Jump to content
Forum Cinema em Cena

A Primeira Noite de Um Homem


Thiago Lucio
 Share

Recommended Posts

smiley10.gifsmiley10.gifsmiley10.gifsmiley10.gif - A PRIMEIRA NOITE DE UM HOMEM

"A Primeira Noite de Um Homem" é o clássico de uma geração, mas por ser um clássico consegue sobreviver ao passar dos anos com a mesma jovialidade na qual foi concebida em 1967 pelo diretor Mike Nichols que realiza um trabalho maravilhoso e nos presenteia com um elenco que esbanja talento: Dustin Hoffman, Anne Bancroft e Katharine Ross, além de contar com uma trilha sonora gostosíssima de Simon e Garfunkel, uma conjunto de elementos que torna esta comédia em um programa indispensável para todas as idades em qualquer geração.

Benjamin Braddock ( Hoffman ) é um jovem tímido e recatado com seus 20 poucos anos que acaba de se graduar e em meio as expectativas ( suas e dos outros ) do que ele pretende para o seu futuro eis que a sedutora Sra. Robinson ( Bancroft ), esposa do sócio do seu pai, cruza o seu caminho e o seduz. Desde já toda a passagem que se inicia do 1º encontro deles até o momento em que ele "foge" da casa dela é de uma energia incomparável tanto por parte da direção como do casal que possuem um "timing" invejável, algo que não se consegue copiar nem traduzir em meio a palavras. O desconforto de Braddock e a displicência da Sra. Robinson ditam o ritmo da produção até a metade da produção ( sempre embalada por canções inesquecíveis em momentos contemplativos - a sequência de Benjamim na piscina seja com a roupa de mergulho ou conversando com os pais são impagáveis ) quando surge a bela Elaine ( Ross ), filha da Sra. Robinson e desperta o interesse do jovem graduado. Mike Nichols realiza um trabalho impecável porque ele conduz o filme de maneira a valorizar a interação dos personagens seja pelos planos em que ele escolhe, seja pelos cortes que ele faz ou até mesmo quando se afasta daquilo que acontece para que possamos observar não apenas aquilo que está acontecendo, mas assimilar tudo aquilo que está envolvido entre os personagens.

É curioso constatar que o filme é internacionalmente reconhecido por esse "plot", mas que ele possui outros méritos além desse, afinal a partir da metade do filme o que mais interessa é o relacionamento amoroso entre Benjamin e Elaine que funciona muito bem graças ao entrosamento do casal e que como é de se esperar até o momento em que a verdade sobre o envolvimento dele com a mãe da garota será revelado. Hoffman consegue equilibrar a ingenuidade do rapaz e o seu desespero nas mais diversas situações de maneira a torná-lo um sujeito no qual nos identificamos tanto que quanto ele revela à Elaine que até conhecê-la considerava-se uma nulidade compreendemos que a experiência na qual ele está vivendo naquele momento também é pela 1ª vez, mas de uma maneira tão ou mais intensa que aquela vivida com a sra. Robinson, o que justifica muito as suas ações no 3º ato.

Há um certos toques burocráticos na passagem em que ele insistantemente a pede em casamento, mas é apenas uma preparação para o seu clímax que é um daqueles em que a gente vai junto com o personagem, torcendo para o personagem, aflito, ansioso como ele. "A Primeira Noite de Um Homem" é um daqueles trabalhos que traduzem os anseios da nossa juventude de maneira sensível e natural e exalta a importância das transformações e do amadurecimento que temos no decorrer da vida e se considerarmos que atualmente somos "presenteados" com genérios da espécie de "American Pie", pela 1ª vez desejei ter nascido em uma outra época. Ainda bem "A Primeira Noite de Um Homem" é uma comédia eternizada, inesquecível ... um clássico.

Link to comment
Share on other sites

  • 4 weeks later...
  • 3 months later...

Concordo plenamente com as pessoas que citaram o final de THE GRADUATE. É sem dúvidas um dos finais mais dúbios e antológicos de todos os tempos, capaz de refletir toda a complexidade da situação e da relação daqueles dois jovens, ansiosos por começar uma vida que...bem, que eles nem sabem como vai ser e se deve ser daquela maneira, juntos, por assim dizer.

Bastava essa cena para que Nichols merecesse o Oscar de Melhor Diretor que ele levou e, somada a outras partes inesquecíveis citadas pelo Thiago, que o filme levasse o prêmio principal, se tornando um clássico instantâneo, reflexo de uma geração mas que não demonstra nenhum sinal de envelhecimento, quase 40 anos depois.

 

Grande Hoffman, grande Bancroft, grande Nichols...filme espetacular! smiley32.gif

 

 

Link to comment
Share on other sites

Excelente! Um dos meus filmes preferidos. Personagens riquíssimos (impossível não se lever pela natureza do Ben), ótima trilha sonora (Mike Nichols escolhe muito bem a trilha de seus filmes) e uma comédia leve, nada forçada. E o final também é pra mim um dos melhores do cinema. smiley32.gif

NOTA: 9.5

 

Link to comment
Share on other sites

  • 1 month later...

Lá vai a crítica do CCR:

primeira-noite-de-um-homem_critica_poster_01.jpg

(...)

 

Cotação: star.gifstar.gifstar.gifstar.gifstar.gifstar.gifstar.gifstar.gifstar.gifstar2.gif  (9/10)

 

 

Esta crítica, do Rodrigo Cunha, está no Cineplayers também.

 

 

Ainda assim, não consigo ver nada que justifique aquela posição na lista. Minha modesta opinião:

 

A comédia romântica que fez o mundo descobrir Dustin Hoffman é de 67, época hippie, das grandes transformações nos valores morais. Desde os primeiros minutos do filme, na festa de formatura, somos apresentados a um Ben (Hoffman) pressionado pelo orgulho e pelos sonhos dos pais, que desejam realizar no futuro do filho o verdadeiro sonho americano. Através deste pano de fundo, uma complicada e deliciosamente divertida trama de relações vai se desenrolando. Quando Mrs. Robinson chega para alforriá-lo de seu destino já desenhado, Ben se vê mergulhar em uma relação de pura diversão e passatempo, até que Elaine, filha de Mrs. Robinson, entra na história e o deixa frente a uma caçada que só termina com a falência do moralismo imposto e rejeitado pelos dois, que partem juntos rumo à liberdade.

<?:namespace prefix = o ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:office" />

 

The Graduate não é nenhum filme brilhante, e nem tem esta pretensão, mas a forma como esta comédia romântica (gênero quase sinônimo de bomba) vai passando do humor refinado, da sutil crítica ao contexto da época, até um final feliz absolutamente oportuno, é algo mágico de se presenciar. Porém, esta evolução do filme não se dá de modo perfeito. Ele acaba, ainda que propositalmente, lento demais até os limites do início da busca épica de Ben por Elaine. Os primeiros trinta minutos, inclusive, podem fazer o espectador impaciente deixar a sessão. No entanto, você tem certeza de que The Graduate lhe compensou, quando os créditos sobem. E esta certeza é composta pelos dois principais fatores que elevam este filme: Dustin Hoffman e Simon & Grafunkel. O primeiro tem um de seus melhores momentos na carreira, interpretando, com trinta anos, um jovem de 21 (só pra ficar no detalhe). Sem falar na memorável cena que virou capa do filme. O segundo fator é a trilha sonora, composta por Simon & Grafunkel. Sound of Silence e, principalmente, Mrs. Robinson se tornaram clássicos inquestionáveis. E o melhor de tudo é que não há como separar as músicas do filme, nem vice-versa, pois cada vez que ouvir Mrs. Robinson vai lembrar de Ben e a própria na piscina do hotel. The Graduate se consagra, assim, como um dos grandes clássicos do cinema, superando a forma despretensiosa (mérito) com a qual foi filmado.

Link to comment
Share on other sites

O que há de tão sensacional neste filme para lhe assegurar o 7º lugar na lista dos melhores de todos os tempos? Ficou na frente' date=' até onde eu vi, de A Lista de Schindler, Amadeus, Laranja Mecânica, Forrest Gump, Os Bons Companheiros, Os Imperdoáveis, Pulp Fiction, e outros vários que eu considero muito superiores. [/quote']Meio OFF o que vou dizer, e assunto pra outro tópico, mas enfim:


Pra mim estas listas de críticos, de associações de cinema, de melhores filmes americanos de todos os tempos, tem tanta importância quanto uma lista de melhores filmes feita por usuários de fóruns de cinema, do IMDB, do boteco da esquina... ou seja, nenhuma... são opiniões isoladas e divergentes e tentar colocar um filme na frente do outro (mesmo que sejam de gêneros diferentes) é a idéia mais esdrúxula que alguém pode ter.

Não confunda o que acabo de dizer com avaliar e criticar, dar estrelas, ressaltar os pontos altos e baixos de cada produção - o que não dá é tentar colocar num balaio aqueles que supostamente são os melhores do cinema... alguns dos melhores colocados são puta filmes, mas falham miseravelmente no que outros em posições infinitamente mais abaixo são bem-sucedidos, e certos detalhes podem comprometer o resultado final. Dependendo da pessoa que assiste.

 

Na verdade, acho listas de "melhores" uma injustiça sem tamanho. Listas sobre "filmes que você mais GOSTA" tudo bem, mas definir se um filme é melhor que o outro exigiria uma avaliação extremamente profunda, e exatamente por isso, também não levo muito a sério. Acontece que The Graduate já figurou em outras listas deste tipo e eu queria entender a opinião dos críticos envolvidos. Parece-me algo insano dizer que The Graduate é melhor que Laranja Mecânica.

 

Ps: o fórum está com problemas nos quotes, como já devem ter percebido.Gargalhadas
Forasteiro2006-09-23 16:55:12
Link to comment
Share on other sites

Mas eu procurei e não achei.

 

Página 8:

 

 

Tem uma crítica do Thiago Lucio. Só um detalhe: concordo ocm grande parte do que você disse, Forasteiro; não o vejo como uma grande obra-priam e nem entre um dos cinco melhores da década de 60 (muito menos um dos 50 melhores de todos os tempos). Mas curto muito.
Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...
 Share

Announcements

×
×
  • Create New...