Jump to content
Forum Cinema em Cena
Sith

Episódio VII: O Despertar da Força

Recommended Posts

Além de Buffy ele ainda tem Glee, Angel,Dollhouse...ou seja nada sem aspas mesmo, não adianta tentar tampar o sal com a peneira. Ele se saiu bem no blockbuster mor, claro que saiu. Agora não dar a ele a pecha de diretor experiente e gabaritado.

Share this post


Link to post
Share on other sites

mas pra quem nao tinha nadaate q se saiu bem no blockbuster-mor da Marvel, nao?

 

Com certeza.

 

Eu tenho fé no Whedon.Tanto que acho que não deve se arriscar ainda com um projeto que já tem em mãos e ir para outro. Ele ainda tem que construir um histórico mais sólido e inclusive continuar nos Vingadores e não sair para fazer um Star Wars. Tipo: Bryan Singer com Superman. Ali se perderam duas sagas, dois projetos. X-Men poderia ser muito melhor na mão do Singer e Superman na mão de outro diretor.

 

Aproveitando já viram o pessoal do Jovem nerd sobre a nova franquia eles ficaram bem empolgados:

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu não estou defendendo nenhum nome em especial aqui. Mas pelo menos na minha opinião, os melhores filmes da franquia (Ep V e VI) foram dirigidos por diretores que estavam longe de serem "Top". Curioso que os melhores filmes da serie foram justamente os que o George Lucas não dirigiu.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ele tem apenas a terceira maior bilheteria da história no cinema e uma legião de fãs fiéis que conquistou graças a seus trabalhos nerds. Mas não, ele é totalmente verde no assunto.

 

O Richard Marquand que tinha um currículo apropriado pra isso.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu não estou defendendo nenhum nome em especial aqui. Mas pelo menos na minha opinião, os melhores filmes da franquia (Ep V e VI) foram dirigidos por diretores que estavam longe de serem "Top". Curioso que os melhores filmes da serie foram justamente os que o George Lucas não dirigiu.

 

O motivo é muito simples: o Lucas é um péssimo diretor.

 

É como se qualquer cara criativo achasse que tem o dom de dirigir cinema. De criar um universo fantástico como Star Wars, pra dirigir esse universo, são coisas bem diferentes.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ele tem apenas a terceira maior bilheteria da história no cinema e uma legião de fãs fiéis que conquistou graças a seus trabalhos nerds. Mas não, ele é totalmente verde no assunto.

 

O Richard Marquand que tinha um currículo apropriado pra isso.

O Michael Bay é o quinto e daí? Vamos colocar o Bay num pedestal?

Share this post


Link to post
Share on other sites

O Michael Bay é o quinto e daí? Vamos colocar o Bay num pedestal?

 

Isso foi uma resposta ao Plutão, dizendo que o Whedon não tem cancha nos blockbusters.

 

Ou seja, ele tem domínio sobre o público e uma legião de fãs nerds.

Share this post


Link to post
Share on other sites

O

Quer ver tu mudar de opinião? Assiste Firefly. Tu mesmo disse que com a Marvel ele estaria de mãos atadas e não poderia fazer muita coisa.

 

Agora assiste Firefly (o piloto, apenas isso, depois decide se quer continuar ou não), e me diga se não repensa ele ser uma boa no comando de Star Wars.

 

O Malcom é a cópia carbono do Han, e isso não é demérito!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Quer ver tu mudar de opinião? Assiste Firefly. Tu mesmo disse que com a Marvel ele estaria de mãos atadas e não poderia fazer muita coisa.

 

Agora assiste Firefly (o piloto, apenas isso, depois decide se quer continuar ou não), e me diga se não repensa ele ser uma boa no comando de Star Wars.

 

Ok, vou fazer isso SÓ porque te considero e levo em conta o que vc fala... Mas não abuse, heheheeh

Share this post


Link to post
Share on other sites

pois é, o povo detona Whedon achando q so tem Avengers no curriculo... sendo q despontou com uma puta faroeste espacial pra depois cair no pastiche de Buffy..

 

Não só por isso... o roteiro de Alien - A Ressurreição é dele.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Star Wars VII | Colin Trevorrow entra para a lista de possíveis diretores

 

George Lucas seria fã do trabalho do diretor de Safety Not Guaranteed

 

Natália Bridi

07 de Novembro de 2012

 

Colin-Trevorrow.jpg

Colin Trevorrow

 

 

Colin Trevorrow é o mais novo nome na lista de possíveis diretores de Star Wars VII. De acordo com o Celebuzz, o diretor da comédia sci-fi independente Safety Not Guaranteed teria se encontrado com George Lucas meses antes da venda da LucasFilm para a Disney. O criador de Star Wars seria do trabalho de Trevorrow.

A lista de diretores sendo considerados também incluem Steven Spielberg, Neil Blomkamp, Darren Aronofsky, Joss Whedon, Alfonso Cuarón e Matthew Vaughn - cujo nome ganhou força na última segunda-feira.

 

Star Wars VII tem estreia prevista para 2015 e outros episódios da saga devem sair a cada dois ou três anos.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Isso foi uma resposta ao Plutão, dizendo que o Whedon não tem cancha nos blockbusters.

 

Ou seja, ele tem domínio sobre o público e uma legião de fãs nerds.

Ok, aliás acho que o Plutåo acertou em cheio ao falar do Singer e duas trilogias que se perderam.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu não estou defendendo nenhum nome em especial aqui. Mas pelo menos na minha opinião, os melhores filmes da franquia (Ep V e VI) foram dirigidos por diretores que estavam longe de serem "Top". Curioso que os melhores filmes da serie foram justamente os que o George Lucas não dirigiu.

 

Você tem que considerar o seguinte: Lucas controlou todo o processo com mão de ferro e o que saiu na tela, embora dirigido por outros, tem a cara do Lucas. Então pra dar certo do jeito que já deu, Lucas tem que estar presente como um verdadeiro consultor criativo e não como uma espécie de "decoy" onde ele não possa abrir a boca.

 

E de mais a mais, tanto o Kershner quanto o Marquand não dirigiram nada mais que prestasse depois de SW... Parece mesmo que a saga foi o ponto alto da carreira de ambos.

Share this post


Link to post
Share on other sites

O motivo é muito simples: o Lucas é um péssimo diretor.

 

É como se qualquer cara criativo achasse que tem o dom de dirigir cinema. De criar um universo fantástico como Star Wars, pra dirigir esse universo, são coisas bem diferentes.

 

Aí sou eu q te digo: assista THX 1138...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ok, vou fazer isso SÓ porque te considero e levo em conta o que vc fala... Mas não abuse, heheheeh

 

Aí sou eu q te digo: assista THX 1138...

 

 

 

Justo! Eu assisto esse e tu Firefly. Depois revemos (ou não) nossas posturas com os respectivos individuos =P

Share this post


Link to post
Share on other sites

14406_477928542251416_1653623472_n.jpg

 

 

Carrie Fisher quer voltar a STAR WARS e diretor é cotado

07/11 - 15h58

 

por Larissa Padron

img509aa367acb35.jpg

Desde que a nova trilogia Star Wars foi anunciada, rumores sobre quem vai assumir a direção do próximo filme não param de circular. E agora mais um novo nome surge na lista: Colin Trevorrow (Safety Not Guaranteed).

De acordo com o site The Playlist, George Lucas é um grande fã de Safety Not Guaranteed e encontrou Trevorrow há alguns meses para discutir o novo filme. O site procurou o diretor para confirmar, mas ele apenas declarou: “Sem Comentários”.

Ainda sobre o filme, o site TMZ fez uma rápida e divertida entrevista com a atriz Carrie Fisher (intérprete da Princesa Leia nos episódios IV, V e VI) sobre a continuação:

TMZ: Sra. Fisher, como você se sente sendo uma Princesa da Disney?

Fisher: Fantástica! Fez o meu dia!

TMZ: Você voltará para Star Wars se te pedirem?

Fisher: Claro que sim.

TMZ: Então você estará no novo filme?

Fisher: Você não estaria?

TMZ: Sra. Fisher, você acha que ele deveria ter ganhado mais que U$S4 bilhões [valor de compra da LucasFilm pela Disney]?

Fisher: 4 e meio.

Lembrando que o TMZ é um site de fofoca dos Estados Unidos, então Fisher pode estar apenas brincando. Mas nessa semana, Harrison Ford (O Han Solo, da trilogia original) também teria declarado em entrevista que voltaria pra franquia.

Matthew Vaughn (X-Men: Primeira Classe) também havia sido cotado para a direção, mas, aparentemente, isso não vai acontecer. Ainda não há diretor e elenco confirmados.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Você tem que considerar o seguinte: Lucas controlou todo o processo com mão de ferro e o que saiu na tela, embora dirigido por outros, tem a cara do Lucas. Então pra dar certo do jeito que já deu, Lucas tem que estar presente como um verdadeiro consultor criativo e não como uma espécie de "decoy" onde ele não possa abrir a boca.

 

E de mais a mais, tanto o Kershner quanto o Marquand não dirigiram nada mais que prestasse depois de SW... Parece mesmo que a saga foi o ponto alto da carreira de ambos.

Exato. Lucas não era imbecil de conferir o controle criativo dos eps V e VI e outros. A questão é que ele quase morreu no coração em 76 e não queria passar pelo mesmo estresse de novo. Provavelmente ele elaborou apenas a história a ser desenvolvida em um roteiro decente, com um argumento bem elaborado. Na direção/edição, os diretores eram meros paus mandados (ainda que de qualidade), fazendo o trabalho e recebendo ou não a aprovação de Lucas. Era o set que estressava Lucas, não os filmes em si. Imagino o trabalho de Kershner e Marquand semelhantes ao dos diretores de segunda unidade, recebendo instruções de filmagem precisas, mas dirigindo os atores, ponto fraco de Lucas.

 

Fica claro nos filmes dirigidos por Lucas que o cara sabe filmar e contar uma história com segurança. O ritmo imposto na edição também é primoroso. Não é um diretor fraco, apenas não se interessa tanto pelas atuações. O elenco classudo da NT garante, em parte, a eficiência dos filmes. Mesmo não sendo a melhor performance de suas carreiras, Natalie Portman, Liam Neeson, Ewan McGregor, Sam Jackson e Ian McDiarmid oferecem atuações suficientemente boas, mesmo com a fraqueza de Lucas nesse campo. A TC é cheia de desconhecidos, que tem suas melhores atuações justamente nos filmes não dirigidos por Lucas.

 

E Peter Cushing e Alec Guinness provavelmente se dirigiram no primeiro filme. Ou eles se saem bem apenas porquê o Lucas gritava "mais rápido e mais intenso"?

 

Abro ainda um parênteses para American Graffiti - Loucuras de Verão, em que Lucas deixava a situação rolar e fazia sua direção na sala de edição. Outro trabalho espetacular.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Não só por isso... o roteiro de Alien - A Ressurreição é dele.

 

 

"...Em 2005, o roteirista Joss Whedon confessou que nunca aprovou realmente o filme, não apenas por que fugia da proposta de seu roteiro, mas por que haviam alterado todo o desfecho que havia escrito. Esta leitura totalmente equivocada do roteiro teria tornado “Alien – A Ressurreição” um filme tão horrível a ponto de ser impossível de assistí-lo, ainda segundo as palavras de Whedon..."

 

fonte:

http://bocadoinferno...r-uma-franquia/

 

 

de qq forma, ha um abismo enorme entre roteirizar e dirigir um filme, q é o q ta sendo colocado em questao. mas endosso o post do tensor...prefiro Whedon longe de SW pra q capriche mais no Avante Vingadores!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Nem Tudo é o que Parece, Stardust, Kick-Ass e First Class.. quatro bons filmes, e já mostrou que sabe trabalhar bem com efeitos visuais e sabe dirigir mto bem atores.. mas tá certo ele em larguar a Fox para SW, afinal, a chance de fazer um SW é única na vida.. :P

 

X-men Foi um bom filme , com um bom roteiro , mas não foi um excelente filme , no que diz respeito a direção , vide por exemplo (1) o figurino da turma dos x-men , em especial do vilanesco magneto, totalmente cosplay ; vide por exemplo (2) ,a fotografia , cujo nenhuma indicação ao oscar me ausenta qualquer comentário subjetivo;vide por exemplo (3) a ausência de efeitos realistas, e por que não catastrófico, nas seqüência de ação.

Share this post


Link to post
Share on other sites

O que Dentinho? Para mim e milhões foi o que teve de melhor de X-men desde X-Men 2. Não é a forma e sim o conteúdo que é fundamental. A atuação de Fassbender e Mcavoy é de tirar o chapéu.

O diretor sabe dirigir estes atores ali não é para qualquer um não. Vimos um elo Magneto e Xavier muito mais foda que do que em qualquer filme da franquia.

 

Fora o Kick Ass que temos uma Kill Bill Mirim foda. Até Nicolas Cage fez um papel razoável neste filme. Momentos cômicos e dramáticos fodas. Que alias são bem pautados pelo diretor. Saber inserir uma piadinha, criar um romance e um momento comovente é fundamental para cativar público e neste aspecto Matthew Vaughn sabe fazer bem em seus filmes.

 

Cativar o público pela emoção ganha muito mais ponto para o diretor que CG, Fotografia, Figurino e ação.

 

E se o oscar fosse exemplo teríamos Kubrick, Chaplin, Hitchcock levando estatuetas. Logo é um péssimo referencial de avaliar diretores.

Share this post


Link to post
Share on other sites

E só tem mesmo.

 

Deixa-me desenhar melhor. Como diretor de Blockbuster e estamos falando de cinema e não série de TV existe um abismo enorme entre estas duas mídias. Logo o senhor Joss Whedon não tem muita experiência mesmo. E claro Serenity é um blockbuster do nível de Star Wars, heróis dos fãs irritantes da Marvel tanto que todos se lembram. Como pude me esquecer de citar? Olha ai o currículo do cara como têm “filmes de montão dos Blockbusters” famosos com sua direção:

 

http://www.imdb.com/...23736/#Director

 

Aqui eu to com o Plutão, o Whedon não tem muita experiência.

 

E apesar de ter feito um Os Vingadores maravilhosamente bem, acho que SW é um projeto diferente, que deve ter mais autono

mia, no sentido de ter uma história original sem ter que entregar um produto extremamente fiel aos quadrinhos, com tudo quadradinho.

 

Acho que o universo do SW tem potencial para umas viagenzinhas e devem ser exploradas esse potencial.

 

Mas ao mesmo tempo, não acho que deve ser um diretor muito autoral, que faça um filme que destoe do universo do SW, da lógica intrínseca desse universo, e do foco.

 

Mas por outro lado, como acho que o Whedon deva ser um fã d SW, acho que ele tentaria ao máximo explorar todo o potencial foda que tem no universo e fazem-nos vibrar.

Share this post


Link to post
Share on other sites

"...Em 2005, o roteirista Joss Whedon confessou que nunca aprovou realmente o filme, não apenas por que fugia da proposta de seu roteiro, mas por que haviam alterado todo o desfecho que havia escrito. Esta leitura totalmente equivocada do roteiro teria tornado “Alien – A Ressurreição” um filme tão horrível a ponto de ser impossível de assistí-lo, ainda segundo as palavras de Whedon..."

 

fonte:

http://bocadoinferno...r-uma-franquia/

 

Esquisito isso... o cara aparece lá todo alegrinho nos documentários sobre o filme, falando de como foi bom escrever pra série, que era aquilo mesmo, blablablablabla e agora vem dizer que não aprovou nada do que foi feito?

 

Detalhe: não acho Alien A Ressurreição ruim e penso que o visual do filme e certos aspectos da direção do Jeunet ajudaram que o filme fosse assistível.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...

×
×
  • Create New...