Jump to content
Forum Cinema em Cena

Anticristo (Antichrist)


texer
 Share

Recommended Posts

Pode até ser melhor, mas não causará o mesmo impacto, acho. "Dogville" é o típico filme limitado ao circuito de cinéfilos que conseguiu sair um pouco desse anonimato, acho que pela coisa do "teatro filmado", é muito discutido. Mas também acho que o Lars, como outros, ficam presos aos cineclubes e cinemas de arte.

Link to comment
Share on other sites

  • 3 weeks later...
  • Replies 247
  • Created
  • Last Reply

Top Posters In This Topic

O que não é novidade em se tratando do Von Von. Ninguém lembra de Os idiotas? Tudo bem que o negócio não era cavalar, mas rolou registro de penetração mesmo, naquela orgia. Mas ok, parece ser realmente mais forte nesse Antichrist.

 

Coincidentemente, ou não, revi Dogville há dois dias. E continua uma senhora obra-prima. Bem ansioso para que essas semanas passem logo.

 

 

Link to comment
Share on other sites

Até hoje não tive coragem de rever Dogville. Mesmo considerando um grande filme...

 

O que acontece com Antichrist é que não importa o quão explícitas as cenas de sexo sejam, elas parecem não ser nada em comparação com as passagens que foram descritas na época de Cannes (as de auto-mutilação).
Jonny Greenwood2009-08-20 12:38:17
Link to comment
Share on other sites

Não foi só a Isabela Boscov que adorou o filme. A maioria das críticas dos jornalistas brasileiros que li sobre o filme também mostraram que o filme é ótimo. A pergunta é: porque os jornalistas europeus vaiaram o filme em Cannes e, inclusive, até riram das cenas? É, os críticos americanos e europeus e os críticos brasileiros são muito diferentes. formula60442009-08-27 15:25:01

Link to comment
Share on other sites

Bom, os críticos sabem que suas reações durante as sessões de Cannes vão repercutir no mundo todo, por isso eles fazem esse teatrinho.

 

Sobre Anticristo, sim todas críticas que eu li foram positivas. O que acontece é que são poucos os críticos relevantes aqui no Brasil. Outro relevante  que gostou foi o KMF, que viu em Cannes.
Link to comment
Share on other sites

 

Não foi só a Isabela Boscov que adorou o filme. A maioria das críticas dos jornalistas brasileiros que li sobre o filme também mostraram que o filme é ótimo. A pergunta é: porque os jornalistas europeus vaiaram o filme em Cannes e' date=' inclusive, até riram das cenas? É, os críticos americanos e europeus e os críticos brasileiros são muito diferentes. [/quote']

 

E pq o povo de lá já está de saco cheio. Lars parece ser sempre a mesma coisa, cenas confusas e fora de enquadramento, diálogos bem bestas e agora sexo explicito, pow, quer fzr porno vai pro vale de San Fernando.

 

Link to comment
Share on other sites

Falando em Boscov, sua página no site da Veja foi reformulada.

 

 

Agora, além da crítica, colocaram uma péssima e irritante não sei o que (não consegui ver o vídeo até o final), uma tal de Raquel Hoshino, que comenta as estréias da semana. Depois do segundo "pra lá" dela, desisti.
Link to comment
Share on other sites

POSSÍVEIS SPOILERS

 

ANTICRISTO - 8/10 - Assisti e posso dizer que é impossivel ficar indiferente ao filme. E é claro que se tratando de Lars Von Trier esse é um comentário até que óbvio. A sensação que se tem ao final da sessão de "Anticristo" é a de que alguma mulher deve ter decepcionado o diretor Lars Von Trier profundamente e que ele catalizou toda a sua frustração e raiva na realização desse filme. Confesso que gostei mais do filme como drama do que propriamente como um suspense/terror. O filme é dividido em blocos, mas considerando os atos, diria que o 1º ato é excelente (a sequência de abertura é sensacional, toda filmada em câmera lenta ao som de música clássica e emocionalmente sufocante). O meio do filme é um tanto quanto arrastado, senti que as idéias do Lars se perderam um pouco entre o lirismo, o simbolismo e o racionalismo em si (podemos dizer que se trata do periodo de "tratamento" que se passa na floresta). O terceiro dá uma certa guinada de tom e aí sim se transforma de vez em um terror mesmo e é onde reside as passagens mais chocantes e tal. O saldo é positivo, mas que me perdoe o Lars, o que segura o filme é o Willem Dafoe e, sem dúvida alguma, a Charlotte Gainsbourg. Eu já a considerava uma boa atriz ("Sonhando Acordado", "A Noiva Perfeita", "Não Estou Lá"), mas aqui ela dá um show para Grace nenhuma botar defeito, além do que ela tem em mãos uma personagem feminina complicadíssima e ela a leva aonde o diretor quer com extrema competência.
Thiago Lucio2009-08-28 23:13:14
Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...
 Share

Announcements


×
×
  • Create New...