Jump to content
Forum Cinema em Cena

George Lucas


Indiana Jones
 Share

Melhor filme  

9 members have voted

  1. 1. Melhor filme

    • THX 1138
      1
    • American Graffiti - Loucuras de Verão
      1
    • Star Wars: Episódio IV - Uma Nova Esperança
      4
    • Star Wars: Episódio I - A Ameaça Fantasma
      0
    • Star Wars: Episódio II - Ataque dos Clones
      0
    • Star Wars: Episódio III - A Vingança dos Sith
      3


Recommended Posts

  1. Star Wars: Episódio III - A Vingança dos Sith = 10,0
  2. Star Wars: Episódio IV - Uma Nova Esperança = 10,0
  3. American Graffiti - Loucuras de Verão = 9,5
  4. Star Wars: Episódio II - Ataque dos Clones= 8,5
  5. Star Wars: Episódio I - A Ameaça Fantasma = 8,5
  6. THX 1138 = 8,0
Fico em dúvidas entre qual o melhor Star Wars que ele dirigiu, mas o melhor ainda é O Império Contra-Ataca (como fica o título do filme com o novo acordo ortográfico?).

 

Link to comment
Share on other sites

  • 4 weeks later...

George Lucas em musical de animação


 
George%20Lucas%20em%20musical%20de%20animação

 
>

 


Enquanto ainda trabalha no roteiro de Red Tails, seu próximo filme como diretor, George Lucas (foto) desenvolve outros projetos como produtor. Um deles é mantido sob forte sigilo: um musical feito integralmente através de animação computadorizada.

O longametragem está a cargo de Kevin Munroe (As Tartarugas Ninja – O Retorno), que será o diretor. Pouco foi revelado sobre a história, mas sabe-se que as fadas serão seus personagens principais e terá músicas dos mais variados gêneros.

O roteiro é de David Berenbaum (As Crônicas de Spiderwick). Questionado sobre o assunto, um portavoz da Lucasfilm declarou que ainda é cedo para se pronunciar sobre o longametragem.


FONTE: ADORO CINEMA Questão2010-01-29 19:00:37
Link to comment
Share on other sites

 

american_graffiti.jpg

 

 

 

American Grafitti é sobre o nada que reinava em 1962 na América pré Vietnam e é também sobre os namoricos e o carro como símbolo de poder além é claro, da emancipação do jovem norte americano.

 

Lucas defende os passeios de carro (quem lembra disso ainda?) pelas ruas de qualquer cidadezinha como algo perdido, elemento da conquista e reafirmação que não se vê mais hoje em dia. É um filme que, sob esse aspecto é ingênuo e porque não dizer, completamente desprentensioso. Surgiu da colaboração entre ele e o Coppola e bebe em fontes símbolos para a época, James Dean (no filme, John Milner) o cinema de Nicholas Ray além é claro, da promissora estréia de Richard Dreyfuss.

 

Então, este filme é o melhor de Lucas junto com THX1138 e Episódio IV. Três símbolos diferentes, três petardos cada um a seu modo...

 

THX é uma coisa de bom até pelo que acontecia durante as filmagens a urgência de Lucas em filmar, a efervescência do "momento" American Zoetrope (a produtora)... tá tudo lá nos extras do dvd duplo que já virou "mosca branca", ninguém acha...

 

Não me importo muito se Lucas vai voltar a filmar ou que ele seja tachado de o homem que "só" fez guerra nas estrelas (como se isso fosse pouca coisa), o cara fez e continua fazendo muito pelo cinema e por sua indústria.

 

 

 

 

 

 

 

 
Link to comment
Share on other sites

Hum... andas meio desatualizado Questão. Red Tails já está em pós-produção... e não, George Lucas não dirigiu... só ficou na produção. Espero ao menos que ele tenha se envolvido nos obrigatórios dogfights que o filme deve ter. Afinal foram destas batalhas da II Guerra Mundial que saiu a inspiração dos movimentos das batalhas espaciais de Star Wars.

 

E American Grafitti é lindo... é basicamente belo olhar nostálgico a uma juventude que estava prestes a perder a inocência. Dos filmes de Lucas off-Star Wars é o meu favorito. Não sou muito fã de THX...
Link to comment
Share on other sites

  • 2 months later...

10/04/2010 09h38

É TUDO VERDADE: Filme discute legado de Star Wars e ironiza George Lucas

O%20Povo%20Contra%20George%20Lucas,%20The%20People%20Vs.%20George%20Lucas

Foto: Divulgação
Assumidamente um filme de fã, O Povo Contra George Lucas abre uma discussão que dá pano pra manga: até onde as sequências, franquias e prequels são fruto de necessidade artística ou mercadológica? O fã deve aceitar a ideia de que uma continuação pode ser inferior e desnecessária ou ele é mais uma peça que faz a indústria do entretenimento girar? Em última instância, o filme é de quem fez ou de quem assiste?

Lançado em 1977, Star Wars, um dos pontos importantes da história do cinema, é o objeto de estudo do documentário de Alexandre O. Phillipe, que integra o panorama Estado das Coisas do É Tudo Verdade – Festival Internacional de Documentários. O longa terá sua próxima exibição neste sábado (10/04) na Cinemateca (veja programação abaixo).

Fãs, geeks, nerds, cineastas, historiadores, críticos de cinema, jornalistas e chefe de estúdio compõem o panorama de investigação do filme, que ainda tem aquela sempre bem vinda dose de ironia, e apresenta um mundo que provavelmente será desconhecido para as novas gerações que acompanharam apenas as sequências, divididas em Episódios.

Não sou fã de Guerra Nas Estrelas e, infelizmente, não pude assistir à versão original. Ou seja, o que conheço da obra é apenas o retoque feito por George Lucas em 1997 – aliás, este retoque é uma das críticas mais fortes ao cineasta.

Mesmo não sendo muito próximo do filme, e assumindo Darth Vaider e Luke Skywalter como elementos da cultura pop, há muito o que se aproveitar do documentário e traçar paralelos com outras sequências.

O primeiro grande aspecto é como Lucas, com o passar dos anos, colocou em segundo plano a posição de cineasta para tornar-se mais produtor, business man, e manter uma marca consolidada no mercado. O que aconteceu com aquele realizador fissurado na criação de imagens? Foi engolido pela máquina cinematográfica que ele mesmo achava maléfica no início?

O segundo ponto forte é perceber o quanto esse filme significa para os fãs. Os entrevistados falam de Star Wars com o mesmo fanatismo de um corinthiano crente no título da Libertadores ou de um alguém que acaba de descobrir o encantamento da paternidade ou materinidade. Brigam, xingam, remontam o filme do jeito que acham digno, não controlam as emoções.

Este aspecto leva à terceira e mais interessante discussão de O Povo Contra George Lucas: um filme pertence a quem? Dentro das artes, creio que essa questão seja uma particularidade do cinema. Cada produção pode ser objeto de dezenas de interpretações conflitantes. Dentro de um mesmo filme, cada um faz o seu próprio, seja o diretor, ou o fotógrafo, ou o eletricista ou nós, o público.

Um filme só existe mesmo quando chega à tela, é exibido e desperta sensações, opiniões, posturas. Histórias que tocam o coração como se fossem escritas especialmente a nós ou planos que avivam a memória ou afirmações que se parecem com a maneira que enxergamos o mundo.

O Povo Contra George Lucas põe um ponto de interrogação na figura do criador. Não seria uma ofensa aos fãs cujas vidas dialogaram sinceramente com Star Wars alterar um filme que é reflexo de seu tempo? Não seria essa “necessidade” de revisão e a corrida maluca por “atualizar” uma história um sinal da falta de criatividade da indústria?

O documentário é um bom primeiro passo para discutir. Seu único defeito está justamente na essência. Como é feito por um fã, o filme defende a continuação da franquia, pois, assim, os fãs não ficariam órfãos. Entendo essa relação de amor e ódio (que existe também no futebol, como nos lembrou Ken Loach em À Procura de Eric), mas, depois de tantas afirmações contundentes, um desfecho assim, conciliador, é quase um tapa na cara do restante do filme.

O Povo Contra George Lucas

SÃO PAULO
Sábado (10/04), às 16h, na Cinemateca Brasileira
Sábado (17/04), às 20h, na Cinemateca Brasileira

RIO DE JANEIRO
Sábado (10/04), às 20h, no Instituto Moreira Salles
Quinta-feira (15/04), às 9h, no Ponto Cine
Sexta-feira (16/04), às 15h, no Cine Santa Teresa
Domingo (18/04), às 18h, no Instituto Moreira Salles
CACO/CAMPOS2010-04-10 11:20:40
Link to comment
Share on other sites

Top 5,5 fotos raras de Star Wars

 

top_55_raras_post.jpg

 

Bom, se vocês não sabe, O Império Contra-Ataca (o filme mais fodão de Guerra nas Estrelas) está completando 30 anos de idade. Recentemente, o George Lucas liberou umas fotos raríssimas das produções da trilogia original e, aqui nesse top, reuni as 5,5 melhores. Vamos dar uma olhada?

[Mais:]


 

 

top_55_raras_5.jpg

 

5) Luke vs Darth Vader

Uma das cenas finas de "O Retorno de Jedi", é legal ver uma outra perspectiva dessa cena. Olha lá a galera acompanhando o fim do Darth Vader como se fosse uma luta no pátio da escola!

top_55_raras_4.jpg

) Roupa do Chewbacca

Que foto foda! Para os pervertidos que queriam ver o Chewbacca pelado, taí, ó!

Há boatos de que fizeram essa roupa com os pelos do Bugman na primeira vez que ele depilou suas costas (pronto, podem vomitar agora).


 

 

top_55_raras_3.jpg

 

3) Chewbacca e Lea.

Essa foto é sensacional e foi capa da Entertainment Weekely da semana passada, que fez um especial de 30 anos do Império Contra-Ataca. Peguei essa foto lá no blog da minha amiga Proscila Queiroz, especialista nos filmes dos Jedis!

top_55_raras_2.jpg

 

2) lea e a Stela!

Aaaaah, sua cachaceira!!! bebendo uma cervejinha antes de subir numa X-Wing? Vai perder a carteira de morotista!


 

 

top_55_raras_1.jpg

 

1) Pequeno Darth Vader?

Sabem quem é essa criança aí com o capacete do Vader? Não é nenhuma criança não! É o Kenny Baker, o anãozinho que ficava dentro do R2D2!

É isso mesmo! Esse é o R2 do lado negro da força.


 

 

top_55_raras_05.jpg

 

0,5) Han Solo ensaiando

Essa foto nem é tão legal assim, mas é mais uma das infinitas provas de que HAN ATIROU PRIMEIRO!!!

Aí ele até tá ensaiando o tiro, pô!

Link to comment
Share on other sites

  • 1 year later...
  • 2 months later...

George Lucas anuncia aposentadoria dos blockbusters

Cineasta diz que não voltará a Star Wars e aos fãs que gritam com ele

“Estou me aposentando. Estou saindo da indústria, da empresa, de tudo isso”, declarou, em uma entrevista ao NY Times o cineasta George Lucas.

Não é a primeira vez que o criador de Star Wars acena com a possibilidade, mas desta vez as razões parecem mais sérias. Lucas falou bastante sobre como esperava que Red Tails, seu novo filme, fosse um épico em três partes sobre o treinamento dos pilotos Tuskegee, os combates aéreos na Europa e a atmosfera racista que esses soldados enfrentaram no pós-guerra, mas devido ao estado do mercado e como a distribuições das produções é realizada teve que se contentar com esse "tipo de... filme para entretenimento". Sem apoio de distribuidoras - todos os estúdios recusaram o drama de guerra - a produção precisou focar-se nas cenas de ação e contentar-se com um lançamento independente, do próprio bolso de Lucas.

O diretor espera agora realizar filmes pequenos e pessoais. Longe de toda a máquina em que a Lucasfilm se transformou.

Red Tails é o último dos filmes de longa produção que ele quer realizar", comentou o produtor Rick McCallum. "Ele terminou todos os projetos que queria fazer e planejou para sua carreira. Agora, depois de algum descanso, ele pode se dedicar ao próximo capítulo de sua vida. 'Ok, agora que tipo de filmes eu quero fazer?' é isso que esperamos ansiosamente que ele responda futuramente".

Lucas, porém, não descarta voltar para o quinto Indiana Jones, mas parece que deixará a série de televisão de Star Wars e todos os futuros projetos relacionados à franquia para outras pessoas. "Por que eu faria outros filmes se todo mundo grita comigo e diz que sou uma pessoa terrível?" E vai além: "Para todos os que ficam reclamando na Internet sobre as minhas mudanças em Star Wars, digo 'Tudo bem', mas é meu filme. Com o meu nome. Fui eu que o fiz e ele precisava ser feito como eu quis fazê-lo".

Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...
 Share

Announcements

×
×
  • Create New...