Jump to content
Forum Cinema em Cena

Recommended Posts

 

Há uma diferença brutal entre um kryptoniano sem poderes vivendo como um humano e um humano. Kal-El não abdicou de ser kryptoniano' date=' ele abdicou dos poderes que o sol amarelo dava a ele.[/quote']

 

Isso.Apoiado!

 

 

Até onde sei, a mãe dele fala "em se tornar um deles", não em "abdicar de poderes". Mostra até toda aquele operação em que ele passa, mostrando nitidamente a mudança genética... Mas enfim... não vou ficar insistindo nisso, tanto faz. Pra mim, ficou um furo, e se o Singer não explicar na continuação, então o furo ficou. Opinião minha.

 

Já ouviu falar em metáfora?

Link to post
Share on other sites
  • Replies 156
  • Created
  • Last Reply

Top Posters In This Topic


Há uma diferença brutal entre um kryptoniano sem poderes vivendo como um humano e um humano. Kal-El não abdicou de ser kryptoniano' date=' ele abdicou dos poderes que o sol amarelo dava a ele.[/quote']

Isso.Apoiado!



Até onde sei, a mãe dele fala "em se tornar um deles", não em "abdicar de poderes". Mostra até toda aquele operação em que ele passa, mostrando nitidamente a mudança genética... Mas enfim... não vou ficar insistindo nisso, tanto faz. Pra mim, ficou um furo, e se o Singer não explicar na continuação, então o furo ficou. Opinião minha.


Já ouviu falar em metáfora?

Já, mas não é o caso...

Isso que você disse é um dedução sua. Não está explícito isso no filme, em momento nenhum. Se está, então desculpe, eu não vi (ninguém viu, pelo jeito...).

Link to post
Share on other sites

Mas se ele der uma outra explicação na continuação' date=' ainda será um furo para outros. De nenhuma forma ele soluciona o problema.[/quote']

"Quem sai na chuva é pra se molhar". O Singer inventou esse guri, que teria sido gerado no Superman II, então eu calculo que ele tenha uma explicação pra isso. Se é um explicação boa ou não, isso já são outros quinhentos...

Link to post
Share on other sites

O filme não é nenhuma maravilha' date=' mas também não é tão ruim quanto querem que seja. Pra mim merecia 3 estrelas de 5 *** . O Brandon vai melhorar daqui da frente e espero que o filme tenha continuações, se possíveis melhores. Os efeitos são show...[/quote']

Com o fracasso de bilheteria essa continuação levará anos para sair...

Exatamente, e o que tudo indica, serão 3 longos anos.

Link to post
Share on other sites

O filme não é nenhuma maravilha' date=' mas também não é tão ruim quanto querem que seja. Pra mim merecia 3 estrelas de 5 *** . O Brandon vai melhorar daqui da frente e espero que o filme tenha continuações, se possíveis melhores. Os efeitos são show...[/quote']

Com o fracasso de bilheteria essa continuação levará anos para sair...

Exatamente, e o que tudo indica, serão 3 longos anos.

 

O Singer confirmou que, se houver a continuação como está planejado, será apenas pra 2009

Link to post
Share on other sites

Pessoal,

Sou novo aqui no fórum e vou fazer 2 comentários sobre o filme:

1º - Será seguindo a mesma linha que fez o Pablo, que é o da comparação, vendo Superman 1 e 2, e este sendo uma continuação, é inevitável não fazer críticas, até pq dúvido que o primeiro e original filme do Superman seja superado, se tonou um clássico, uma lenda. Portanto vendo desse ponto de vista, é obvio que os atores deixam a desejar, o roteiro é mediano e confuso, existindo muitas falhas, porém tudo por conta da falta de cuidado de toda produção, parece que o diretor dormiu no ponto ou ficou muito confuso sobre o filme, afinal de contas é muita responsabilidade refazer este ícone.

Singer não foi nada humilde, fez o filme pra ele, inclusive participou bastante como ator.

Senti que faltou muita explicação no filme, ele sumiu, pq? Ficou muito vazio? Se ele realmente gostava da Lois não deixaria ela 05 anos sem deixar motivos ou notícias, o que ela escreveu sobre o Superman para ganhar o prémio? E o filho ela sabia de quem era, só imaginava ou sempre teve dúvida? Como fez a nave para viajar pelo espaço? Pq a roupa preta, pq trocou o vermelho pelo vinho do uniforme? E assim vai, muita coisa que deixou de ser explicada e ficou sem lógica.

A começar pela roupa, tudo bem que a antiga era ultrapassada, mas as cores eram vivas, esse finho realmente não me agradou, tirar o símbolo da capa tb foi péssimo, bota com o símbolo no calcanhar não tinha motivo, ficou moderna, mas achei que exageraram na mudança.

Em seguida não gostei da forma que Singer deu enfase ao Clark, um cara quase que esquecido no filme, sem muita participação. Todo héroi tem o lado forte representando o lado humano, que chamamos de disfarce, foi assim em Batman, Homem Aranha e Xmen, em Superman o Clark fica para escanteio, Lois nem parece ser sua amiga como nos filmes anteriores, principalmente no Superman 2 onde ela nota que seu amigo jornalista se parece muito com o Superman.

Não vi tanto drama assim, todo herói quando abatido, tem um sofrimento, foi assim em Homem Aranha 1 e 2.

Essa coisa de Cristo e braços abertos não faz muito sentido, é claro que em Superman existe referência, mas algo muito sutil. Até em outros filmes de ação quando alguém toma um tiro ou cai, abre os braços, para ficar uma cena mais forte e chocante.

Os atores são jovens sim, mas isso é para preservar uma nova franquia, afinal de contas podem sair mais 2 filmes e devem demorar. Concordo que Brandon ficou fraco interpletando o jovem Clark, porém se saiu bem como Superman.

Os efeitos dispensam comentários, pois foram perfeitos.

2º Será seguindo a linha que o diretor tinha uma bomba relógio na mão, mesmo que o Singer tivesse coragem de fazer algo novo, o fantasmo do original seguiria o seu trabalho, então iriam falar que os atores foram mais fracos que os anteriores, que a história era muito fora do contexto e blá blá blá... Então é logico que por não poder contar com os mesmos atores e produção, Singer quis explorar o novo, sem fugir muito do velho, dai veio essa coias de continuação.

Se este fosse o primeiro filme do Superman, com certeza todos gostariam de 230 minutos de filme, pois sempre faltaria alguma coisa, os atores não seria considerados novos, Lex seria uma brilhante atuação, o roteiro seria o melhor e todos iriam ficar satisfeitos como aconteceu em Xman, mas como tivemos um clássico feito pela primeira vez e com muito cuidado, é inevitável a comparação, mesmo que não fosse uma continuação.

Eu destacaria outros pontos fracos nesse filme, uma seria a falta de cuidado no roteiro, outro que o roteiro parece uma colcha de retalho e por fim erros que crianças não observam, mas que pra nós adultos nos cansam.

Por fim só me resta um única coisa, que Singer faça o segundo filme, tapando o buraco deixado neste RETORNO, que o quebra cabeça seja montado de forma que tudo seja explicado para não ficar dúvidas. Que os atores melhorem suas atuações e que a ação e mudanças tão esperadas por este filme aconteça no segundo. Afinal de contas revendo o primeiro e segundo filme do Super, vamos perceber que o Homen de aço é apaixoando pela Lois, que só vive para salvá-la e que ação mesmo só tem no segundo filme, então que Singer ouça mais as críticas a acerte a mão no segundo.

Quanto ao lance do filho que seria algo novo e forte para render bem, acabou ficando no vazio, aguarando um próximo filme. Ver o Superman no hospital com roupa de doente foi lamentável, desta forma realmente mataram o Clark no filme, pois será que a Lois no quarto não viu semelhança com o seu colega de trabalho? 

 

Link to post
Share on other sites
  • 5 months later...

esse texto foi para um forista novo, mas trancaram o tópico lá e vou colar aqui

um abraço e feliz ano novo

 

 

segue:

 

seja bem vindo, trekmoqui

 

como fã do personagem, eu esperei muito por "Superman - o retorno". Acompanhei o processo de produção desde a primeira notícia que saiu na internet. O filme não foi o q eu esperava, mas eu sei que a expectativa de fã é sempre fora do comum em relação ao público em geral.

 

Em resumo, eu gostei do filme, mas esperava muito mais. Porém, em relação aos fatores q vc postou, eu discordo de alguns. Vamos lá:

 

1-O filme de 1978 (o primeiro com o Reeve) não foi de época. Foi, sim, contemporâneo. Ou seja, as roupas, os carros e a postura foi um espelho do final da década de 70. Se fosse para uma adaptação de quadrinhos sempre se passar na época "original", teríamos filmes como "Superman" (o de 1978) e até "Batman begins" ambientados na década de 30, quando surgiram esses dois personagens.

 

Dessa forma, o Superman foi criado em 1938. Depois trouxeram o personagem para 1978, com o primeiro filme com o Reeve. Depois trouxeram para 2001 com a série "Smallville". Em seguida, para 2006 com "Superman  o retorno". Isso é natural e vai ocorrer com praticamente todas as adaptações de quadrinhos. Quanto a roupa da mulher (Kitty Koslowski) salva dentro do carro pelo herói, ela usava aquela roupa pq gostava, não pq era de época. Mesmo se fosse, entendi como se Metrópolis, por ser uma cidade fictícia, ou seja, parte de um mundo "paralelo", a cultura também é paralela. Temos então a tecnologia de 2006, com uma cultura um pouco mais saudosista.

 

2-A ilha (Nova Krypton) levantada pelo Superman: Vi aquela cena de maneira diferente. Era uma simbologia para o sacrifício (até para comparar com Jesus e tal, como já discutiram por aqui no fórum). Superman entrou em velocidade acima da média, até pra ele, no fundo do mar e chegou fundo até um ponto em que não havia mais kryptonita. Vemos então ele levantando uma placa de rocha e terra como uma bandeja para a ilha, que, por sua vez, ainda está crescendo.

 

Durante a subida, aí sim ele começa a ter contato com os efeitos da pedra. Em vários momentos até mostra os cristais surgindo e ultrapassando a tal "bandeja de rochas". A partir disso mostra até ele sentindo, como os takes fechados no suor e no sangue nas mãos. Ele não morre, mas, como em todas as histórias em que o super é atingido pela pedra, ele começa a morrer, até neste caso cair e ficar em coma. E toda a ação foi iniciada após uma bela recarregada de energia solar, naquela ótima cena dele subindo pelo céu.

 

3-O Luthor: também não gosto do Luthor caricato, mas entendo os motivos desse povo. Procuro encarar "Superman - o retorno" como uma ponte, ou seja, um filme de passagem entre os clássicos com o Reeve e essa nova provável trilogia. A ausência de mais ação seria parte desse processo, assim como o caminho entre o Lex do Gene Hackman e o Lex que veremos em 2009, no filme "The Man of Steel".
Link to post
Share on other sites

Cada abobrinha.. 06

 

O filme é ótimo.. fraco é aquela desgraça do Batman Begins (o Burton que era bom).. referências a cristo sempre houveram.. povo hoje em dia parece q vai ao cinema como se estivesse enfrentando uma prova de vestibular.. sentimento que é bom.. nada.

 

Vira melodrama.. daí quando o filme é sobre uma puta manca que morre afogada na própria birita.. aí sim é verdadeiro.. affff...
Link to post
Share on other sites

 

1-O filme de 1978 (o primeiro com o Reeve) não foi de época. Foi' date=' sim, contemporâneo. Ou seja, as roupas, os carros e a postura foi um espelho do final da década de 70. Se fosse para uma adaptação de quadrinhos sempre se passar na época "original", teríamos filmes como "Superman" (o de 1978) e até "Batman begins" ambientados na década de 30, quando surgiram esses dois personagens.

 

Dessa forma, o Superman foi criado em 1938. Depois trouxeram o personagem para 1978, com o primeiro filme com o Reeve. Depois trouxeram para 2001 com a série "Smallville". Em seguida, para 2006 com "Superman  o retorno". Isso é natural e vai ocorrer com praticamente todas as adaptações de quadrinhos. Quanto a roupa da mulher (Kitty Koslowski) salva dentro do carro pelo herói, ela usava aquela roupa pq gostava, não pq era de época. Mesmo se fosse, entendi como se Metrópolis, por ser uma cidade fictícia, ou seja, parte de um mundo "paralelo", a cultura também é paralela. Temos então a tecnologia de 2006, com uma cultura um pouco mais saudosista.

 
[/quote']

 

Acho que não custava nada o Singer fazer uma produção de época (no caso, anos 80), já que a intenção dele era fazer uma seqüência do Super 1 e 2...

 

Essa de "mundo paralelo", não cola, pra mim.12
Jailcante2007-01-05 13:42:49
Link to post
Share on other sites

 Nacka, entendo seu ponto de vista e acho que a expectativa ajudou a fazer o filme naufragar. Só o vi duas semanas atrás em DVD. Nem quis vê-lo no cinema (não gostei da escolha nem do super nem da Lois, me avisaram que a história era péssima, o Mr. Scofa me advertiu sobre algumas coisas já prevendo que eu não ia gostar etc...). Ou seja: já fui com os dois pés atrás. Como não esperava grande coisa, achei até legal. Mas só. Repito: acho uma tremendo exagero colocá-lo no meio de coisas como "Maldição", "Efeito Borboleta 2" e Visões 2"... É um filme bacaninha, mas não é tão ruim assim. 

Link to post
Share on other sites

O filme foi uma diversão leve, um bom entretenimento pras tardes.

O Kevin Spacey pra mim roubou a cena e toda vez que passava uma cena com ele eu já prestava mais atenção.

A atriz Kate Bosworth (Lois Lane) tb tava boa no papel. Já o Brandon Routh só parecia muito com o Reeve, mais nada.

O Bryan Singer pegou leve na trama o que me decepcionou um pouco , ta na hora de fazer uma mudança na maneira de contar uma história do Superman. Ficou parecido com o primeiro X Men, bom mas podia ser melhor.

Duas cenas heróicas que me agradaram foi o salvamento do avião e o do barco, de resto só o Lex Luthor.rrsrsrrs

Esperemos melhoras pro segundo filme.

[email protected] - The young critic
Link to post
Share on other sites
  • 2 weeks later...

Concordo com você. X-Men III foi um filme com, em minha opinião, o pior roteiro dos três. Foi um típico "aproveitando o sucesso..." dos filmes anteriores. Mas não podemos culpar  pelo resultado: como já disse antes, ele pegou o filho de outro para criar (veja-se Spielberg em "AI").

Porém, gostei muito de Superman Returns e, com exceção feita à idade dos atores ser incompatível com o momento da história, foi um filme que fez jus aos dois primeiros - e mesmo os dois seguintes tendo sido inferiores, principalmente a porcaria do Superman 3, ele parece ser, na verdade, uma seqüência do 4º filme, o que seria mais correto que continuar o 2º. Gostei, inclusive da "surpresa" (óbvia, diga-se de passagem) do final. Resta agora saber como se portarão os roteiristas numa provável continuação.

 

 

Link to post
Share on other sites
  • 9 months later...

Não existe e nunca vai existir um Superman II Versão do Donner. O próprio Donner já disse que não tem participação nesse DVD que vão lançar. E um outro cara que está refazendo o filme, tendo por base a concepção que o Donner tinha do filme. Só isso.

Agora sobre o filme do Singer, vou repetir o que disse no tópico das Bilheterias.

Prefiro ir amanhã pro cine fingindo que o SR é um filme original' date=' já que parece que o Singer nem considera toda a história do Superman II. Só parte dela.

E nesse jogo idiota que o Singer colocou todo mundo de: "isso que apereceu no filme vale e aquilo outro não vale", então prefiro ir com a cabeça limpa, e nem rever os filmes anteriores...

[/quote']

Espero um filme bom ou ótimo. Se o Singer me entregar isso, já me dou por satisfeito, e o resto é resto.

 

discordo... Donner filmou quase todo o Superman II original, as cenas deste Superman II de Donner, maioria foram de autoria de Donner e sua equipe. além disto, pq colocariam na capa o nome "Superman II: The Michael Tau Cut" (Michael Tau é o kra q remontou este filme.)?

 

Link to post
Share on other sites
  • 2 weeks later...

 

Você discorda de algo? =D

O que eu mais quero é ter uma discussão legal; são nelas que a gente cresce mais.

 

Discussão = Sem brigas' date=' ofensas; só a pura argumentação. *__*

[/quote']

 

vc praticamente se esforçou ao máximo, p/ encontrar o mínimo possível de acertos, mas tudo bem. afinal, cada um pensa de um modo, e isto deve ser respeitado. só q, vc parece ter exagerado mto, e ñ achei aql Lex ruim, mas o plano de afundar as terras neste filme foi tosqueira msm...

 

Link to post
Share on other sites

Postada por Jailcante

 

3 - A idade realmente não influencía, mas o que entendi da crítica do Pablo foi a questão da continuidade, ou seja, se HJ ela tem X anos, 5 anos atrás tinha X-5...e acredito que seria menor de idade. A postura da Lois nos outros filmes era de uma adulta, apenas ficava "derretida" com o Super. Sei que em filmes de super heróis, a idade fica em segundo plano, mas neste ponto que comentei, acredito que poderiam demonstrar mais idade sem problema.

 

a idade da personagem está correta, o problema msm eh a atriz, podiam ter usado maquiagem, ou efeitos de computação, mas preferiram usar e abusar da naturalidade. e o q custava tingirem o kblo de preto, já q, aqla peruca de mechas ñ foi grande coisa? no mais, achei mto legal a atuação da Kate, mas s/ heresia, a Erica Durance (de Smallville) ainda eh melhor, e tem mais corpo maduro e sensual, msm tbm sendo loira (e s/ perucas ou tinturas.).Algeron2007-11-22 01:52:41
Link to post
Share on other sites
Não existe e nunca vai existir um Superman II Versão do Donner. O próprio Donner já disse que não tem participação nesse DVD que vão lançar. E um outro cara que está refazendo o filme' date=' tendo por base a concepção que o Donner tinha do filme. Só isso.
[/quote']

 

É mesmo?

 

1214667h.jpg

 

Uau... 'The Donner's Cut'... Acho que isso quer dizer algo, não?

 

Mas não é só:

 

1214667bh.jpg

 

Introdução por Richard Donner? Comentário de Richard Donner? Para quem, segundo você, disse que 'não tem qualquer participação' no filme até que ele se envolveu um bocado, hein?

 

06
Dr. Calvin2007-11-22 10:23:35
Link to post
Share on other sites

Isso quem disse fui eu, Calvin. [Esses quotes...]060606

 

Mas disse isso, por causa dessa nota do Omelete que saiu há algum tempo.

 

Richard Donner comenta nova versão de Superman II; caixa terá 14 DVDs!

10/02/2006

clark_super.jpgHá uma semana noticiamos que os quatro filmes do Super-Homem lançados entre 1978 e 1987' date=' mais o longa de 1984 da Supergirl, serão reunidos em uma nova caixa. Rumores davam conta de que um dos extras surpresas seria a versão do cineasta Richard Donner para Superman II. O site AICN esteve com o próprio Donner nos últimos dias e esclarece o boato.

Originalmente, os dois primeiros filmes do Super-Homem seriam filmados juntos, então divididos para o lançamento no cinema. No meio do caminho, orçamentos estourados, Donner brigou com o estúdio e com o produtor Ilya Salkind. Finalizou Superman - O filme, mas foi substituído por Richard Lester em Superman II. Tudo aquilo que já havia rodado - mais ou menos 75% de filme, inclusive todo o trabalho com o Jor-El Marlon Brando, que no fim não apareceu no segundo filme - acabou inutilizado. Ao menos até agora.

Foi no escritório da Warner Home Video, em Burbank, que o diretor deu a sua versão da história, enquanto se ocupava na sala de edição da montagem de seu novo trabalho, 16 Blocks. Donner disse que a idéia de resgatar os rolos perdidos partiu do restaurador Michael Thau (da edição especial de Superman: o filme, lançada em 2001). Isso foi idéia de Michael, porque ele estava lendo muito na internet sobre o interesse das pessoas a respeito de uma possível versão minha do filme. Ele foi à Warner com meu consentimento. Antes, eles não queriam fazer. Depois realizaram as pesquisas, resgataram os rolos e começaram a restaurar cada fotograma..., explicou.

E concluiu: Ainda assim, há muita coisa que se perdeu. Michael me pede para aparecer de vez em quando e ajudar [a remontar o filme']. Eu ajudo, mas o filme é dele. Eu, na verdade, não quero ver a coisa antes, quero ver no cinema. Isso tudo aconteceu há muitos anos para que eu me envolva novamente. Se eu fosse mesmo refazer o filme, seria totalmente diferente. Eu era ingênuo demais na época, e tecnicamente não havia muito para ajudar. Enfim, não é minha versão do diretor. Definitivamente, não é meu filme mais.

Ainda assim, o AICN explica que, de acordo com uma coletiva no próprio escritório da Warner, o estúdio usará o selo Versão de Richard Donner como forma de propagar o bônus. Na mesma oportunidade, outras novidades foram anunciadas. Ao todo, serão 14 DVDs! E uma caixa no formato HD-DVD, em alta definição, sai junto com o box padrão. Só não há consenso quanto à data. Até semana passada o lançamento ocorreria junto com Superman - O retorno nos cinemas, em 30 de junho. Pela versão do AICN, porém, pode ficar mais para o fim do ano.

 

Aí, o próprio Donner afirma que o filme não é dele e sim do Michael Thau que é o responsável pela restauração (e estava se baseando nos conceitos dele).

 

Mas enfim, essa nota saiu há muito tempo, então se estão vendendo como dele, que seja. No problem. Independente disso, gostaria de ver essa versão.0505
Jailcante2007-11-22 14:08:28
Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...

Announcements


×
×
  • Create New...