SAW 1, já tinha lá seus problemas (embora eu tenha gostado, achado interessante), os outros foram uma atrocidade atrás da outra. Nem considero terror... filmes tipo Hostel e Saw, são filmes que querem "causar", nada mais.

 

Adoro The Descent. Adorei o modo como ele foi feito e tudo mais, já assisti várias vezes e continuo achando massa. Gostei muito de Cloverfield da 1ª vez que vi, da 2ª ele caiu um pouco. Bruxas de Blair eu tinha 11 anos... 06 mas gostei quando vi... mas nunca revi, então não posso nem comentar.

 

REC vi hoje.

 

Bem, ele é uma mistura de Extermínio e The Descent, sendo que filmado tipo Cloverfield. Extermínio é pelo "mal" do filme, The Descent é porque eles estão presos, tentando sair... e tem aquela coisa meio claustrofóbica e perigos aparecendo do nada... O Fato de ser filmado em 1º pessoa, tipo Blair, é que torna o filme muito bom.

 

Agoniante e muito interessante, embora tenha algumsa cenas previsíveis... Mas o que que tem? É terror. Terror pode tudo. 06

 

Muito bom, recomendo.
Link to comment
Share on other sites

 

Bem' date=' ele é uma mistura de Extermínio e The Descent, sendo que filmado tipo Cloverfield. [/quote']

 

Se for mais pra comparar então Cloverfield é que foi filmado tipo Rec, porque esse aqui foi filmado e lançado antes do americano lá 02

 

Falando em americanos, saíram fotos e o trailer da Refilmagem que estréia em Outubro por lá

 

SPOILER

 

colocaram a cena final do filme no trailer 09

 

FIM DO SPOILER

 

 

n93292927773694806280kn5.jpg

 

80675924ri8.jpg

 

94198694eu0.jpg

 

Se eu vou assistir vai ser mais pela Jennifer Carpenter mesmo...
Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...
 Share

Announcements


×
×
  • Create New...