Jump to content
Forum Cinema em Cena

Motoqueiro Fantasma


RegisPN
 Share

Recommended Posts

Me desculpem os detratores do Motoqueiro Fantasma: o filme' date=' mas ele é muito massa e recomendo que assistam com o cérebro desligado

ghstridr1471.jpg
desculpem o spoiler, mas não resisti em colocar uma foto da melhor cena do filme (a primeira transformação do Johnny Blaze no Motoqueiro  Fantasma) 16


[/quote']

 

 

Exatamente com o cerebro desligado..... ridiculo esse filme, uma grande decepção......

 

 

 

alguem daqui ja assistiu isso ai??? prefiro opinioes de gente esclarecida' date=' culta, cinefila e sensata... aqui tem aos montes, ne? 06 [/quote']

 

Não sei se eu me encaixo nos critérios estabelecidos, mas eu já vi 06

 

E achei muito, muito fraco mesmo.

 

 

Concordo07 como já disse foi uma grande decepção, grnade msm03

 

 
Link to comment
Share on other sites

Me desculpem os detratores do Motoqueiro Fantasma: o filme' date=' mas ele é muito massa e recomendo que assistam com o cérebro desligado

ghstridr1471.jpg
desculpem o spoiler, mas não resisti em colocar uma foto da melhor cena do filme (a primeira transformação do Johnny Blaze no Motoqueiro  Fantasma) 16


[/quote']

 

 

Exatamente com o cerebro desligado..... ridiculo esse filme, uma grande decepção......

 

 

 

alguem daqui ja assistiu isso ai??? prefiro opinioes de gente esclarecida' date=' culta, cinefila e sensata... aqui tem aos montes, ne? 06 [/quote']

 

Não sei se eu me encaixo nos critérios estabelecidos, mas eu já vi 06

 

E achei muito, muito fraco mesmo.

 

 

Concordo07 como já disse foi uma grande decepção, muito grande msm03

 

 
Link to comment
Share on other sites

Hellywood

 

 

Um queijo para o filme que conseguir superar Motoqueiro Fantasma em cafonice até o fim do ano. Extrapolando a bregueira do macho' date=' temos aqui um fator ridículo muito ativo, constante a ponto de nos perguntarmos se isso não foi feito para zoar com a cara do público faminto por qualquer adaptação de quadrinho. Pouco depois de grandes sucessos (X-Men, Homem-Aranha), o Cinema naturalmente viu a necessidade instantânea de oferecer super-heróis no atacado, a Marvel conquistou independência em seus projetos futuros, e muita coisa agora surge rápida, ruim e ridícula.

Motoqueiro Fantasma parece mesmo feito para esculachar. Reúne, em quase duas horas de muito fogo e pirotecnia hellywoodinesca, enorme coleção de frases de pára-choque de caminhão e inacreditáveis clichês cadavéricos. “Ele pode ter tomado minha alma, mas não meu espírito”, diz Nicolas Cage, provavelmente batendo no nosso ombro e pedindo para contar uma piada ao interpretar Johnny Blaze (incrível como o nome fica constrangedor ao ganhar som), motoqueiro de saltos suicidas que vendeu a alma ao capeta (Peter Fonda! Não...) para salvar o pai do câncer. À noite transforma-se no Motoqueiro Fantasma, justiceiro do diabo, e a mando deste deve exterminar o Coração Negro (Wes Bentley, pálido, péssimo, enfim...).

 Só eu me sinto idiota falando/lendo essas coisas, ou é consenso que lembra muito a premissa de um RPG bem bostificado? Tal sensação repete-se quando o tal Coração Negro convoca três capangas cujos poderes são compostos pelos elementos ar, água e terra... Todos são, na verdade, munidos de efeitos especiais meio pedestres, ali presentes só para aumentar a metragem, assim como aquela trupe vista em Elektra ou os monstrinhos de colant azul enfrentados sem dificuldade pelos Changeman em cada episódio.

Abertura do filme, espécie de estrada com labaredas estilizadas nas laterais, me fez pensar em comercial da Hot Wheels. Diretor é Mark Steven Johnson, de Demolidor, outra HQ Marvel adaptada, o tipo de profissional capaz de ainda enxergar interesse num diabo explodindo lâmpadas enquanto passa por elas. Mais à frente, de tão ocupado que deve ser, disputa com Coração Negro a iluminação de postes.

Existe em Motoqueiro Fantasma tentativa inominavelmente frustrada de mesclar um certo estilo metaleiro ao western. Cena grátis da vez é Motoqueiro Fantasma correndo ao lado de um Cavaleiro Fantasma no meio do deserto americano. Caveira, fogo, metal e jaqueta de couro (com espinhos!) formam combinação adolescente tratada pelo filme como o sonho de algum rapazinho metido a metaleiro. Motoqueiro Fantasma sai de uma “GARAGE” e queima as duas primeiras letras, sobrando “RAGE” (fúria, ódio...). É brega desse jeito.

Cage olha para o vidro de seu trailer, o céu relampeia e notamos rapidamente uma caveira aparecer sobre seu rosto. Brega desse jeito. O diabo, não bastando claramente ser o diabo, vestido de preto, com cajado e com aqueles papos, tem na sombra a silhueta de uma criatura abissal, e seus olhos pegam fogo quando se vira para a câmera. Brega desse jeito. Eva Mendes como Roxanne (música do The Police, por favor), paixão de Blaze, surge toda de branco, num corredor branco, com trilha sonora branca. Brega desse jeito. Motoqueiro enlaça um helicóptero com sua corrente e grita todo cowboy “yyyhaaaaaa”, e a tradução mete “Segura, peão!”. Brega desse jeito. Coração Negro fica todo power numa evolução final, enegrecido, de olhos vermelhos e com a voz daquelas testemunhas que não querem ser reconhecidas. Brega desse jeito. Pouco antes dos créditos finais, Nic Cage pilota sua motona em direção à câmera, conhecida trilha western eletronizada ao fundo, e PÁ, levanta sua sobrancelha esquerda... ... ... ... ... ... ... ...

Por fim, Blaze faz juramento de estar presente quando cada inocente precisar, ou coisa assim. Johnson parece ter tentado remeter ao desfecho de Vinhas da Ira, de John Ford, e a última fala de Henry Fonda (pai de Peter), que, de fato, tem em seu discurso algo de super-heróico. Que coisa mais engraçada Motoqueiro Fantasma é.

Lidera a bilheteria nos EUA. O mesmo deve acontecer por aqui.

 

-------------------------------------------------------------------

 

 O Fabrício da Poppycorn defenestrou, cagou, chutou o pau da barraca legal! Crítica hilária sobre esse filminho de Cage, suas perucas, caras e bocas e frases de efeito (09) ... 06 06

   
[/quote']

 

O pior que a crítica não foi hilária é brega desse jeito mesmo.06

 

Ele não inventou e nem aumentou nada. 120406

 

Para piorar “O Coração Negro”, se nomeia em determinado momento de Legião e diz o motivo.  “Porque somos muitos”. Hahahahaha! 06

 

Esta foi à parte mais hilária, e acredito que eles não queriam isto. Além de ser redundante se definir o motivo do nome, é um exemplo chupado de animes japoneses em que seus vilões se nomeiam antes de lutar. 06
Link to comment
Share on other sites

alguem daqui ja assistiu isso ai??? prefiro opinioes de gente esclarecida' date=' culta, cinefila e sensata... aqui tem aos montes, ne? 06 [/quote']

 

Acho isto improvável já que uma pessoa esclarecida não vai dar bandeira para uma produção ‘chifrin’ desta. Logo, ninguém que viu inclusive eu, vai ser uma pessoa de fato esclarecida. Heheheheh! 0512

 

P.S: Pelo menos já fui vacinado para as continuações de filmes bombas como este e o Quarteto Fantástico. 06

Link to comment
Share on other sites

Acho um exagero dizer q o filme foi uma total porcaria.

 

Usando aquelas velhas expressões clichê:

 

Como um 'filme pipoca'... um 'filme sessão da tarde', Motoqueiro Fantasma dá pro gasto. Só não vale o preço do ingresso, mas é garantia de diversão, sim. E com certeza, o pior defeito do filme são os vilões bizonhos e frágeis.
Link to comment
Share on other sites

O roteiro é furado, o ator um canastrão que deve começar a rever seus conceitos, pois há anos Nicolas Cage só da bola fora e seu penúltimo fracasso demonstra isto. Foi indigesto em “As Torres Gêmeas” de Oliver Stone.

<?:namespace prefix = o ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:office" />

 

E o resto do elenco do filme do Motoqueiro é tão patético quanto o ator principal. Os clichês são inapropriados todos inseridos de maneira errada e na hora errada. O diretor é uma “porra louca”, que já fez catástrofes como “Demolidor” e “Electra”. Os fatores técnicos também não ficam por fora, pois os efeitos especiais são de segunda mão, o som e edição do som idem. A fotografia é uma porcaria, pouco ajuda na boa visualização das personagens no breu. E a trilha sonora nem dá gosto. Acho que juntando isto a nota é bem inferior a algo bom. A não ser que você ache o diretor, elenco, trilha sonora, som, efeitos visuais e sonoros, roteiro, fotografia bons ou na maioria bons. Pois para mim todos os itens apontados, que ajudam num filme falharam de forma vergonhosa.

Link to comment
Share on other sites

Sinceramente, muito pouco (ou praticamente nada) se salva nesse filme... Nicolas Cage ligou o automático de um jeito muito perigoso (pelo amor de Deus! "Sacrifício" e depois "Motoqueiro Fantasma"!)... O roteiro é tosco do início ao fim, o herói não convence em momento algum, os vilões então menos ainda (fica patente desde o início que todos os vilões morrerão de maneira simples e rápida, não trazendo dificuldade praticamente alguma para o herói)... Jonhy Blaze é mal escrito até onde deu e parou... A personagem de Eva Mendes está ali apenas porque Eva Mendes é bonita pra caralho e mais nada (e realmente, como ela é gostosa!)... Os efeitos especiais, que tinham tudo para dominar o filme, são fracos e sinceramente, meu PS2 faz melhor...

 

The Spartan

 

 

Link to comment
Share on other sites

Vcs realmente sabem como deixar alguém empolgado para assistir um filme 06

 

A melhor maneira de assistir um filme é não passar aqui antes de ver. Desta forma' date=' vai evita supostas surpresas agradáveis e desagradáveis. Além de ajudar a formatar a sua própria opinião sem qualquer interferência à parte. 03

[/quote']

 

Bom ... se fosse por isso eu nem via o filme, pois não sou muito fã do Cage ... mas eu não tenho grandes expectativas sobre o filme ... e espero me divertir ... vamos ver ... se irei ser do contra ao pessoal daqui ou farei parte dos detratores do filme ... 06
Link to comment
Share on other sites

MOTOQUEIRO FANTASMA - 3/10 - A sensação que se tem é a de que “Motoqueiro Fantasma” é um filme datado, uma produção ultrapassada, pois nem parece que produções como “Homem-Aranha” e “X-Men” aportaram no cinema e de uma certa forma pré-definiram a maneira como os tidos filmes de super-heróis deveriam ser tratados nos dias de hoje a começar pelo desleixo com que trata o seu prólogo que seria importante para nos identificarmos com os personagens, para nos sensibilizarmos com a relação pai e filho e entre o jovem casal ( os atores jovens são bem simpáticos ), porém tudo é tratado de maneira corriqueira. Outro ponto falho é que “Motoqueiro Fantasma” não tem o menor senso de ação e aventura e as escolhas do diretor Mark Steven Johnson são muito preguiçosas: o que dizer da cena onde Blaze se transforma pela 1ª vez e ele introduz cortes onde a tela é preenchida com fogo ? Só consegue mostrar o quão inseguro estava com relação a utilização dos efeitos especiais que conseguem cumprir o seu papel para o motoqueiro e mostram-se frágil nas demais seqüências ( quando alguma pessoa morre, por exemplo ). E o que é aquela seqüência onde ele pilota a sua moto ao lado de um cavalo ? Puro exercício de estilo para não dizer frescura. Aqui ele repete os mesmos erros que cometera em “Demolidor – O Homem Sem Medo”, seqüências sem o menor pique. Fora que a movimentação do motoqueiro é limitadíssima. E o roteiro ? Que traminha mais sem vergonha ... o filho do capeta irá dominar o mundo se possuir uma carta que libertará a alma de 1.000 condenados. Mas peraí ... até no inferno existe burocracia ? Será que ele deveria assinar um protocolo em duas vias e o filme deixou de mostrar ... e por que 1.000, se a população mundial é enorme ? Racionalismos à parte, o duro é ter que suportar um desfecho onde o vilão sem graça da trama ( vivido de maneira vergonhosa por Wes Bentley ) quando assume o poder supremo consegue se deixar vencer por um efeito que antes não o atingia.  E ele tem uma fala ridícula no final que é muito óbvia, mas parece que o roteiro insistiu com ela por causa da rima ... Isso sem contar nos seus capangas que só existem para deixar o filme mais longo. O maior atributo do filme são as curvas de Eva Mendes, uma atriz fraca exposta ainda mais em sua fragilidade como atriz pelo fraco roteiro, mas ainda assim um mulherão ... bom, Nicolas Cage parece ser o único a gostar do projeto e eu não digo que a sua escolha foi errada, mas o filme nunca poderia se apoiar unicamente na sua “carona” e o roteiro o expõe a algumas situações ridículas tanto quando tenta inserir um humor que funciona ( ele fazendo caras e bocas no espelho ) ou parece preocupado demais com a postura ( nunca vi um sujeito normal apontar o dedo daquele jeito, com a mãozinha torcida ... rs ). O filme é fraco mesmo !<?:namespace prefix = o ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:office" />

Link to comment
Share on other sites

Achei a história boazinha, mas o roteiro tem defeitos graves!!!!!!!! Vilões demasiadamente fracos, cenas quase saídas de um jogo de videogame, nicolas cage...

 

Mas motoqueiro fantasma sofre de um mal maior!!!!!!! Um personagem sem CARISMA!!!!!!!!!! Os produtores deste filmes achavam mesmo que motoqueiro faria o mesmo sucesso que homem-aranha.

 

Superman returns só teve um público mediano pq era o superman nas telas!!!! E olhe lá...

 

Vi motoqueiro fantasma pensando que estava vendo velozes e furiosos:ed. motos

 

Ruinzinho o filme. Não recomendo!!!!!!!!!!
Link to comment
Share on other sites

Filme péssimo, dá pra rir de todos os clichês que estão presentes, o cenário daquele pantano do final do filme é tão bom quanto o dos filmes do Ed Wood. Meu deos. Não dá nem pra definir o filme direito, mas fica mais pra trash-comédia. Eva Mendes é aquelas mulheres gostosas que só tem parte do cérebro, nunca vi uma mulher tão inutil em cena, pode ser linda, mas quando abre a boca dá vontade de dar um soco.

 

Nicolas Cage já não é sinonimo de filmes legais, depois do Sarificio vem essa bomba do Cabeça de Fósforo.

 

Bom, mas pra quem gosta de Velozes e Furiosos, pode ir ver, é essa impressão que me passa.

 

 

Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...
 Share

×
×
  • Create New...