Jump to content
Forum Cinema em Cena

Cinema Brasileiro: Agora Vai?


Recommended Posts

  • 2 weeks later...
  • Replies 254
  • Created
  • Last Reply

Top Posters In This Topic

Top Posters In This Topic

Popular Posts

> > >   Pessoal, hoje pela manhã estava pensando nisso e resolvi fazer um post. Que por sinal o meu 1º... hehe O cinema nacional parece que vem agora com um novo UP, uma

Eu acho que falta é incentivo para dar um up no cinema brasileiro. Por exemplo assisti Lisbela e o Prisoneiro, achei uma graça, tb assisti Deus é Brasileiro, O Homem que copiava, gostei siim desses fi

Não acho que nossos atores, ou nenhum ator/atriz, deva se assemelhar a ninguém, não... aff! Eles têm que serem autênticos no seu jeito de interpretar, serem únicos.   Concordo com Rob, se muit

Eu adoro cinema brasileiro, não tem aquele negocio de enfase em tudo, de fantasias, é bem mais simples, consegue passar mais realidade nas coisas, principalmente os atores.

 

Eu assisti Divã este final de semana, me surpreende como a atriz principal Lilia Cabral interpreta tudo naturalmente, é incrivel, sou apaixonado por cinema brasileiro!

Link to post
Share on other sites
  • 4 weeks later...
  • 4 weeks later...
  • 5 months later...

O Brasil tá começando a pensar num projeto a longo prazo planejando filmes:

Imagem Filmes se inspira nos estúdios de Hollywood para anunciar agenda de 2011

 

Erika Azevedo

 

 

Prática

comum entre os grandes estúdios hollywoodianos, as convenções para a

apresentação de seus projetos em produção acabam de entrar para o

calendário do cinema brasileiro. Florianópolis recebeu, na última

semana, o primeiro evento do gênero do país, em que a distribuidora

Imagem Filmes - ao lado da Telecine Productions - reuniu jornalistas,

produtores, artistas, diretores, exibidores e fomentadores para

apresentar seus 11 filmes nacionais previstos para chegar aos cinemas

em 2011 e 2012. Entre eles, os aguardados "Bruna Surfistinha",

estrelado por Deborah Secco, "O palhaço", segundo longa de Selton

Mello, e "Brasil animado", o primeiro filme brasileiro em 3D.

 

- É um esforço ativo para planejar o futuro. Nos Estados

Unidos, os estúdios chegam a ter 15 anos de produções agendadas. Agora,

o mercado brasileiro passa a ter, pela primeira vez, um planejamento

baseado no produto nacional - destacou o diretor-presidente da Ancine,

Manoel Rangel, presente ao evento.

 

A agenda da Imagem Filmes é extensa e diversificada. No próximo

dia 21 de janeiro entra em cartaz "Brasil animado", de Mariana

Caltabiano, uma das maiores apostas da empresa. O filme mistura

animação com imagens captadas em live action - tudo em tecnologia 3D

desenvolvida para o filme. Na trama, os personagens Stress e Relax saem

pelo Brasil atrás da árvore mais antiga do país.

Em fevereiro, a vez é de "Bruna Surfistinha", adaptação do estreante

Marcus Baldini para o livro "O doce veneno do escorpião", que entra em

cartaz no dia 25. No longa, Deborah Secco estreia como protagonista no

papel de uma adolescente de classe média que se torna a prostituta mais

famosa do Brasil.

- Fazer essa história foi uma oportunidade única - disse

Deborah em Florianópolis. - Não fui eu que fiz parte do filme, ele é

que faz parte da minha vida.

 

Selton Mello apresentou algumas cenas de bastidores de "O

palhaço", seu segundo longa como diretor, em que também atua ao lado de

Paulo José, com estreia prevista para maio.

 

- É um filme que tem uma atmosfera de sonho, indo na contramão

do que a gente tem visto nos cinemas, com tanta miséria e violência -

comentou ele.

 

Mas o maior desafio para 2011 é "Capitães da Areia", adaptação

do clássico de Jorge Amado dirigida pela neta do autor, Cecília Amado,

estreante com tarefa difícil: usar a história que já vendeu mais de

seis milhões de livros para atrair o público jovem para o cinema

brasileiro. O longa deve ser lançado em novembro.

 

Foram apresentados ainda mais três projetos que chegarão aos

cinemas em 2012: "Billi Pig" é um filme de tons surreais em que Grazi

Massafera é uma aspirante a atriz que conversa com seu porquinho de

pelúcia, que a adverte dos loucos planos de seu marido, vivido por

Selton Mello (as filmagens, conduzidas por José Eduardo Belmonte,

começam em janeiro). "O vendedor de passados" é uma adaptação do

best-seller homônimo de José Eduardo Agualusa, produzido em parceria

com a Conspiração (Lázaro Ramos estrela o longo dirigido por Lula

Buarque de Holanda). E "Somos tão jovens" é uma cinebiografia do cantor

Renato Russo dirigida pelo veterano Antonio Carlos da Fontoura (o longa

começa a ser rodado em março e terá o ator Thiago Mendonça como o líder

da Legião Urbana).

 

 

Link to post
Share on other sites

Bruna Surfistinha tem pré-estreia em Floripa

29 de outubro de 2010

bruna.jpg

Florianópolis foi sede, nesta quinta-feira à noite, da primeira exibição do trailler de Bruna Surfistinha, estrelado pela atriz Deborah Secco.

Ela foi convidada a particpar da convenção, no Costão do Santinho, da Imagem Filme, a distribuidora do filme no Brasil, que apresentou o longa aos principais representantes do mercado cinematográfico brasileiro. Segundo a reportagem da Folha de S.Paulo, Deborah Secco ficou, de fato, emocionada ao ver, pela primeira vez, o resultado final.

Enxugando as ameaças de lágrimas, ela disse, à frente da tela, que não consegue ver trechos do filme sem chorar.

- Foi um trabalho único, com um diretor que confiou em mim. Às vezes eu estava tão Bruna que nem conseguia voltar a ser Deborah - disse.

- Há personagens que mudam a vida de uma atriz. E esse personagem mudou minha vida.

A maior preocupação dos distribuidores do filme, agora, é com a classificação indicativa que o filme, definido como “sensual e quente”, receberá.

O pedido para o Ministério da Justiça e para que seja 16 anos. Bruna Surfistinha deve estrear nas salas de cinema em fevereiro.

Link to post
Share on other sites

Acho que para o cinema decolar mesmo precisa de investimento.

 

Todo filme de fora que vemos tem apenas 2, no máximo 3 patrocínios, já os brasileiros é quase uma fila antes de começar o filme.Aí está a questão, é dado tão pouca contribuição para o cinema que os produtores tem que ficar quase mendigando recursos quando podiam ter uma quantia mais "decente" para produzir além de filmes mais variados, uma qualidade melhor em arte e roteiro.

 

 

 

Um bom exemplo é Tropa de Elite, primeiro filme do gênero decente, contou com meio mundo de patrocinadores e foi feito um trabalho digno, direção de arte espetacular, roteiro muito bem feito, atores primorosos, custa dinheiro, já um filme da xuxa ou comédia romântica fica bem mais barato, mas logo, definitivamente sem qualidade.

 

 

 

Sobre o preconceito acho que é questão de tempo, é fato que brasileiro tem preconceito a brasileiro, mas o buraco é mais fundo e nao vou entrar nesse assunto.Produzindo filmes melhores, com mais investimento é questão de tempo até todos verem como tudo está melhorando.

Link to post
Share on other sites
  • 1 month later...

Vi o filme "Muita Calma Nessa Hora" e é lógico que um filme com esse título é tipo leve, descompromissado, comédia e tals, mas tem um elenco de humorista estupendo que são  filhadaputamente desperdiçados, poxa!

 

O cinema brasileiro é muito bom em humor e já foram feitas comédias com textos muito mais "elaborados/caprichados" que esse.

Tá uma das cenas inicais com o Bruno Mazeo e a camisinha é muito engraçada... aff! 06060606

 

Link to post
Share on other sites

Acho que filmes de grande investimento sao de grande importancia para promover o cinema brasileiro.

tropa de elite porem, acredito eu ser um filme pra ser absorvido pelos brasileiros e entendido pelos brasileiros, mas ta valendo,acho que deve ser exibido la fora... chato é quando os filmes daqui começam a serem procurados depois que sao premiados no exterior.Acho que a grande questao é essa.Acredito que é preciso consumir mais cultura nacional começando pelos brasileiros.
Link to post
Share on other sites
  • 3 weeks later...

 

Vi o filme "Muita Calma Nessa Hora" e é lógico que um filme com esse título é tipo leve, descompromissado, comédia e tals, mas tem um elenco de humorista estupendo que são  filhadaputamente desperdiçados, poxa!

 

O cinema brasileiro é muito bom em humor e já foram feitas comédias com textos muito mais "elaborados/caprichados" que esse.

Tá uma das cenas inicais com o Bruno Mazeo e a camisinha é muito engraçada... aff!

06060606

[/quote']

Esse filme é beeeeeeeeeeeeem fraco, mas não é pior que De Pernas para o Ar, que é uma bosta completa. O que houve com o Cinema Brasileiro esse ano? Além do bom Tropa II, não teve quase nada relevante. 09

 

Link to post
Share on other sites
  • 3 weeks later...

De Pernas Pro Ar vai ganhar continuação

Nem bem chegou aos cinemas brasileiros e De Pernas pro Ar já tem continuação confirmada.

 

 

 

A informação foi passada pela atriz Ingrid Guimarães e pela produtora Mariza Leão, que afirmaram à coluna de Mônica

Bergamo, no jornal Folha de S. Paulo, que será sim realizado um novo

filme.

 

 

 

A dupla revelou ainda que De Pernas Pro Ar 2 deve contar com

cenas rodadas em Nova York, mostrando que o negócio de Alice

(Guimarães) e Marcela (Maria Paula) deve ganhar proporções

internacionais.

 

 

 

Outra novidade deve ser a presença de Heloísa Perissé (Lisbela e o Prisioneiro). A atriz é amiga de longa data de Ingrid, com quem estrelou a peça “Cócegas”.

 

 

 

O novo filme ainda não tem previsão de estreia, mas não deve demorar muito. De Pernas Pro Ar está

em cartaz nos cinemas nacionais e já foi assistido por mais de 1,6

milhão de pessoas, se consolidando como a primeira grande estreia

brasileira de 2011.

Notícia: Filme De Pernas pro ar.

Fonte: Adoro Cinema.

 

 

 

Link to post
Share on other sites

 

Vi o filme "Muita Calma Nessa Hora" e é lógico que um filme com esse título é tipo leve, descompromissado, comédia e tals, mas tem um elenco de humorista estupendo que são  filhadaputamente desperdiçados, poxa!

 

O cinema brasileiro é muito bom em humor e já foram feitas comédias com textos muito mais "elaborados/caprichados" que esse.

Tá uma das cenas inicais com o Bruno Mazeo e a camisinha é muito engraçada... aff!

06060606

[/quote']

Esse filme é beeeeeeeeeeeeem fraco, mas não é pior que De Pernas para o Ar, que é uma bosta completa. O que houve com o Cinema Brasileiro esse ano? Além do bom Tropa II, não teve quase nada relevante. 09

 

Não houve nada é isso, sempre temos um filme espetacular e depois vem uma porrada de cagadas caça-níqueis, era assim nos anos 70, foi-se nos 80, continuou na década de 90 e nos anos dois mil a média deu uma melhorada, mas continua na mesma linha.

 

Link to post
Share on other sites

É importante essas "porcarias" arrecadarem e fazerem sucesso, é assim nos EUA, lá a indústria existe de filme "ruim", em sua maioria. Fico feliz que esses filmes se paguem e dêem dinheiro, assim eles precisariam cada vez menos de investimento da Petrobras, por exemplo, que ficaria a cargo de produções menores. Acho que o Brasil - como estudande de cinema, digo isso - precisa de uma política voltada para os iniciantes, é quase impossível conseguir fazer um longa com recursos logo de cara, você tem que ficar ANOS tentando sucesso com curtas, e eles tem que dar MUITO certo, sempre, tem que ser uma sucessão deles, bem falados, para você conseguir, talvez, entrar na "panela" e conseguir um projeto aprovado pelos editais da vida. A presença do edital é necessária, e os "blockbusters" e "sequels" brasileiros - Tropa de Elite 2, Se Eu Fosse Você 2, agora esse De Pernas Pro Ar 2 -, mostram que a coisa tem dado lucro, acho importante. Prefiro uma comédia ruim brasileira sendo exibida e lucrando a uma comédia americana tão ruim quanto.

Link to post
Share on other sites
  • 2 months later...

Selton Mello e Grazi Massafera Juntos em Comédia

Com as filmagens iniciadas na segunda quinzena de março de 2011, a produção de Billi Pig libera a primeira foto oficial da comédia de ação estrelada por Selton Mello e Grazi Massafera. Dirigido por José Eduardo Belmonte (Se Nada Mais Der Certo), o longa teve cenas rodadas na tradicional Feira de São Cristovão no último sábado, dia 2 de abril.

 

Segundo

os produtores, com seu humor ágil, o longa é uma comedia de ação

inspirada nas chanchadas brasileiras e nas comédias malucas americanas.

Na história, os personagens de Mello e Massafera formam um casal de

trapalhões que acabam se envolvendo com o mundo do crime por conta de

uma promessa fajuta.

 

Produzido pela Bananeira Filmes (A Festa da Menina Morta) e Film Noise (Meu Mundo em Perigo), Billi Pig tem previsão de estreia marcada para 30 de dezembro de 2011.

 

Notícia e fotos: Filme com Grazi Massafera e Selton Mello.

 

Fonte: Adoro Cinema.

 

 

Link to post
Share on other sites
É importante essas "porcarias" arrecadarem e fazerem sucesso' date=' é assim nos EUA, lá a indústria existe de filme "ruim", em sua maioria. Fico feliz que esses filmes se paguem e dêem dinheiro, assim eles precisariam cada vez menos de investimento da Petrobras, por exemplo, que ficaria a cargo de produções menores. Acho que o Brasil - como estudande de cinema, digo isso - precisa de uma política voltada para os iniciantes, é quase impossível conseguir fazer um longa com recursos logo de cara, você tem que ficar ANOS tentando sucesso com curtas, e eles tem que dar MUITO certo, sempre, tem que ser uma sucessão deles, bem falados, para você conseguir, talvez, entrar na "panela" e conseguir um projeto aprovado pelos editais da vida. A presença do edital é necessária, e os "blockbusters" e "sequels" brasileiros - Tropa de Elite 2, Se Eu Fosse Você 2, agora esse De Pernas Pro Ar 2 -, mostram que a coisa tem dado lucro, acho importante. Prefiro uma comédia ruim brasileira sendo exibida e lucrando a uma comédia americana tão ruim quanto. [/quote']

Putz! Bem esclarecedor !

E plausivel pq o cinema brasileiro tem que vencer essa ojeriza que os brasileiros tem das produções daqui.

Quem fala muito mau do nosso cinema são os pprios brasileiros.

As comédias não são ruins, favelamovie tb não.

Masss talvez as inumeras produções com o mesmo mote seja o medinho do fracassso em apostar  em outros temas.

Um fracasso de bilheteria aqui tem um peso muito maior que lá.
Link to post
Share on other sites
  • 2 weeks later...

>>>>> Eu acho q agora o cinema brasileiro decola de vez hein 05

Tropa de Elite 2 ganha data de estreia nos Estados Unidos

Maior sucesso de bilheteria da história do cinema nacional com mais de 11 milhões de espectadores, Tropa de Elite 2 já tem data para chegar às salas de cinema dos Estados Unidos e do Canadá.

 

Estrelado por Wagner Moura (VIPs), Andre Ramiro (Última Parada 174), Maria Ribeiro (Histórias de Amor Duram Apenas 90 Minutos), Milhem Cortaz (Lula, o Filho do Brasil), Seu Jorge (Casa de Areia) e Irandhir Santos (Quincas Berro D'Água), o filme entra em cartaz nos EUA em outubro deste ano e chega em home video no início de 2012.

 

A sequência de Tropa de Elite será lançada nos cinemas norte-americanos e canadenses como Elite Squad: The Enemy Within e contará com distribuição da New Video.

 

Tropa 2 teve uma elogiada passagem pelo Festival de Sundance e será uma ótima oportunidade para o público norte-americano conhecer José Padilha e Wagner Moura antes de suas estreias em Hollywood, que acontecerão em breve.

 

Padilha está fechado para dirigir a refilmagem de Robocop, enquanto que Wagner viverá o vilão de Elysium, mais novo filme de Neill Blomkamp (Distrito 9).

 

Notícia: Tropa de Elite 2 nos EUA.

 

Fonte: Adoro Cinema.

 

 

Link to post
Share on other sites
  • 1 month later...

Filme dirigido por Selton Mello tem estreia adiada

O público brasileiro precisará aguardar um pouco mais para assistir O Palhaço, novo filme dirigido por Selton Mello.

 

Inicialmente

agendado para ser lançado em 26 de agosto, o longa-metragem teve sua

estreia adiada para 28 de novembro. A distribuição será da Imagem

Filmes.

 

O Palhaço traz a história de Valdemar e Benjamin,

dois palhaços que rodam o país junto com a trupe do Circo Esperança até

que um deles (Mello) acredita ter perdido a graça. No elenco estão

também Paulo José (Quincas Berro D'Água), Fabiana Karla (Xuxa Gêmeas), Teuda Bara (Menino Maluquinho) e Renato Macedo.

 

Este é o segundo filme dirigido por Selton Mello. O anterior foi Feliz Natal, lançado em 2008.

 

Notícia: Filme de Selton Mello.

 

Fonte: Adoro Cinema.

 

 

Link to post
Share on other sites
  • 8 months later...

No Brasil, até o troféu do Grammy é alvo de impostos.

 

 

 

Produtor brasileiro premiado recebe a estatueta em casa acompanhada de um comprovante de recolhimento de 60% de imposto de importação e 15% de ICMS, no valor total de R$ 31,24.

 

 

 

http://economia.estadao.com.br/noticias/economia,no-brasil-ate-o-trofeu-do-grammy-e-alvo-de-impostos,101647,0.htm

Link to post
Share on other sites
  • 1 month later...

Autorizado concurso público para a Ancine

























O Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão autorizou, por meio da Portaria nº 66, de 8 de março de 2012, concurso público para o preenchimento de 82 vagas na Agência Nacional do Cinema (Ancine).


Os novos concursados farão parte das carreiras de Técnico
Administrativo (57 vagas) e de Técnico em Regulação da Atividade
Cinematográfica e Audiovisual (25 vagas), que exigem ensino médio
completo. A remuneração inicial prevista para os novos servidores é de
até R$ 4.760,18, acrescida de auxílio-alimentação, atualmente de R$ 304.


O edital do concurso deverá acontecer em até seis meses. No entanto, não há data prevista para as provas, nem empresa organizadora definida.


Novas informações sobre o concurso serão publicadas na página eletrônica da Ancine.


 


Fonte:
Ancine



Link to post
Share on other sites
  • 5 months later...

O problema do cinema no Brasil é que os brasileiros gostam muito de lixo hollywoodiano. E mais, as distribuidoras daqui "barram" qualquer coisa que não seja made in USA. Ver alguma coisa fora disso é difícil até em São Paulo. Acredito que o cinema nacional teria mais bilheteria se os filmes passassem e talvez as pessoas se arriscassem a experimentar. E tropa de elite é um filme ruim e com um discurso fascista, só atraiu o público porque é uma espécie de Rambo.

Link to post
Share on other sites

Não concordo.

 

Tropa de Elite foi esse estouro, por que o brasileiro se viu em milhares dos conflitos que o filme trás. Desde as festas de faculdade, à falta de segurança, a impunidade e um sistema falhido da nossa segurança pública.

 

Essa identificação com o brasil atual fez isso. Concordo que o filme é um pouco overrated no que se diz no roteiro, história em si. Mas Um filme que atingiu e fez a pessoa mais simples que mora em pindamonhangaba até o ricaço que mora na zona do sul do RJ ver e debater, não pode ser considerado ruim.

 

Sou da opinião que se aquilo tem certo conteúdo e gera o debate, tem algum valor.

Link to post
Share on other sites

O problema do cinema no Brasil é que os brasileiros gostam muito de lixo hollywoodiano. E mais, as distribuidoras daqui "barram" qualquer coisa que não seja made in USA. Ver alguma coisa fora disso é difícil até em São Paulo. Acredito que o cinema nacional teria mais bilheteria se os filmes passassem e talvez as pessoas se arriscassem a experimentar. E tropa de elite é um filme ruim e com um discurso fascista, só atraiu o público porque é uma espécie de Rambo.

 

Então 'Tropa de Elite' seria o nosso 'Pão e Circo'?

 

Eu não concordo com tudo o que diz, mas devo dizer que o filme tem uma carinha de Rambo sim. o Cap Nascimento faz muito bem esse papel de herói, na mesma proporção que o Rambo foi para os EUA. Talvez a diferença seja que nós não sejamos tão nacionalista quanto eles (Triste Fim de Policarpo Quaresma?).

 

Acredito que ultimamente os filmes nacionais tem ganhado um bom espaço perante o público e a idéia de que nossos filmes são ruins está começando, de uma forma um tanto lenta, a ser desmistificada. (Isso sem levar em conta que essa idéia é também, e principalmente, uma construção histórica. Veja SP que já passou pela Belle Époque e mesmo, a meu ver, ter superado um pouco o American Way of Life atualmente, ainda é muito influenciado por este.)

 

A questão maior, a meu ver, é que a massa não tem acesso a isso. Mesmo com o advento da internet e tudo o mais, isso sem falar nos outros meios de comunicação.

Onde você encontra a maioria dos filmes brasileiros em cartaz aqui em SP? Na Paulista, Augusta e espaços Unibanco da vida. Todos elitizados.

O que vai pra os Cinemark da vida são um ou outro e geralmente comédia, porque consegue atrair um público maior.

 

Ps.: Eu gosto de Tropa de Elite.

Link to post
Share on other sites

Ruim é perceber que nosso cinema só começou a ser (mais) apreciado qd foi reconhecido lá fora.

Como se antes de "Central do Brasil", nosso cinema já não nos tivesse dado bons filmes antes deste.

 

Se bem que dizem que Collor foi uma desgraça p/ cinema nacional... aff!

Isso deve ter minado nosso cinema em anos e em motivação.

Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...

Announcements


×
×
  • Create New...