Jump to content
Forum Cinema em Cena
Kate B.

Lua Nova

Recommended Posts

Para deixar claro... o "filme" Crepúsculo... não é filme. Não é uma coisa que valha a pena discutir.

 

 

 

Eu li todos os 4 livros... porque uma das minhas melhores amigas é uma fã enlouquecida e me forçou a começar a ler. O livro não é bom... mas é fácil e até que prende sua atenção (até você chegar no fim e vê que é uma merda)... uma novelinha... em um instante você lê todos... coisa de uma semana. Enfim...

 

 

 

Dito isso' date=' eu venho falar aqui do Hype do filme, como alguém que leu o livro e que, embora não tenha gostado muito, tem proximidade com fãs. Ou seja... acredito que possa ser um comentário menos parcial.

 

 

 

 

 

Mas se vocês garotos não entendem o hype... talvez seja porque não entendem realmente o que significa um fanatismo teenage girl. Não é um fanatismo comum...

 

 

 

Já vi Edward Cullen ser responsável por rompimentos de namoros. Já vi garotas ficarem depressivas porque seus namorados não são tão bons quanto ele. Já vi muitas meninas feínhas, gordinhas... se sentirem especiais pensando que algum dia lhes aparecia um Edward Cullen e mude suas vidas.

 

 

 

Ele provavelmente foi o personagem mais responsável por DRs ... ever.

 

 

 

A questão é... as garotas se apaixonaram pelo Edward Cullen... Então... realmente não importa que o filme seja uma merda. O que importa é que um ator bonito esteja ali repetindo as falas do livro. Não importa se ele esteja fazendo isso bem ou mal.

 

 

 

- "Ah... mas isso é o livro, não é o filme".

 

 

 

O filme deu ainda mais visibilidade à história. Outras garotas que não conhecem a história ficam curiosas e acabam lendo... e bam! Mais um fã. é um vírus que se espalhou muito, muito rápido.

 

 

 

Mas também existem moças que viraram fãs por causa do filme. Elas se apaixonaram pela história (e pelo Edward Cullen). E o filme?... whatever... pode ser a porcaria que for.

 

 

 

Sim, acreditem se quiserem... teenage girls não assistem filmes por bagagem cinematográfica, muito menos pelos efeitos especiais. Uma moça de 12 anos não se importa com o tipo de lente que se usa, a posição da câmera, o figurino ou a maquiagem...

 

 

 

Elas adoram ver um cara bonito fazendo juras de amor eterno para uma menina normal (que poderiam ser elas mesmas).

 

 

 

O filme não faz sucesso por ser bom... mas porque é romântico e mostra para as mocinhas e o que elas querem ver e ouvir.

 

 

 

É uma máquina de fazer dinheiro isso. E a autora dos livros, Stephanie Meyer... é uma manipulative bitch.

 

 

 

--

 

ficou grande o post... mas whatever... lê quem quer.[/quote']

 

 

 

Eu li, valeu. Realmente não tinha idéia da dimensão da coisa em torno desse cara (esse lance de rompimento de namoros é literalmente inacreditável), e nem que fosse suficiente, sozinha, pra desencadear a febre (afinal o príncipe é usado desde sempre). Sempre achei que precisasse haver uma cola entre os elementos pra tornar a coisa suportável e possibilitar que então o fanatismo se desenvolvesse sozinho, como ocorre com as produções que saem da forma da Disney. HSM, por mais tolo que seja, tem aquela pintura genérica que o faz assistível. Crepúsculo é amador, como o Sapo disse, e eu achei que a ordem natural das coisas seria um produto ruim despertar a ira dos fãzóides, não reproduzi-los às centenas de milhares.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Pois é... Entendo completamente seu ponto de vista. É que esse fanatismo foge dos padrões e das expectativas gerais. É difícil de entender para quem não teve contato com a coisa (como o Jail falou, não conhecer o livro, nem ninguém que seja apaixonado por ele), ou pra quem não conhece exatamente a mente do público alvo.

 

 

 

Sinceramente... não acho que seja uma história para garotos. Meu conselho.. nem tentem.(embora conheça homens que tenham lido... mas jamais se apaixonarão pela história... uma história que não foi feita para eles, anyway).

 

 

 

esse lance de rompimento de namoros é literalmente inacreditável

 

 

 

Acredite... só acho realmente crível porque vi acontecer com esses olhos que a terra há de comer.

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

Eu sinceramente não consigo entender o buzz sobre estes filmes. O tal do Crepúsculo é ruim de doer' date=' amdorasso até.

[/quote']

 

Rapaz, vide NX Zero... qual a explicação?

 

É tudo passageiro...o que não dá pra engolir é todo este hype sobre aquela porta metida a ator chamada Robert Pattinson...bom, as garotinhas o acham lindo e tal, eu sei...mas daqui a uns anos nem elas lembrarão mais disso. 06

É tudo fugaz e ponto. 06

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Não tenho contato com aquele monstro chamado teen fangirl apaixonada por Edward Cullen, e não sei precisamente o tamanho da loucura, mas tenho uma idéia...

 

Crepúsculo é o novo Titanic. Cameron acertou em certos pontos no seu filme, mas o que aquelas adolescentes cultuaram foi mesmo o romance e o príncipe encantado.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

Crepúsculo é o novo Titanic. Cameron acertou em certos pontos no seu filme' date=' mas o que aquelas adolescentes cultuaram foi mesmo o romance e o príncipe encantado.

[/quote']

 

Não, definitivamente.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

 

Crepúsculo é o novo Titanic. Cameron acertou em certos pontos no seu filme' date=' mas o que aquelas adolescentes cultuaram foi mesmo o romance e o príncipe encantado.

[/quote']

 

Não, definitivamente.

O novo Titanic quando se trata da loucura das adolescentes, não da qualidade dos filmes. icon_rolleyes

 

 

 

Lucy in the Sky2009-11-08 17:04:19

Share this post


Link to post
Share on other sites

"Ontem à noite, lua minguante: primeira exibição de imprensa de Lua Nova, segundo capítulo da saga Crepúsculo. Só para a Hollywood Foreign Press Association, no cineminha particular da ICM, uma das três grandes agências de talento daqui. Orquídeas no lobby, sala lotada, seguranças circulando para ver se ninguém estava pirateando a preciosidade. Sem risco – a platéia estava era rindo cada vez que Rob Pattinson ou Taylor Lautner tiram a camisa por qualquer pretexto.

 

 

 

Chris Weitz fez um belo trabalho, e teve a ajuda de um orçamento mais generoso: os efeitos especiais estão mais para efeitos que para defeitos, a direção é firme e bem pensada. Ainda acho a maquiagem dos vampiros mais para palhaço que para criatura sobrenatural, especialmente no momento “glitter”. Mas meu principal problema com a Lua não pode ser colocado nos ombros de Weitz: é a sensação de que se trata de uma metáfora pobre para a mesma mensagem que as mulheres vem recebendo ao longo de séculos de literatura “juvenil” – aturem seus homens, não importa o quão violentos, descontrolados, emocionalmente cruéis eles possam ser; vocês são passivas, não tem controle sobre suas vidas, resignem-se, isso é o "amor".

 

 

 

Este é um dos (muitos) problemas do texto, para mim, e as imagens frequentemente belas que Weitz conjura em seu filme apenas ampliam essa mensagem que não cabe mais na alvorada da segunda década do século 21."

 

 

 

http://anamariabahiana.blog.uol.com.br/

 

 

 

Que piada, defender o Weitz, essa é a conhecedora-mor Bahiana.

 

pantalaimon2009-11-08 22:54:49

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

a platéia estava era rindo cada vez que Rob Pattinson ou Taylor Lautner tiram a camisa por qualquer pretexto.

 

 

Ainda acho a maquiagem dos vampiros mais para palhaço que para criatura sobrenatural, especialmente no momento “glitter”

 

Eu mal posso esperar pra rir das tiradas de camisa.

 

Eu também acho um tanto risível aquela maquiagem.

Agora eu estou visualizando Pattinson com o rosto pintando de branco e batom nos lábios... Pensando bem, não é tão ruim.

 

 

Lucy in the Sky2009-11-08 23:25:12

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

Para deixar claro... o "filme" Crepúsculo... não é filme. Não é uma coisa que valha a pena discutir.

 

 

 

Eu li todos os 4 livros... porque uma das minhas melhores amigas é uma fã enlouquecida e me forçou a começar a ler. O livro não é bom... mas é fácil e até que prende sua atenção (até você chegar no fim e vê que é uma merda)... uma novelinha... em um instante você lê todos... coisa de uma semana. Enfim...

 

 

 

Dito isso' date=' eu venho falar aqui do Hype do filme, como alguém que leu o livro e que, embora não tenha gostado muito, tem proximidade com fãs. Ou seja... acredito que possa ser um comentário menos parcial.

 

 

 

 

 

Mas se vocês garotos não entendem o hype... talvez seja porque não entendem realmente o que significa um fanatismo teenage girl. Não é um fanatismo comum...

 

 

 

Já vi Edward Cullen ser responsável por rompimentos de namoros. Já vi garotas ficarem depressivas porque seus namorados não são tão bons quanto ele. Já vi muitas meninas feínhas, gordinhas... se sentirem especiais pensando que algum dia lhes aparecia um Edward Cullen e mude suas vidas.

 

 

 

Ele provavelmente foi o personagem mais responsável por DRs ... ever.

 

 

 

A questão é... as garotas se apaixonaram pelo Edward Cullen... Então... realmente não importa que o filme seja uma merda. O que importa é que um ator bonito esteja ali repetindo as falas do livro. Não importa se ele esteja fazendo isso bem ou mal.

 

 

 

- "Ah... mas isso é o livro, não é o filme".

 

 

 

O filme deu ainda mais visibilidade à história. Outras garotas que não conhecem a história ficam curiosas e acabam lendo... e bam! Mais um fã. é um vírus que se espalhou muito, muito rápido.

 

 

 

Mas também existem moças que viraram fãs por causa do filme. Elas se apaixonaram pela história (e pelo Edward Cullen). E o filme?... whatever... pode ser a porcaria que for.

 

 

 

Sim, acreditem se quiserem... teenage girls não assistem filmes por bagagem cinematográfica, muito menos pelos efeitos especiais. Uma moça de 12 anos não se importa com o tipo de lente que se usa, a posição da câmera, o figurino ou a maquiagem...

 

 

 

Elas adoram ver um cara bonito fazendo juras de amor eterno para uma menina normal (que poderiam ser elas mesmas).

 

 

 

O filme não faz sucesso por ser bom... mas porque é romântico e mostra para as mocinhas e o que elas querem ver e ouvir.

 

 

 

É uma máquina de fazer dinheiro isso. E a autora dos livros, Stephanie Meyer... é uma manipulative bitch.

 

 

 

--

 

ficou grande o post... mas whatever... lê quem quer.[/quote']

 

 

 

Eu li, valeu. Realmente não tinha idéia da dimensão da coisa em torno desse cara (esse lance de rompimento de namoros é literalmente inacreditável), e nem que fosse suficiente, sozinha, pra desencadear a febre (afinal o príncipe é usado desde sempre). Sempre achei que precisasse haver uma cola entre os elementos pra tornar a coisa suportável e possibilitar que então o fanatismo se desenvolvesse sozinho, como ocorre com as produções que saem da forma da Disney. HSM, por mais tolo que seja, tem aquela pintura genérica que o faz assistível. Crepúsculo é amador, como o Sapo disse, e eu achei que a ordem natural das coisas seria um produto ruim despertar a ira dos fãzóides, não reproduzi-los às centenas de milhares.

 

Caindo de paraquedas por aqui, porque me falaram que tava rolando esse papo. Parabéns pelo post, Veras, tá muito bom. Só que não creio se tratar de nenhum fenômeno novo, o carinha esse é só o novo rosto. O sonho pré-púbere do príncipe encantado teve um outro rosto bem recentemente (pra mim, isso é recente, tem gente que acha que dois anos atrás é história antiga), não acredito que alguém já esqueceu: DiCaprio em Titanic. Quem tem a minha idade deve lembrar das bancas de jornais cobertas de posterês dele pra vender, e as meninas tinham que ter todos, mesmo que fosse a mesma foto em tamanho maior. Fora as declarações do tipo "já vi 12 vezes", "ah, eu já vi 15". E é bem como a Veras disse, o combustível disso é a fantasia de que ele poderia aparecer a qualquer momento e transformar aquela menina, que mal tá começando a passar por uma fase extremamente complexa, em uma princesa, alguém que vai estar acima das confusões e julgamentos que tanto podem causar sofrimento.

 

E querem saber do que mais, isso é lindo. As mulheres que mais me atraem são as que conseguem crescer e se tornar mulheres sem perder essa magia romântica. Toda mulher deveria procurar para si um príncipe encantado. Ele não vai ser um vampíro nem morrer congelado por ela (tomara), mas vai fazê-la se sentir essa princesa, a única mulher do mundo que é aquela princesa. Enfim, chega.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Sim, Jack. A comparação com o início de carreira do Dicaprio e o assédio das fãs é completamente cabível. Inclusive, o fanatismo iniciou com Romeu e Julieta, se bem lembro.

 

 

 

Sobre isso, Dicaprio falou recentemente sobre o Pattinson: "finally there's someone to take that burden off me".

 

 

 

E o tapado do Pattinson respondeu: "Wow! This is so cool"

 

 

 

Certamente sem entender o sarcasmo. (informação via Twitter da Penny Lane @Rafaella_a - fã do livro)

Share this post


Link to post
Share on other sites
E querem saber do que mais' date=' isso é lindo. As mulheres que mais me

atraem são as que conseguem crescer e se tornar mulheres sem perder

essa magia romântica. Toda mulher deveria procurar para si um príncipe

encantado. Ele não vai ser um vampíro nem morrer congelado por ela

(tomara), mas vai fazê-la se sentir essa princesa, a única mulher do

mundo que é aquela princesa. Enfim, chega.[/quote']

Não, é idiota. Reveja sua idéia sobre o que é beleza.

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

Sim' date=' Jack. A comparação com o início de carreira do Dicaprio e o assédio das fãs é completamente cabível. Inclusive, o fanatismo iniciou com Romeu e Julieta, se bem lembro.

 

 

 

Sobre isso, Dicaprio falou recentemente sobre o Pattinson: "finally there's someone to take that burden off me".

 

 

 

E o tapado do Pattinson respondeu: "Wow! This is so cool"

 

 

 

Certamente sem entender o sarcasmo. (informação via Twitter da Penny Lane @Rafaella_a - fã do livro)[/quote']

 

06

 

Esse Pattinson deve ser genial.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

E querem saber do que mais' date=' isso é lindo. As mulheres que mais me

atraem são as que conseguem crescer e se tornar mulheres sem perder

essa magia romântica. Toda mulher deveria procurar para si um príncipe

encantado. Ele não vai ser um vampíro nem morrer congelado por ela

(tomara), mas vai fazê-la se sentir essa princesa, a única mulher do

mundo que é aquela princesa. Enfim, chega.[/quote']

Não, é idiota. Reveja sua idéia sobre o que é beleza.

 

 

Tá bem, vou passar a gostar de outro tipo de mulher. Deixa só eu ligar pra essas que eu descrevi e dizer que mudei de ideia e que acho elas idiotas agora por esperarem isso de um homem.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

 

Assim como na época de Titanic só dava Titanic e DiCaprio na banda de

revista, agora sempre que eu passo em frente a uma, vejo Crepúsculo e mais Crespúsculo, com destaque para Pattinson.

 

 

Sim' date=' Jack. A comparação com o início de carreira do Dicaprio e o assédio das fãs é completamente cabível. Inclusive, o fanatismo iniciou com Romeu e Julieta, se bem lembro.

 

 

 

Sobre isso, Dicaprio falou recentemente sobre o Pattinson: "finally there's someone to take that burden off me".

 

 

 

E o tapado do Pattinson respondeu: "Wow! This is so cool"

 

 

 

Certamente sem entender o sarcasmo. (informação via Twitter da Penny Lane @Rafaella_a - fã do livro)[/quote']

Eu tenho certeza de que Leonardo DiCaprio ainda é mal visto por causa daquilo... Caso Pattinson saiba atuar, a idolatria das garotas é ruim porque o tornou uma piada, e ele vai precisar provar que é melhor do que isso.

 

Lucy in the Sky2009-11-09 00:20:17

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

E querem saber do que mais' date=' isso é lindo. As mulheres que mais me

atraem são as que conseguem crescer e se tornar mulheres sem perder

essa magia romântica. Toda mulher deveria procurar para si um príncipe

encantado. Ele não vai ser um vampíro nem morrer congelado por ela

(tomara), mas vai fazê-la se sentir essa princesa, a única mulher do

mundo que é aquela princesa. Enfim, chega.[/quote']

Não, é idiota. Reveja sua idéia sobre o que é beleza.

 

 

Tá bem, vou passar a gostar de outro tipo de mulher. Deixa só eu ligar pra essas que eu descrevi e dizer que mudei de ideia e que acho elas idiotas agora por esperarem isso de um homem.

Não é idiota procurar um homem que preste (coisa que Edward não é 06). É idiota ficar babando demais por romance e ter expectativas irracionais.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

E querem saber do que mais' date=' isso é lindo. As mulheres que mais me

atraem são as que conseguem crescer e se tornar mulheres sem perder

essa magia romântica. Toda mulher deveria procurar para si um príncipe

encantado. Ele não vai ser um vampíro nem morrer congelado por ela

(tomara), mas vai fazê-la se sentir essa princesa, a única mulher do

mundo que é aquela princesa. Enfim, chega.[/quote']

Não, é idiota. Reveja sua idéia sobre o que é beleza.

 

 

Tá bem, vou passar a gostar de outro tipo de mulher. Deixa só eu ligar pra essas que eu descrevi e dizer que mudei de ideia e que acho elas idiotas agora por esperarem isso de um homem.

Não é idiota procurar um homem que preste (coisa que Edward não é 06). É idiota ficar babando demais por romance e ter expectativas irracionais.

 

Mas isso é uma fase, Lucy. É claro que eu não acho lindo uma mulher adulta ficar babando no postêr de um filme adolescente, isso seria doentio. 06

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Para deixar claro... o "filme" Crepúsculo... não é filme. Não é uma coisa que valha a pena discutir.

 

 

 

Eu li todos os 4 livros... porque uma das minhas melhores amigas é uma fã enlouquecida e me forçou a começar a ler. O livro não é bom... mas é fácil e até que prende sua atenção (até você chegar no fim e vê que é uma merda)... uma novelinha... em um instante você lê todos... coisa de uma semana. Enfim...

 

 

 

Dito isso' date=' eu venho falar aqui do Hype do filme, como alguém que leu o livro e que, embora não tenha gostado muito, tem proximidade com fãs. Ou seja... acredito que possa ser um comentário menos parcial.

 

 

 

 

 

Mas se vocês garotos não entendem o hype... talvez seja porque não entendem realmente o que significa um fanatismo teenage girl. Não é um fanatismo comum...

 

 

 

Já vi Edward Cullen ser responsável por rompimentos de namoros. Já vi garotas ficarem depressivas porque seus namorados não são tão bons quanto ele. Já vi muitas meninas feínhas, gordinhas... se sentirem especiais pensando que algum dia lhes aparecia um Edward Cullen e mude suas vidas.

 

 

 

Ele provavelmente foi o personagem mais responsável por DRs ... ever.

 

 

 

A questão é... as garotas se apaixonaram pelo Edward Cullen... Então... realmente não importa que o filme seja uma merda. O que importa é que um ator bonito esteja ali repetindo as falas do livro. Não importa se ele esteja fazendo isso bem ou mal.

 

 

 

- "Ah... mas isso é o livro, não é o filme".

 

 

 

O filme deu ainda mais visibilidade à história. Outras garotas que não conhecem a história ficam curiosas e acabam lendo... e bam! Mais um fã. é um vírus que se espalhou muito, muito rápido.

 

 

 

Mas também existem moças que viraram fãs por causa do filme. Elas se apaixonaram pela história (e pelo Edward Cullen). E o filme?... whatever... pode ser a porcaria que for.

 

 

 

Sim, acreditem se quiserem... teenage girls não assistem filmes por bagagem cinematográfica, muito menos pelos efeitos especiais. Uma moça de 12 anos não se importa com o tipo de lente que se usa, a posição da câmera, o figurino ou a maquiagem...

 

 

 

Elas adoram ver um cara bonito fazendo juras de amor eterno para uma menina normal (que poderiam ser elas mesmas).

 

 

 

O filme não faz sucesso por ser bom... mas porque é romântico e mostra para as mocinhas e o que elas querem ver e ouvir.

 

 

 

É uma máquina de fazer dinheiro isso. E a autora dos livros, Stephanie Meyer... é uma manipulative bitch.

 

 

 

--

 

ficou grande o post... mas whatever... lê quem quer.[/quote']

 

 

 

10.gif Perfeito. Resumiu tudo.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Crepúsculo é o novo Titanic. Cameron acertou em certos pontos no seu filme' date=' mas o que aquelas adolescentes cultuaram foi mesmo o romance e o príncipe encantado.
[/quote']

 

Eu ia dizer isso... Quem testemunhou a euforia naqueles idos de 1997-1998 sabe que depois de pouco tempo, não era mais o filme do navio que afundava... Era o Leonardo DiCaprio que movimentava a coisa toda, as meninas queriam tê-lo em casa, sem navio e sem Kate Winslet... Mas de acordo com o relato da Veras, acho que hoje a coisa está realmente doentia...

 

Em tempo: não li os livros, nem vi o filme...

Share this post


Link to post
Share on other sites
"Ontem à noite' date=' lua minguante: primeira exibição de imprensa de Lua Nova, segundo capítulo da saga Crepúsculo. Só para a Hollywood Foreign Press Association, no cineminha particular da ICM, uma das três grandes agências de talento daqui. Orquídeas no lobby, sala lotada, seguranças circulando para ver se ninguém estava pirateando a preciosidade. Sem risco – a platéia estava era rindo cada vez que Rob Pattinson ou Taylor Lautner tiram a camisa por qualquer pretexto.

Chris Weitz fez um belo trabalho, e teve a ajuda de um orçamento mais generoso: os efeitos especiais estão mais para efeitos que para defeitos, a direção é firme e bem pensada. Ainda acho a maquiagem dos vampiros mais para palhaço que para criatura sobrenatural, especialmente no momento “glitter”. Mas meu principal problema com a Lua não pode ser colocado nos ombros de Weitz: é a sensação de que se trata de uma metáfora pobre para a mesma mensagem que as mulheres vem recebendo ao longo de séculos de literatura “juvenil” – aturem seus homens, não importa o quão violentos, descontrolados, emocionalmente cruéis eles possam ser; vocês são passivas, não tem controle sobre suas vidas, resignem-se, isso é o "amor".

Este é um dos (muitos) problemas do texto, para mim, e as imagens frequentemente belas que Weitz conjura em seu filme apenas ampliam essa mensagem que não cabe mais na alvorada da segunda década do século 21."

http://anamariabahiana.blog.uol.com.br/

Que piada, defender o Weitz, essa é a conhecedora-mor Bahiana.
[/quote']

06

 

Dá um desconto, pan. Ela ficou semanas tentando convencer os leitores que The Golden Compass (o filme) era bom. E o pior: tentando SE convencer.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...

×
×
  • Create New...