Jump to content
Forum Cinema em Cena

Herois DC Na TV


Recommended Posts

  • Replies 140
  • Created
  • Last Reply

Top Posters In This Topic

Top Posters In This Topic

Popular Posts

Com a existencia do Tópico "Herois DC No Cinema", e o interesse q a DC/Warner começa a manifestar em levar seus personagens para a telinha, decidi crar este tópico irmão de "Herois Dc Na Tv". Então, q

Limpeza conclusa, Questão!         Exatamente. Precisa de muita coisa não.

A idéia de uma série do JH é bem boa, mas a warner não pode produzir. Pra ficar legal mesmo tem que ser pela HBO, feita pra adultos, não adolecentes, como na HQ.       Mas Questão, o cara deve ter

Assisti essa semana aos episódios 1 e 2 de Gotham.

 

Gostei muito!! Essa série promete!!!

 

Tava com receio deles colocarem vários vilões do Batman e ter que "amarrar" na história ficando forçado...mas, não...por enquanto achei que estão desenvolvendo bem, principalmente o pinguim.

Link to post
Share on other sites

Concordo com o Primo. Também sinto uma certa apatia, uma certa falta de "vida" na série. Não sei exatamente se o problema são as atuações. Creio que seja mais uma questão de carisma mesmo. Inclusive, acho que é exatamente por isso que o Pinguim vem sendo tão elogiado. Uma vez que ele incorpora um personagem já conhecido, porém de um modo bem diferente de todas as encarnações do vilão até então(o que deveria ser justamente um motivo de críticas por parte dos xiitas.), entendo que seu poder esteja mesmo é no carisma do ator.

 

Vamos ao que mais me desagradou até aqui:

 

1- Acho que, por conta da batalha feroz por audiência(se não me engano a série é exibida no mesmo horário de "The Big Bang Theory".), os episódios estão muito apelativos. Só no primeiro já tivemos a presença de 4 dos principais futuros vilões(e de forma bem forçada, tipo as coincidências absurdas do Homem-Aranha.). Também já sabemos que teremos Criador de Bonecas, Szass e Espantalho(o que quebra completamente o encanto de ser a presença do Batman o catalisador dos super-vilões em Gotham. Sem dúvida, é o que mais me incomoda nesta série.). A visita semanal de Gordon à mansão Wayne também está forçadíssima. Por mais que sempre haja uma desculpa para que o policial visite o moleque, claramente o que eles estão fazendo é chamar o público de idiota lembrando que a série também é sobre o Batman, como se dissessem nos bastidores: "se o Batman não aparecer de alguma forma, o negócio não vai andar". Ainda sobre o lance da briga por audiência, me pergunto até que ponto o festival de lesbianismo é mesmo espontâneo ou mera estratégia para capturar os adolescentes de mãos peludas.

 

2- O menino está muito desenvolvido para uma criança super-protegida que acaba de presenciar o assassinato dos pais. Depois desse quarto episódio, desconfio que no próximo ele já pegue uma lanterna e entre escondido no Arkham para investigar.

 

Enfim, é por essas e outras que fico feliz em saber que Demolidor está sendo produzido para a internet.

 

Aqui vai uma profecia cuquínica:

 

Repararam que, no final do quarto episódio, Gordon fica desconfiado de que Bárbara esconde algo mais dele? Lá vai: aposto que nesta série a Batgirl se chamará Bárbara por conta do amor de Montoya pela outra Bárbara. O que estou dizendo com isso? A menina será uma filha adotiva de Montoya e Bárbara. Montoya morrerá e a garota será criada pela outra mãe(já casada com Gordon.). Se compararmos o período compreendido entre o término da relação das duas e o momento atual, dará exatamente a diferença de idade que precisa existir entre a Batgirl e Bruce Wayne.  

Link to post
Share on other sites

Concordo com o Primo. Também sinto uma certa apatia, uma certa falta de "vida" na série. Não sei exatamente se o problema são as atuações. Creio que seja mais uma questão de carisma mesmo. Inclusive, acho que é exatamente por isso que o Pinguim vem sendo tão elogiado. Uma vez que ele incorpora um personagem já conhecido, porém de um modo bem diferente de todas as encarnações do vilão até então(...), entendo que seu poder esteja mesmo é no carisma do ator.

 

Quando o diretor é bom, é aí que entra a condução aos atores e à cena. O público mais atento sabe que atores medianos e irregulares têm "desempenhos" diferentes dependendo do diretor. Logo, se uma produção tem mais atores medianos do que bons, não pode confiar no mero "talento individual" do ator para um resultado satisfatório. Senão dá nisso aí: uns três atores "mandando bem", e uns 20 meia boca. Tem que ter mão firme, pra, inclusive, ajudar a passar mais verdade na cena.

Link to post
Share on other sites

Warner está desenvolvendo série em live-action do Super Choque!

 

21 de outubro de 2014 

 
10743661_374210252741874_1325525019_n.jp
 

Acaba de ser anunciado que o diretor/roteirista/produtor Reginald Hudlin está desenvolvendo uma série em live-action do Super Choque! Além disso, a Warner planeja lançar uma nova websérie de Mortal Kombat. Confira!

 

A divisão digital da Warner Bros. acaba de revelar um cronograma que apresenta produções deveras interessantes. De acordo com o The Hollywood Reporter, teremos uma série online de Mortal Kombat, mais séries animadas da Liga da Justiça por Bruce Timm e um seriado em live-action do Super Choque!

 

Confira abaixo a pequena confirmação da adaptação da famosa série animada da DC:

 

“Super Choque – O Escritor/diretor/roteirista Reginald Hudlin (Django Livre) comanda um time criativo por trás da adaptação de Super Choque, apresentando o herói afro-americano, alter ego de Virgil Ovid Hawkins. A série é baseada no quadrinho co-criado por Dwayne McDuffie e Robert L. Washington III e pelo artista John Paul Leon, que foi publicado, primeiramente pela Milestone Comics e depois, pela própria DC Comics. O co-fundador da Milestone Media, Denys Cowan (da série animada original) está colaborando com Hudlin no novo seriado.”

 

qfqqbI8.png

 

Fonte: CBM

http://legiaodosherois.virgula.uol.com.br/2014/warner-esta-desenvolvendo-serie-em-live-action-super-choque.html

Link to post
Share on other sites

Crise nas Infinitas Terras?

 

 

 

Geoff Johns considera possibilidade de unir cinema e TV na DCE


Postado em 23/10/2014, por Morcelli //

 

 

Geoff Johns, diretor criativo da DC Entertainment, concedeu ontem uma entrevista ao Buzzfeed em que explicou mais sobre seu approach com produções televisivas e cinematográficas. Segundo ele, a ideia de que os universos da TV e do cinema não vão se encontrar não é exatamente uma regra. Na verdade, les são vistos da mesma forma que os quadrinhos da editora, ou seja, como partes de Multiverso que pode ou não se colidirem.

 

 

Temos o universo da TV e o universo dos filmes, mas todos coexistem em harmonia. Para nós, criativamente falando, o foco é permitir que as pessoas criem o melhor produto possível, contem a melhor história possível, criem os melhores universos possível. Cada um tem uma visão das coisas e é seu deve deixar que elas brilhem. Acho que os personagens são icônicos o suficiente pra isso. Gosto muito de Agents of S.H.I.E.L.D. [Nota: série televisiva da Marvel que faz parte do universo cinematográfico da editrora]. Adoro o que a Marvel faz. Só temos uma abordagem diferente.

Houve discussões com o passar dos anos sobre as duas formas de contar histórias, é claro. Nunca diga nunca. Talvez um dia a gente amarre um programa de TV a um filme de alguma forma, mas o processo criativo que escolhemos seguir agora é deixar que cada um tenha seu próprio sucesso.

 

Atualmente Geoff Johns coescreve roteiros da série The Flash e está por trás de todas as adaptações televisivas da DC Entertainment. O autor também cuida das revistas mensais da Liga da Justiça e do Superman.

 

 

Fonte: http://www.terrazero.com.br/v2/2014/10/geoff-johns-considera-possibilidade-de-unir-cinema-e-tv-na-dce/

Link to post
Share on other sites

https://hqrock.wordpress.com/2014/10/03/arrow-e-flash-crossover-entre-as-series-se-chamara-the-brave-and-the-bold/

 

''O episódio 8 de Flash se chamará The Brave and the Bold, nome que chamou a atenção dos fãs da DC Comics.''

 

Acredito que seja difícil o Lanterna Verde aparecer nesse universo da DC na TV, mas a quantidade de easter eggs que envolvem o herói é beeem suspeita. 

Link to post
Share on other sites
  • 2 weeks later...

tá muito ruim o seriado

 

Só assisti dois episódios, mas achei melhor que Agents de SHIELD. É perigosamente parecido com Supernatural... Espero que não seja cancelada contudo, ví potencial na série. 

 

Pessoal da TV também zuou o barraco, série destinada a jovens, baseada em quadrinhos, passando sexta a noite...

Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...

Announcements


×
×
  • Create New...