Jump to content
Forum Cinema em Cena

Revista Veja


juliocf
 Share

Recommended Posts

Eu assino03

 

É muito boa no conteúdo, na informação. O que questiono é se uma empresa de imprensa tão grande e influente deve ser tão parcial. Não na questão política, pois a revista fala todos os podres de petitas e tucanos, mas em assuntos gerais.

 

Lembro de uma reportagem sobre os votos na câmara. Logo no começo já foi falando: até quando a câmara tem tudo pra acertar ela erra. E não foi bem assim. O fim do voto secreto na câmara também tem seus prós, que foram jogados no lixo pela VEJA. fiquei inconformado. Para os críticos nada presta. Quase todos os filmes são avaliados como regular, ruim e péssimo.
Link to comment
Share on other sites

O excesso de propaganda na revista me desanimava também, até que há algumas semanas, depois de anos sem ler nem um exemplar da revista, uma chegou às minhas mãos. Fiquei surpreso ao ver que a publicidade caiu consideravelmente, para o nível do aceitável.

 

Outra revista do grupo Abril que também sofria muito com isso, pelo que lembro, era a Superinteressante. Mas esta tem anos também que não leio, então não sei como está atualmente.
Link to comment
Share on other sites

Eu leio o que me interessa na Veja, o que acontece com qualquer outra revista.

 

Gosto de alguns colunistas, principalmente a Luft, que é a que mais destoa do estilo daquela revista, além de se colocar com muita imparcialidade e não ficar com implicância com determinada pessoa, o que acho ruim.Ela fala com um certo lirismo mas aliando total conhecimento sobre o que fala, que parece estar cada vez mais raro hoje em dia na mídia.

 

Veja, por ser a revista de maior tiragem no Brasil, implica que esses números provem o quê?Geralmente, quando algo faz muito sucesso, logo a seguir vem a desconfiança...

 

Mas acho que se o leitor for bem informado e sensato, acaba filtrando as coisas e vendo naquela revista, algo com que possa refletir, pelo menos isso.

 

O que não me agrada é que essa revista por muitas vezes não  coloca-se  como SOMENTE informativa, mas acaba tendendo para alguma influência maior e, assim, compromete o leitor, que só quer poder se informar para daí tirar suas conclusões e não tendo que digerir inevitavelmente verdades impostas, por mais que o nível redacional dos responsáveis  seja excelente.
Olórin,o Ainur2007-01-31 20:52:03
Link to comment
Share on other sites

  • 1 month later...

Há muita coisa interessante e muita coisa dispensável, o que também acontece com a Time, a Reader's Digest, a Roling Stone...Enfim, é uma questão de saber filtrar. Não compro porque acho muito cara. Prefiro caçar edições atrasadas (e mais baratas, logicamente) de revistas como História Viva, Mente e Cérebro e Superinteressante, que têm assuntos mais atemporais. Mas não acho a Veja péssima, não. Scarlet Rose2007-03-06 12:53:11

Link to comment
Share on other sites

Ótimo papel higiênico. 05

Em seu reconhecimento informativo tenho o orgulho de bostar, quer dizer postar o artigo da desciclopédia sobre uma das maiores fontes de informação do brasileiro. 06

 

Revista Veja

Origem: Desciclopédia, a idiotice livre.

(Redireccionado de Veja para Revista Veja.)

Verdade.

Verdade.

Este artigo contém

verdades!

(pelo menos foi o que a Veja disse)
Material verídico:
Use com Moderação.


Image:60px-Bouncywikilogo.gif

Para aqueles sem senso de humor, os espertões na Wikipédia têm um artigo sobre: Veja.

“Como?!?!”

~ Stevie Wonder sobre Veja

“É falta de educação, minha gente, EDUCAÇÃO”

~ Cristovam Buarque sobre Brasil e veja

“Vontade de cerveja”

~ Revista Época sobre Veja

“Acabouf os votu de cabresto no Brasil!”

~ Lula sobre Veja

“Sem dúvida, a melhor revista da América Latina”

~ ACM sobre Veja em discurso no Plenário

“Não vejo!”

~ Oscar Wilde sobre alguma coisa

“Isto é uma vergonha!”

~ Boris Casoy sobre alguma coisa

“Ô revistinha! Ô revistinha!”

~ Roberto Jefferson sobre Veja

Leio desde pequeno, ela me tornou o homem esclarecido que sou hoje.”

~ George W. Bush sobre Veja

“Li uma matéria ótima sobre as Indias Orientais, tinha um belo mapa infográfico. Vai tornar minha viagem muito mais fácil.”

~ Cristovão Colombo sobre Veja

“Meu objetivo era criar algo como a revista Veja. Mas com imparcialidade e escrúpulos.”

~ Criador da Desciclopédia sobre Veja

“Você traiu o movimento dos cegos, véio!”

~ Dado Dolabella sobre Veja

“A Revista Veja é um exemplo de busca pela verdade e justiça.”

~ Suzane Von Richthofen sobre Veja

“Essa foi a revista que escolhi para relatar que tinha sido descabaçada pelo Dado Dolabella.”

~ Wanessa Camargo sobre Revista Veja

“É ótimo para lavar azulejo.”

~ Sua mãe sobre Veja

“Puta,já levei muita revista”

~ Mano Brown

“Na União Soviética, a Veja lê VOCÊ!!!.”

~ Reversal Russa sobre Veja

Wikify.png

Por favor formate este artigo de acordo com as diretrizes estabelecidas no livro de estilo. NÃO REMOVA ISSO ANTES DE TER CERTEZA ABSOLUTA QUE O ARTIGO JÁ FOI COMPLETAMENTE "WIKIFICADO".

Se você ainda não sabe como wikificar um artigo, leia o nosso Tutorial Wiki!

Veja é uma palavra multiuso, que serve para definir uma revista, um produto de limpeza e uma arma biológica de destruição em massa. Em Minas Gerais, ela também é chamada de "Óia".

Tabela de conteúdo

[esconder]

1 Revista Veja

2 Vestibular

3 Veja, produto de limpeza e arma de destruição em massa

4 Arma

5 Quem é contra a veja

6 Veja, o verbo ver, veja só

7 Manchetes Históricas da Revista Vejaif (window.showTocToggle) { var tocShowText = "mostrar"; var tocHideText = "esconder"; showTocToggle(); }

[editar] Revista Veja

O%20jornalismo%20sério%20e%20imparcial%20da%20revista%20Veja.

magnify-clip.png
O jornalismo sério e imparcial da revista Veja.

O papel higiênico semanal inVEJA foi criado no começo do séc. XX pelos na época empresários de meia idade bem sucedidos Victor Civita, Fernando Henrique Cardoso e Antônio Carlos Magalhães. 50 anos depois, 51% de suas ações foram compradas pela Microsoft que, apesar de manter o nome da revista no Brasil, aumentou seu preço nos EUA para $99,90 a assinatura.

Junto com a IstoÉ (não...não é), Superinteressante (to com sono), Época (a now), Galileu(ou não leu?), Comigo (ou sem mim??), Capricho (uiii... bofe), Marrí Clér (quem??), Caras (e bundas), Guia de TV (no domingo pra que?), Vogue (vaga), Carta Capital (conteúdo "neutro"), e mais recentemente a revista Carus Miguxxus, forma o panteão de revistas inúteis e/ou modistas que as menininhas ou menininhos indecisos lêem para ocupar a sua mente vazia de qualquer coisa útil. Essa revista fez um pacto com o Google para conseguir algo que ninguém nunca conseguiu: editar algo completamente sem conteúdo relevante. É uma revista que ninguém lê, pois todos os números são velhos e acabam surgindo do nada na sala de espera de consultórios, advogados, hospitais em geral.

O intuito da Veja é espalhar as maravilhas da ditadura, fazer os brasileiros desregulamentarem a economia, demonstrar as novas tendências para a classe média, comparar petistas com demônios comunistas e caluniar Chuck Norris. Para isso, ela usa de grandes e renomados jornalistas, como por exemplo o infame (!) Diogo Mainardi.

Diz a Barsa: Imprensa marrom(Adj):. São chamados os meios de comunicação considerados sensacionalistas e que conseguem ter acesso aos fatos mais relevantes da humanidade, como o Chupa-cabra ser o filho bastardo da Rainha da Inglaterra com o Presidente Lula do Brasil. ex: The Sun, Veja, etc...

[editar] Vestibular

Veja também é conhecida por ser uma revista A-D-O-R-A-D-A por vestibulandos emos que adoram fazer de conta que são intelectuais. Eles, em 99% dos casos incentivados por suas professoras mega-bitoladas de redação do cursinho, lêem Veja de cabo a rabo e vomitam seu conteúdo (?) nas redações da vida.

Veja adora passar por imparcial, mas só ela e o vestibulandos que a A-D-O-R-A-M não percebem que todo mundo já sabe que há um caso de amor entre a revista, o PSDB, e o PFL de Antônio Carlos Magalhães.

Dizem alguns que já conseguiram inclusive identificar as digitais do Civita na bolsa escrotal de FHC.

[editar] Veja, produto de limpeza e arma de destruição em massa

Veja também é um produto de limpeza multiuso, que serve para tirar gordura, limpar a casa, cometer suicídio e misturar com água sanitária para criar um gás tóxico e praticar o terrorismo.

[editar] Arma

A melhor função conhecida de Veja é como arma para bater em cachorro. basta enrolar a revista em forma de bastão e colocar na frente do au-au, isso bastará para ele sair correndo. Não se sabe ainda se ele corre de medo de apanhar ou da revista.

[editar] Quem é contra a veja

Assim como o MICROSOFT WINDOWS VISTA, os cegos de todo o mundo são contra a revista "Veja" por ela não ser adequada aos mesmos.

A revista veja divulgou uma notícia de que eles irão fazer uma revista em Braille. Esta versão da revista se chamará Sinta.

Ela afirma que essa notícia é verdade!

[editar] Veja, o verbo ver, veja só

Por último, veja também pode ser uma conjugação do verbo "ver" em algum tempo, modo, número e gênero que você não quer saber mesmo. Hoje em dia, foi substituído pela versão coloquial "óia", ou "zóia", ou ainda mesmo "bizóia".


[editar] Manchetes Históricas da Revista Veja

Júlio César diz: "Meu sonho é exportar democracia para os povos bárbaros"

(40 a.C.)

Jesus - Agitador é ameaça à estabilidade do Oriente Médio.

(30 d.C.)

Judas - A Veja confirma: Jesus sabia da traição!

(30 d.C.)

Pompéia - Cidadezinha pacata aos pés do Vesúvio é o lugar perfeito para passar as férias.

(79 d.C.)

Rei do Feudo Brasileiro compra votos para ganhar eleiçoes

Gravações revelam o seu envolvimento com burgueses passando dinheiro debaixo do pano. Lula sabia.

(Jun/1431)

Pizarro e Cortez - Tudo que a América precisava.

(Fev/1520)

Alegres e modernos, Ku-klux-klan é um sucesso.

(Nov/1867)

10 motivos pra dizer NÃO a abolição da escravidão.

Governo autoritário quer passar lei que pode tirar do cidadão de bem o direito de ter um escravo e ameaça economia brasileira.

(Abr/1888)

Titanic - O melhor navio de todos os tempos.

(Abr/1912)

Bolsa de Nova Iorque - Investimento seguro, retorno garantido.

(set/1929)

Adolf Hitler - Arauto da Paz.

(Ago/1939)

Eugenia: essa moda pega!

(Ago/1943)

Criado o Partido dos Trabalhadores.

Aberta a temporada de caça aos seus membros.

(Fev/1980)

Os perigos da Anistia: a transição para a democracia causa insegurança jurídica e afasta o investidor estrangeiro

(Mai/1979)

10 razões para se queimar o protocolo de Kioto.

(Nov/1997)

Eleito o melhor Presidente dos E.U.A.

George W. Bush vence as eleições mais honestas do país

(Nov/2000)

Como George W. Bush salvou o Iraque.

Fotos revelam armas de destruição em massa no Iraque. Estatísticas mostram que agora, a primavera na região dura 10 meses.

(Ago/2003)

Atraso: Socialistas atrapalham os EUA de avançar na tecnologia apenas por questões ambientais.

(Fev/2007)

China engorda com o grande numero de pessoas.Paises vizinhos ameaçam cortar os pneus pela raiz

(Nov/2020)

Vamos dominar o mundo!

Pink_cerebro_maq.jpg

Entidades que querem dominar o mundo esvaziando os cérebros das pessoas

Televisão | Rádio | Telefone | Computador | Vídeo Game | Bat-Móvel | Liga da Justiça | Google | Rede Globo | Veja | Instituto Purifica


Plutão Orco2007-03-06 13:26:02
Link to comment
Share on other sites

Li essa semana uma reportagem incrível a respeito do BBB. Os jornalistas da VEjA procuraram biólogos' date=' que explicaram os membros do Big Brother. Segundo eles, o pessoal da casa age exatamente como um clã de gorilas ou chimpanzés06[/quote']

 

Até que eles acertaram. Hahahahah!060606

<?:namespace prefix = o ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:office" />

 

Se for observar o esquema do programa, é como se fosse um zoológico e o telespectador na verdade é o visitante. As pessoas são ‘analisadas’ e ‘estudadas’ de certa forma, a situação dos participantes inegavelmente nos lembram ratos de laboratório e ou chimpanzés e outros símios. 06

Link to comment
Share on other sites

Aproveitando, se mata dois coelhos de uma vez só:

 

Crítica à "VEJA Especial Mulher"

 

Thais

[email protected]

sobre a edição de VEJA especial mulher

Comecei a ler a “veja especial mulher” e a primeira coisa que chama a atenção são as inúmeras págs de propaganda; nenhuma novidade para uma revista que exibe 68 págs de reportagem para 41 de propagandas, mas em meio a textos que dizem que as mulheres "já" atingiram cargos de chefia etc é de espantar que nenhuma das propagandas se referia a cursos ou livros. Só encontra-se paginas e mais paginas de lançamentos de esmalte, creme anti-rugas, jóias, sabão em pó, e claro absorvente.

Esse especial é mais uma das perolas que só a VEJA poderia produzir; ao propor discutir a situação da mulher nos dias de hoje as paginas são preenchidas com dicas de saúde e beleza ou como evitar o homem errado (eles partem do principio homofóbico e católico de que EXISTE um homem certo para cada mulher).

Como não poderia faltar as conquistas feministas são exemplificadas com: bem sucedidas empresarias (para eles os salários altos e os grandes cargos em empresas multinacionais são sinônimos da independência da mulher).

Pode se encontrar até duas págs com fotos de um guarda roupa "básico e versátil que facilita a vida da mulher".

Outra curiosidade é a linha do tempo que cita as "mulheres que ousaram"

Esta linha começa no séc XVI e cita o incrível numero de dez mulheres!

Ou seja, em quinhentos anos são apenas dez mulheres que "mudaram nossa condição social" Todas as citadas lutaram por coisas como: o direito de votar ou de escrever livros científicos obviamente Starhawk ficou de fora afinal a VEJA só valoriza a situação da mulher no mercado de trabalho (não que o que estas mulheres fizeram seja desprezível) e não de maneira ampla Mais um exemplo disso é que a mulher mais próxima dos nossos tempos citada na linha do tempo é Anésia Pinheiro Machado que viveu entre 1904 e 1999 e o seu grande feito foi ser a primeira aviadora brasileira; não restam duvidas de que ela tem uma grande importância, mas pq ela foi à escolhida dentro de um séc?!

Será que os repórteres da veja nunca ouviram falar de Heleieth Saffiot ,Simone de Beavoir etc, etc, etc, etc, etc, etc, etc, etc, etc ?

Mas podemos ficar tranqüilas afinal a revista termina o especial afirmando que somos o grupo consumidor mais poderoso da atualidade! Precisamos de mais alguma coisa?!

OBS- na reportagem "o que elas andam lendo" um dos livros citados é “O Diário de Bridget Jones” que como a própria revista descreve trata-se de um livro sobre uma mulher na casa dos trinta anos que "obcecada pela necessidade de encontrar um companheiro. Vive preocupada em perder peso,quer parar de fumar...enfim e gente como a gente" "CONCLUSAO QUE SE CHEGA DEPOIS DA LEITURA: APÓS TANTOS ANOS DE LUTA FEMINISTA, NA ESSENCIA AS MULHERES NAO MUDARAM LÁ MUITA COISA"

 

Centro de Mídia Independente - Brasil

ana.jpg 

Plutão Orco2007-03-08 10:25:46
Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...
 Share

Announcements

×
×
  • Create New...