Jump to content
Forum Cinema em Cena

Sexo


Recommended Posts

Mesmo o fórum com cada sessão dividida' date=' por tópicos apropriados para cada assunto, alguns usuários acabam levando um assunto para outra proposta totalmente diferente.

Isso está acontecendo muito sobre sexo aqui no fórum, basta alguém ter uma opinião diferente que sempre vai ter um pra dizer que é por causa de falta de sexo, etc.. Isso eu acho ridículo, mas algumas brincadeiras até que são engraçadas, quando não são para atacar um usuário só porque não tem a mesma opinião. No entanto, ninguém é obrigada(o) a ler de forma desprevenia, sobre fantasias sexuais em oportunidades nada apropriadas. [/quote']

Desde que não seja Macolm McDowell em Laranja Mecânica, concordo plenamente que NINGUÉM É OBRIGADO A ENTRAR NO TÓPICO DE SEXO, onde, OBVIAMENTE, as pessoas falarão sobre sexo...

 
Jack_Kundeiner2007-12-04 14:24:50
Link to comment
Share on other sites

  • Replies 2.7k
  • Created
  • Last Reply

Top Posters In This Topic

 

Sim' date=' este é o ponto... Para a grande maioria dos casos, funciona exatamente assim.

 

Mas teus argumentos não invalidaram, nem discutiram um dos meus... Então vou perguntar diretamente: "Você abriria mão de uma relação por causa de uma traição?"

 

Vou responder antes. Eu não faria isto. Jamais abriria mão dos anos de relação que tenho e todas as coisas maravilhosas que vivemos e construímos juntos por causa de uma "escorregada no quiabo".06
[/quote']

 

Se ela me traiu, é porque não me respeita. Não importa, se é porque ela estava bêbada, ou sei lá o que... Pra começar, o que ela foi fazer em local público, sozinha, pra encher a cara? Se ela foi nesse intuito, é porque não estava nem aí com o que viesse a acontecer. A carne é fraca? Não, fraco é quem sucumbe às tentações sem nem pensar no que pode vir a acontecer depois. O que eu estaria fazendo então do lado de uma mulher fraca?

 

Não teria perdão, não.

 

A maior das virtudes do amor é justamente o perdão.

 

 

Já eu acho que é o respeito.

 

Para mim também. Aí é que está o embate, Jack...

 

Se ela me traiu, não me respeita mais. E o respeito é um dos dois pilares de uma relação amorosa. O perdão talvez seja o segundo.

 

 
Link to comment
Share on other sites

 

Eu só aprendi a amar de verdade quando refiz o meu ideal de fidelidade... Antes eu amava a mim... eu exteriorizava nele os meus preceitos. Tipo "olha aqui' date=' pra te amar, vc não pode andar com fulano". "pra te amar, vc não pode falar com ciclano". "pra te amar vc não pode viajar nem sair sozinho"... Que porra de amor é este????? Eu tô criando um ESCRAVO, alguém para ME SERVIR... Quem é o agente deste amor que não EU MESMO??? Abdiquei totalmente deste amor narcísico, meu amigo. Aprendi que o exercício do amor é em situ e dirigido para O OUTRO, não para mim mesmo... Hoje eu posso dizer que eu o amo... NADA NO MUNDO, que não seja a morte, vai ser capaz de me separar da pessoa que eu amo. NADA! E pra isto, se for necessário, eu perdôo quantas vezes precisar.
[/quote']

 

Ah, e não privo minha mulher de nada. Cultivamos o prazer de gostar de estarmos juntos. Mas ela já viajou sozinha duas vezes, e creio que ela deixaria eu viajar também (vou ao cinema, por exemplo, sozinho, muitas vezes). É tudo questão de respeito, cara. Pelo menos pra mim é assim. Você está focando a coisa de forma diferente da minha, só isso.
Link to comment
Share on other sites

 

Sim' date=' este é o ponto... Para a grande maioria dos casos, funciona exatamente assim.

 

Mas teus argumentos não invalidaram, nem discutiram um dos meus... Então vou perguntar diretamente: "Você abriria mão de uma relação por causa de uma traição?"

 

Vou responder antes. Eu não faria isto. Jamais abriria mão dos anos de relação que tenho e todas as coisas maravilhosas que vivemos e construímos juntos por causa de uma "escorregada no quiabo".06
[/quote']

 

Se ela me traiu, é porque não me respeita. Não importa, se é porque ela estava bêbada, ou sei lá o que... Pra começar, o que ela foi fazer em local público, sozinha, pra encher a cara? Se ela foi nesse intuito, é porque não estava nem aí com o que viesse a acontecer. A carne é fraca? Não, fraco é quem sucumbe às tentações sem nem pensar no que pode vir a acontecer depois. O que eu estaria fazendo então do lado de uma mulher fraca?

 

Não teria perdão, não.

 

A maior das virtudes do amor é justamente o perdão.

 

 

Já eu acho que é o respeito.
O RESPEITO A QUEM??? A você???

 

Narciso...

 

E outra, Ed, pare de generalizar coisas sobre gays... Dê uma relida em seus últimos posts aqui...

 

Todo gay é promíscuo.

Todo gay se julga mais feliz.

Todo gay etc...

 

Ai, que pobreza de argumentação... Sorry.07
Link to comment
Share on other sites

Não sei' date=' Archi... Eu parei de sofrer com isto... A maior das promiscuidades é a mentira, a falsidade, a hipocrisia. Como o Plutão referenciou acima, é uma puta sacanagem vc se DIZER fiel e não praticar a fidelidade... Daí, um belo dia, tua mulher tá contaminada com alguma doença ou bate um filho bastardo ou uma amante insandecida na tua porta...

 
[/quote']

 

É justamente para evitar isso que eu não tô afim de relacionamento sério. Só me envolvo com gente ciumenta, que não larga do meu pé. Daí quanto eu termino fica me ligando, me enchendo o saco.

 

O primeiro cara que eu namorei (por pouco tempo) disse que ia mandar me matar, quando eu terminei com ele. Ficava indo na porta da minha sala, na faculdade, toda hora me falar merda. Eu não quero gente assim. Por isso prefiro trepar pra caralho e a parte "fool in love" do relacionamento eu realizo com meus amigos: cinema, teatro, Hopi Hari, viagens...06

 

Uma pergunta : O seu ex , durante suas crises , bradava em alto e bom som a condição de vocês ?

 

 
Link to comment
Share on other sites

 

Sim' date=' este é o ponto... Para a grande maioria dos casos, funciona exatamente assim.

 

Mas teus argumentos não invalidaram, nem discutiram um dos meus... Então vou perguntar diretamente: "Você abriria mão de uma relação por causa de uma traição?"

 

Vou responder antes. Eu não faria isto. Jamais abriria mão dos anos de relação que tenho e todas as coisas maravilhosas que vivemos e construímos juntos por causa de uma "escorregada no quiabo".06
[/quote']

 

Se ela me traiu, é porque não me respeita. Não importa, se é porque ela estava bêbada, ou sei lá o que... Pra começar, o que ela foi fazer em local público, sozinha, pra encher a cara? Se ela foi nesse intuito, é porque não estava nem aí com o que viesse a acontecer. A carne é fraca? Não, fraco é quem sucumbe às tentações sem nem pensar no que pode vir a acontecer depois. O que eu estaria fazendo então do lado de uma mulher fraca?

 

Não teria perdão, não.

 

A maior das virtudes do amor é justamente o perdão.

 

 

Já eu acho que é o respeito.
O RESPEITO A QUEM??? A você???

 

Narciso...

 

E outra, Ed, pare de generalizar coisas sobre gays... Dê uma relida em seus últimos posts aqui...

 

Todo gay é promíscuo.

Todo gay se julga mais feliz.

Todo gay etc...

 

Ai, que pobreza de argumentação... Sorry.07

 

Eu falei a maioria... No primeiro post eu generalizei e depois já pedi desculpas. Não ponha palavras na minha boca.
Link to comment
Share on other sites

 

Uma pergunta : O seu ex ' date=' durante suas crises , bradava em alto e bom som a condição de vocês ?

 

 
[/quote']

 

Os chiliques dele na faculdade deixava bem claro que nós tinhamos algo. Mas não estava me preocupando com os outros. Mas com ele atrapalhando minha vida.
Link to comment
Share on other sites

 

Sim' date=' este é o ponto... Para a grande maioria dos casos, funciona exatamente assim.

 

Mas teus argumentos não invalidaram, nem discutiram um dos meus... Então vou perguntar diretamente: "Você abriria mão de uma relação por causa de uma traição?"

 

Vou responder antes. Eu não faria isto. Jamais abriria mão dos anos de relação que tenho e todas as coisas maravilhosas que vivemos e construímos juntos por causa de uma "escorregada no quiabo".06
[/quote']

 

Se ela me traiu, é porque não me respeita. Não importa, se é porque ela estava bêbada, ou sei lá o que... Pra começar, o que ela foi fazer em local público, sozinha, pra encher a cara? Se ela foi nesse intuito, é porque não estava nem aí com o que viesse a acontecer. A carne é fraca? Não, fraco é quem sucumbe às tentações sem nem pensar no que pode vir a acontecer depois. O que eu estaria fazendo então do lado de uma mulher fraca?

 

Não teria perdão, não.

 

A maior das virtudes do amor é justamente o perdão.

 

 

Já eu acho que é o respeito.

 

Para mim também. Aí é que está o embate, Jack...

 

Se ela me traiu, não me respeita mais. E o respeito é um dos dois pilares de uma relação amorosa. O perdão talvez seja o segundo.

 

 
Compreendo vc. Eu tb acho q o respeito falhou aí. Mas eu tentaria compreender o PORQUE disto, se fosse na minha relação, entende? Eu amo tanto ele que eu preferiria encontrar uma mísera desculpa para perdoá-lo, porque não vejo mais a minha vida sem ele. E sei que isto é recíproco. Sei que o que eu perderia se o deixasse jamais seria substituído... e que me arrependeria de não tê-lo perdoado. Encontramos um ponto de estabilidade eterna entre nós, é meio difícil de explicar isto... E estamos há nove anos juntos...
Link to comment
Share on other sites

 

Será' date=' Ed? Por exemplo, você pode até respeitar uma pessoa em quem não confia. Como um inimigo seu.

[/quote']

 

Mas no caso, é seu parceiro(a). Ou seja, já não é inimigo... Você entendeu porra 06.

 

 

 

Mas você pode não respeitar algumas atitudes da pessoa em quem confia, seja parceiro(a) ou inimigo(a)... 06
Jon2007-12-04 14:41:06
Link to comment
Share on other sites

Compreendo vc. Eu tb acho q o respeito falhou aí. Mas eu tentaria compreender o PORQUE disto' date=' se fosse na minha relação, entende? Eu amo tanto ele que eu preferiria encontrar uma mísera desculpa para perdoá-lo, porque não vejo mais a minha vida sem ele. E sei que isto é recíproco. Sei que o que eu perderia se o deixasse jamais seria substituído... e que me arrependeria de não tê-lo perdoado. Encontramos um ponto de estabilidade eterna entre nós, é meio difícil de explicar isto... E estamos há nove anos juntos...[/quote']

 

Compreendo sim. Tudo depende do contexto...

Mas não consigo imaginar um contexto favorável à aceitação de uma traição... Ficaria estranho, depois, entende? Eu passaria a não respeitá-la, acabaria traindo ela também, etc, etc...

 

Já viu "De Olhos Bem Fechados"? É um dos meus 10 filmes preferidos. E sendo ele um puta estudo dos relacionamentos, de tudo isso o que vc diz sobre a mentalidade machista sobre o que é ser fiel e etc, você pode deduzir que eu não sou tão rígido assim, que eu compreendo os dois lados (ou seja lá quantos lados forem). Só não conseguiria aceitar uma traição, justamente por ser humano, por esta traição ferir a sensação de comodidade que eu tinha de compratilhar minha vida com aquela pessoa. Ela passa a não ser mais "aquela" pessoa. Passa a ser quase uma estranha.
Link to comment
Share on other sites

Respondendo a sua questão: eu acho fidelidade importante sim. Concordo com absolutamente tudo que o Enxak escreveu. Sem contar que não teria essa epidemia enorme de AIDS se as pessoas se controlassem.
ABSOLUTAMENTE ERRADO seu pensamento' date=' me desculpe. A AIDS não tem NADA a ver com a fidelidade.

 

Se vc acompanha, inclusive, o caminhar da epidemia no mundo, deveria saber que a doença tem crescido MAIS, justamente, entre MULHERES HETEROSSEXUAIS QUE MANTÉM RELAÇÕES ESTÁVEIS. (O que não deixa de demonstrar a enorme HIPOCRISIA do assunto fidelidade). A epidemia da AIDS não tem nem a ver com promiscuidade. A pessoa pode ter centenas de parceiros em um ano, MAS SE USAR PRESERVATIVO COM TODOS, não será um(a) candidato(a) ao vírus. ENTRETANTO, pode ser alguém como vcs, que acreditam em fidelidade de carne e transam sem camisinha com SEU ÚNICO(A) PARCEIRO(A), que, por motivos óbvios, se diz fiel, e lhe transmite o vírus...09[/quote']

 

Por isso mesmo que eu falei que TEM haver com fidelidade. Se homens e mulheres casados se CONTROLASSEM não haveria essa epidemia entre os monogâmicos. É exatamente disso que eu estou falando. Eu respondi a pergunta do Plutão sobre FIDELIDADE. Promiscuidade é outra coisa, nem tô levando em consideração.

 

Agora não me venha falar que em surubas com mais de três parceiros há uso de camisinha no convencional (hehehe), no anal e no oral não, que eu não acredito.
Ana2007-12-04 14:42:57
Link to comment
Share on other sites

Ana, só pra encerrar esse assunto, como te disse via MP, não me importa se você gosta ou não de gays, negros, orientais, bissexuais, travestis ou seja lá o que for.

 

Eu critiquei a forma como você colocou isso. Você pode dizer "sou contra homossexualismo". Isso é um ponto de vista e deve ser respeitado. Agora dizer "GLS é um nojo" é pejorativo e é preconceito sim.

 

Foi infeliz sua declaração, se tivesse colocado de forma branda certamente passaria em branco.[/quote']

 

Vou escrever exatamente o que eu escrevi lá:

 

Que Nojo! Isso aqui parecendo um fórum GLS já.

 

Onde nessa frase eu escrevi: "GLS é um nojo?" Pára de deturpar o que os outros escrevem para se passar por minoria perseguida.  Aliás, de minoria vocês não são mais nada.
Link to comment
Share on other sites

Você também é péssima em interpretar texto. Qual a diferença? Onde a palavra "nojo" entra aí, que não seja de forma pejorativa ou preconceituosa?

 

Eu não faço parte de minoria perseguida nenhuma. Não ponha coisas na minha boca (uiii)06

 

Não vou mais gastar meu latin com você Ana Açucarada...06
Archi2007-12-04 14:52:42
Link to comment
Share on other sites

A desculpa agora são as DST? Detalhe! A promiscuidade não configura necessariamente uma causa de doenças' date=' mesmo porque algum tempo atrás os “monogâmicos” especialmente os hetero configuravam os maiores distribuidores destas doenças. Isto se deve ao fato da doença ser adquirida na surdina, sem o parceiro nem saber o que se passa. Isto sim é traição e das bravas.

<?:namespace prefix = o ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:office" />

 

Mas voltando a um detalhe que ainda não se atentaram é o consentimento. Se existe o consentimento de todos os envolvidos na suposta traição onde se configura a traição? 17[/quote']

 

A sua pergunta era sobre FIDELIDADE não? Foi exatamente isso que eu respondi. Se os casados não traissem não haveria tantos homens/mulheres monogâmicos contaminados.

 

Quanto a sua segunda pergunta: Se há consentimento, obviamente não há traição.
Link to comment
Share on other sites

Você também é péssima em interpretar texto. Qual a diferença? Onde a palavra "nojo" entra aí, que não seja de forma pejorativa ou preconceituosa?

 

Eu não faço parte de minoria perseguida nenhuma. Não ponha coisas na minha boca (uiii)06

 

Não vou mais gastar meu latin com você Ana Açucarada...06
[/quote']

Só na sua cabecinha oca que entra. Vou ser bem didática dessa vez PUBLICAMENTE pra você entender, tá? Porque por MP é fácil você fingir que não entende.

 

Quando eu falei em NOJO estava falando da sua forma de escrever: contando todas os seus planos "maquiavélicos" (06) para conseguir ganhar o coitado do médico. Quando falei em fórum GLS é porque nesses fóruns GLS deve ter muitas dicas desse tipo pra vocês se ajudarem.

 

Pronto, tá explicado. Agora você não poderá mais inventar estapafúrdios (13) da minha pessoa pra se passar por coitadinho. :)
Ana2007-12-04 15:10:47
Link to comment
Share on other sites

 

Quando eu falei em NOJO estava falando da sua forma de escrever: contando todas os seus planos "maquiavélicos" (06) para conseguir ganhar o coitado do médico. Quando falei em fórum GLS é porque nesses fóruns GLS deve ter muitas dicas desse tipo pra vocês se ajudarem.

 

 

Sua explicação não é nada convincente. Mas vou fingir que aceito.03
Archi2007-12-04 15:20:07
Link to comment
Share on other sites

 Share

Announcements


×
×
  • Create New...