UA-130521384-1 Jump to content
Forum Cinema em Cena
GilsonDee

Os Vingadores 4: End Game

Recommended Posts

25 minutes ago, Tensor said:

Opa, que gente? Críticos? 

É meio triste saber que esse filme não vai ser reconhecido como deve na academia. Adoro Pantera Negra, mas esse aqui é outro nível.

Além do Chris Hemsworth, poderiam colocar em principal o Downey Jr e Chris Evans, facilmente.

Jornalistas, basicamente. Gente que começa a pensar no Oscar no ano que vem. 

Eu discordo um pouco de você, por que o filme é bom demais para ser ignorado na parte técnica. A trilha do Alan Silvestri, e o fato de ele ser um "velhinho", esnobado, o deixa até aqui como favorito, por exemplo.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Vou colocar meu comentário aqui, com a licença de vocês. E vale muito a pena ver a crítica maravilhosa que o Pablo fez no Youtube.

"MELHOR FILME DO ANO!!!!

As atualizações de melhor filme do ano foram atualizadas...

Estou completamente apaixonado pela esperteza, pela inteligência, pela capacidade dos irmãos Russo em conseguirem lidar com tanta complexidade, com tantas expectativas, com tantos desafios! 

Que Roteiro!! Drama, comédia, exibições de personalidade, construção de destinos, tudo perfeito! Mas, pra mim, os primeiros 40 minutos, resolvendo logo de cara o "problema" , e saltando no tempo, mostrando a questão individual do luto, a dor calada, a resignação, ou não, como a vida foi pra frente para alguns heróis, e para outros não... Estou encantado! Esse começo mais lento quebrou minhas expectativas, levou o filme pra outro lugar: o lugar da humanidade dos personagens ! "O Começo é a metade de tudo", como diz o mural de uma Igreja na Bahia.

A parte final, a luta final, me deixou arrepiado, só enxergo semelhança com o final de "O Senhor dos Anéis: O Retorno do Rei". Mas foram os momentos de interação entre os personagens que mais me tocaram. Mini Spoiler: * O reencontro com pais, mães, amores, enfim, maravilhoso, mas mais que isso, o reencontro com momentos de outros filmes, foi maravilhoso! Dá um sentido de pertencimento pro espectador... 

Os atores estão estupendos! Dá pra sentir o quanto eles amaram (seus cachês e) seus personagens! Mark Ruffalo brilhante, Robert Downey Jr brilhante, Jeremy Renner brilhante, Chris Hemsworth brilhante...Em alguns momentos, eu fiquei de fato emocionado. E que finalização elegante, serena, de gabarito, e profunda! Estou encantado! E repetitivo.

Som, montagem, fotografia, roteiro, roteiro, roteiro, maquiagem, e direção...Quero esse filme no Oscar 2020, em todas as categorias."

Obrigado, Marvel!!! Só cineasta brasileiro pra não gostar.

Share this post


Link to post
Share on other sites
2 minutes ago, SergioBenatti said:

Jornalistas, basicamente. Gente que começa a pensar no Oscar no ano que vem. 

Eu discordo um pouco de você, por que o filme é bom demais para ser ignorado na parte técnica. A trilha do Alan Silvestri, e o fato de ele ser um "velhinho", esnobado, o deixa até aqui como favorito, por exemplo.

Gostaria que ele fosse reconhecido na parte artística também (se formos pra esse lado de dividir entre técnicas e artísticas) 

Há coisas de interpretação, roteiro e a experiência completa que poderiam ser reconhecidas. Gostaria muito que ele tivesse seu lugarzinho entre os 8 ou 9 na categoria principal.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Chris Hemsworth tem mais um filme na Marvel: Thor 4 ou Guardiões da Galáxia 3

image.jpeg.3da3bef523d6be8c566e918ec98304a1.jpeg
Contém spoilers de Vingadores: Ultimato
Um novo artigo do THR trouxe uma série de detalhes sobre o futuro da Marvel no Cinema. O destino do Thor foi, em partes, revelado nessa matéria.De acordo com o site, o contrato atual de Chris Hemsworth inclui “a próxima fase de filmes”, o que pode indicar a existência de um Thor 4 no futuro do MCU, algo que já foi indicado por Tessa Thompson, a Valquíria de Thor: Ragnarok.Além disso, no fim de Vingadores: Ultimato vimos o Thor indo para o espaço junto dos Guardiões da Galáxia, o que indica que ele pode fazer parte de Guardiões da Galáxia Vol. 3. Guardiões da Galáxia Vol. 3 terá roteiro e direção de James Gunn, mas ainda não possui data de lançamento.Os membros dos Guardiões retornam em Vingadores: Ultimato, que está em cartaz nos cinemas nacionais. Já Thor 4 não foi confirmado.

 

Na boa, no filme trataram super bem o Ferroso e o capitão, mas cagaram lindo com Thor cachaceiro-bobo-da-corte e o Hulk Eduardo Costa desperdiçados...dureza isso, são dois personagens mais poderosos que deviam ter descido o pau no Thanos no final (o Hulk devia ter tido sua revanche aliás) limitados a alivio cômico fácil🤬

Thumbnail

Outra coisa, a parte mais decepcionante do filme pra mim: a batalha e o pós-batalha... Pressa e excesso de protagonismo no casal Tony/Steve... O que era pra ser o "fim do jogo" foi um show de confusão... Não deu pra entender de onde saiu o Capitão velho, muito menos como ele entregou todas as joias no momento certo, não deu pra entender se a Gamora virou pó ou não, o Hulk não fez merda nenhuma na batalha, o Formiga estava no carro com a Hope e no frame seguinte estava gigante na batalha, fizeram aquela cena com todas as mulheres pra absolutamente nada... É, até os grandes falham. Outra coisa que acho bacana pontuar, é perceptível em algumas cenas que os atores não conhecem o roteiro ou estão interagindo com personagens que não estão lá... Como na primeira aparição do Aranha, o mundo caindo aos pedaços e ele chega SORRINDO... Nem sempre é bom deixar os atores por fora do que estão fazendo. Infinitamente inferior ao Guerra Infinita, quem sabe quando a emoção passar vocês percebam isso. Puro fã service esse terceiro ato. Aquela cena girl power então... a maioria delas sequer se conheciam antes dessa cena, então acabou sendo meio anticlimático pra mim. Mas tento entender com gostou.

Share this post


Link to post
Share on other sites
On 4/30/2019 at 12:32 AM, GESR77 said:

SPOILER

Gostei muito do filme, mas fiquei com uma dúvida, talvez tenha deixado passar algo. Alguém pode me explicar o porque de ninguém ter pensando na possibilidade de usar as joias para salvar ou mesmo reviver o Tony? No guerra infinita o Thanos usa o poder da joia do tempo para restaurar a joia da mente, trazendo no processo o Visão de volta a vida. Será que não daria para fazer o mesmo em relação ao Tony? 

Não sei muito. Mas acho que eles poderiam desfazer o estalo que ele deu. Sem o estalo, Thanos e cia poderiam voltar.

Share this post


Link to post
Share on other sites

“Parabéns para o arquiteto e a mente de tudo, Kevin Feige. Parabéns meu amigo. Tem sido muito legal ver, testemunhar e aprender. Eu vejo você e o seu time contando as histórias de forma meticulosa ao longo dos anos e tem sido incrível. O maior filme de todos os tempos… MEU DEUS! Veja o que você fez. Veja o que os seus caras fizeram, Kevin. Parabéns e eu sei que nossos assistentes estão tentando nos juntar para um jantar há meses. Nós somos super ocupados e espero que nossas agendas possam se cruzar. Parabéns galera!”

 

Abertura dos Estúdios Marvel muda em Vingadores: Ultimato
A abertura dos Estúdios Marvel em uma constante em todos os filmes do MCU. No entanto, em Vingadores: Ultimato, a abertura sofreu algumas mudanças.
Na abertura, são mostrados apenas os heróis que não foram vítimas do estalo de Thanos. Pantera Negra, Feiticeira Escarlate e outros não aparecem, pois já haviam se tornado pó.A mudança é um easter egg interessante para os fãs do MCU.

 

Diretores de Vingadores: Ultimato indicaram um novo filme do Capitão América
Cuidado! Contém SPOILERS de Vingadores: Ultimato!
O Capitão América não morreu ao final de Vingadores: Ultimato. Mesmo assim, teve um final que abre espaço para uma despedida do personagem, como Chris Evans indicou diversas vezes antes do lançamento do longa.O destino de Steve Rogers deixou muito em aberto. O Capitão América volta ao passado no final de Vingadores: Ultimato e se casa com Peggy Carter (Hayley Atwell). Depois, um envelhecido personagem aparece no presente para passar o seu manto e escudo para Sam (Anthony Mackie).Para Entertainment Weekly, os diretores Joe e Anthony Russo explicaram que o desfecho abriu uma nova realidade. Mais do que isso, indicaram que há uma trama para ser contada sobre essa viagem do Capitão América pelo passado.“Se o Cap viaja para o passado e vive lá, ele cria uma ramificação de realidade. A pergunta então é, como ele volta para a realidade do filme e entrega o escudo? Pergunta interessante, certo? Talvez tenha uma história lá. Há muitas camadas construídas nesse filme e nós passamos três anos pensando sobre isso, então é divertido falar sobre isso e preencher os espaços para as pessoas, para que elas entendam o que estamos pensando”, disse Joe Russo.O único problema para esse possível novo filme é que Chris Evans declarou que quer se afastar do personagem por tempo indeterminado. O ator tem planos para atuar em outros tipos de filmes e também de dirigir longas.
 

Nem o Thor sabe o nome de todos os filmes da marvel quando desafiado a dize-los em 1 minuto😂

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
On 4/30/2019 at 3:48 PM, Jorge Soto said:

Outra coisa, a parte mais decepcionante do filme pra mim: a batalha e o pós-batalha... Pressa e excesso de protagonismo no casal Tony/Steve... O que era pra ser o "fim do jogo" foi um show de confusão... Não deu pra entender de onde saiu o Capitão velho, muito menos como ele entregou todas as joias no momento certo, não deu pra entender se a Gamora virou pó ou não, o Hulk não fez merda nenhuma na batalha, o Formiga estava no carro com a Hope e no frame seguinte estava gigante na batalha, fizeram aquela cena com todas as mulheres pra absolutamente nada... É, até os grandes falham. Outra coisa que acho bacana pontuar, é perceptível em algumas cenas que os atores não conhecem o roteiro ou estão interagindo com personagens que não estão lá... Como na primeira aparição do Aranha, o mundo caindo aos pedaços e ele chega SORRINDO... Nem sempre é bom deixar os atores por fora do que estão fazendo. Infinitamente inferior ao Guerra Infinita, quem sabe quando a emoção passar vocês percebam isso.
 

Gamora - A morte dela no filme anterior não mudou, continuou igual. Não foi desfeito. A que ficou aqui é a do passado, a do tempo do Guardiões da Galáxia 1. Imagina que ela, Nebula e Thanos não voltaram pro passado, então se formou uma nova linha do tempo paralela sem eles. Se ela tivesse voltado pro passado, seria uma linha paralela sem Nebula e Thanos mas com ela. Só que ela ficou por aqui, então a linha paralela do passado ficou sem os 3 (no Guardiões 3 devem lidar melhor com isso, acho). Essa linha paralela não tem a morte dela porque não tem nem ela e nem o Thanos, a história ficou diferente, mas na linha do tempo principal, a morte dela tá ali ainda.

Capitão - É meio simples. Ele viajou, fez o que tinha que fazer (até mais) e depois voltou. O Hulk falou que ele teria o tempo que quisesse pra fazer tudo e voltasse. Levou o tempo dele ficar velho (além de devolver as joias, ele casou com a Peggy e ficou um tempão por lá). A questão é que ele não voltou na máquina do Hulk, o que confunde todo mundo. Como ele viajou de volta sem a ajuda da máquina, não sei exatamente. Não considero furo, porque é passível de mil explicações, mas tanto faz também. Não acho que a cena ficou 'menor' por causa disso. Explicações demais também estragam.

Thor - Ele virou alívio cômico desde o Ragnarok, então não vejo que esse filme tenha mudado algo. Mas na hora de mostrar emoção no personagem, o cara tava lá. Na hora, que falaram no Thanos, na hora que reviu a mãe, e etc, o cara conseguiu emocionar. E quando ele tinha que ser foda também o foi. Não acho que desperdiçaram ele (na verdade, não curto ele nesse estilo cômico que veio do Ragnarok, mas aqui quanto tiveram que usar ele de outra forma, ele foi muito bem usado).

Hulk - Até concordo. Ficou no alívio cômico e não foi além. Teve o momento dele na hora de dar o estalo, mas depois sumiu na batalha (e não acho que ele conseguiria enfrentar o Thanos porque enfraqueceu quando usou a manopla - então ele ficou atrás ajudando a enfrentar o exercito do Thanos). Mas se for ver o filme anterior já o tinham tratado assim, e no Ragnarok também. Não foi algo de agora. Só mantiveram o que tava sendo usado no personagem a um tempo, mas acho que ele teve mais relevância aqui que no Guerra Infinita (pelo menos, participou do momento do estalo, que eu considero um dos momentos fortes do filme).

Homem Aranha - Aí já tá reclamando demais, não? hehe. O cara sempre curtiu participar das batalhas assim, era o sonho dele, como não iria fazer aquela cara? E na conversa com o Tony ficou claro que ele não teve muita noção do que rolou exatamente, então ele manteve certa inocência ali.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Aqui uma explicação pro Capitão no final:

 

O cara fala que só tirar as joias é que monta uma nova realidade, outros fatos não. Aí quando o Capitão apagou todas as outras realidades, devolvendo as joias, ele ficou na linha principal (porque todas outras realidades paralelas sumiram), e aí chegou no ponto onde estavam o Hulk, Falcão e Bucky. Basicamente, isso.

Pra mim, não gosto muito dessa explicação, porque acho que toda mudança (grande) faz uma nova realidade, não só tirar as joias. Claro, que falo de mudanças grandes como, por exemplo, o Loki fugindo depois dos Vingadores 1, ou o Thanos/Nebulosa/Gamora não voltando ao passado no Guardiões da Galáxia. Esse negócio do Gavião que ele cita, não creio que tenha força pra criar uma realidade própria (foi só a filha dele descendo uma escada e perguntando "pai". Isso mudaria o quê na linha do tempo? É um fato corriqueiro).

E os próprios Russo aqui falam que o Capitão criou uma "ramificação da realidade" quando ficou no passado, então essa explicação dele já cairia por terra (eu acho, mas sei lá também - os Russos são meio vagos na explicação).  

39 minutes ago, Jorge Soto said:

Diretores de Vingadores: Ultimato indicaram um novo filme do Capitão América
Cuidado! Contém SPOILERS de Vingadores: Ultimato!
O Capitão América não morreu ao final de Vingadores: Ultimato. Mesmo assim, teve um final que abre espaço para uma despedida do personagem, como Chris Evans indicou diversas vezes antes do lançamento do longa.O destino de Steve Rogers deixou muito em aberto. O Capitão América volta ao passado no final de Vingadores: Ultimato e se casa com Peggy Carter (Hayley Atwell). Depois, um envelhecido personagem aparece no presente para passar o seu manto e escudo para Sam (Anthony Mackie).Para Entertainment Weekly, os diretores Joe e Anthony Russo explicaram que o desfecho abriu uma nova realidade. Mais do que isso, indicaram que há uma trama para ser contada sobre essa viagem do Capitão América pelo passado.“Se o Cap viaja para o passado e vive lá, ele cria uma ramificação de realidade. A pergunta então é, como ele volta para a realidade do filme e entrega o escudo? Pergunta interessante, certo? Talvez tenha uma história lá. Há muitas camadas construídas nesse filme e nós passamos três anos pensando sobre isso, então é divertido falar sobre isso e preencher os espaços para as pessoas, para que elas entendam o que estamos pensando”, disse Joe Russo.O único problema para esse possível novo filme é que Chris Evans declarou que quer se afastar do personagem por tempo indeterminado. O ator tem planos para atuar em outros tipos de filmes e também de dirigir longas.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hour ago, Jailcante said:

Não sei muito. Mas acho que eles poderiam desfazer o estalo que ele deu. Sem o estalo, Thanos e cia poderiam voltar.

Entendo o que você quis dizer, mas no Guerra Infinita o Thanos trás o Visão de volta sem afetar ao seu redor. Acho que foi mais um decisão de roteiro, já que ia afetar muito a carga emocional do filme. Penso que poderíamos ter uma outra conclusão para o personagem e quem sabe um outro filme solo onde ele encontra a Riri Williams e passa o "bastão" para ela. 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Depois posto meus comentários.

Mas concordo com o Soto e o Jailcante sobre o Hulk. O Hulk é um dos meus personagens favoritos do universo Marvel, e eles cagaram com ele neste universo (não que os filmes anteriores tenham ajudado...).

Até entendo que não há espaço para o drama e agressividade do personagem neste universo mais leve. Mas poxa, o cara virou um alívio cômico coadjuvante em todos os filmes. A proposta de um personagem com força ilimitada mas sem controle nenhum sobre ela é muito interessante. Até onde sei o Hulk era para ser um dos personagens mais fortes do universo Marvel, mas pelos filmes não parece.

Mas parece que a galera em geral não dá muita bola para o Hulk 😕

Share this post


Link to post
Share on other sites

Na academia, todo mundo ficou falando do filme em vez de malhar. É consenso: todo mundo gostou do filme! Mas...

Nem todo mundo gostou do que foi feito com o Huck e o Thor. Acharam que desconstruíram muito os dois personagens, para proporcionar alívio cômico. Quem reclamou, pude observar, são as pessoas mais preocupadas com a "mitologia" da Marvel. Quem está mais preocupado com "cinema", não viu problema nisso. Um colega meu reclamou comigo: "Sérgio, o Thor é um Deus! Não pode ficar barrigudo, com deprê!" Então, em conclusão, "o roteiro é ruim". Pra mim, o roteiro foi excelente, pois roteiro é organização dramatúrgica, organização da ideia, e ficou perfeito ver como cada herói reagiu aos eventos devastadores de Guerra Infinita.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
2 hours ago, GESR77 said:

Entendo o que você quis dizer, mas no Guerra Infinita o Thanos trás o Visão de volta sem afetar ao seu redor. Acho que foi mais um decisão de roteiro, já que ia afetar muito a carga emocional do filme. Penso que poderíamos ter uma outra conclusão para o personagem e quem sabe um outro filme solo onde ele encontra a Riri Williams e passa o "bastão" para ela. 

Tem a fala do Hulk pro Steve que quando ele tava com a manopla, tentou, mas não conseguiu salvar a Natasha, não tinha jeito. Ele não dá maiores explicações sobre isso, mas o mesmo talvez possa aplicar pro Tony. Por aí.

Share this post


Link to post
Share on other sites
50 minutes ago, SergioBenatti said:

Na academia, todo mundo ficou falando do filme em vez de malhar. É consenso: todo mundo gostou do filme! Mas...

Nem todo mundo gostou do que foi feito com o Huck e o Thor. Acharam que desconstruíram muito os dois personagens, para proporcionar alívio cômico. Quem reclamou, pude observar, são as pessoas mais preocupadas com a "mitologia" da Marvel. Quem está mais preocupado com "cinema", não viu problema nisso. Um colega meu reclamou comigo: "Sérgio, o Thor é um Deus! Não pode ficar barrigudo, com deprê!" Então, em conclusão, "o roteiro é ruim". Pra mim, o roteiro foi excelente, pois roteiro é organização dramatúrgica, organização da ideia, e ficou perfeito ver como cada herói reagiu aos eventos devastadores de Guerra Infinita.

 

Até curti o que fizeram com o Thor. Foi um dos pontos altos do filme. E é legal que o próprio Chris Hemsworth sabe rir de si mesmo e não é a primeira vez que ele desconstrói aquele arquétipo de galã. E o Thor barrigudo e bêbado se encaixa perfeitamente com a personalidade do personagem.

A minha questão com o Hulk não é deste filme em específico (que achei sensacional o humor), mas a opção de tratá-lo como um personagem menor neste universo e nos outros filmes.

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hour ago, SergioBenatti said:

Na academia, todo mundo ficou falando do filme em vez de malhar. É consenso: todo mundo gostou do filme! Mas...

Nem todo mundo gostou do que foi feito com o Huck e o Thor. Acharam que desconstruíram muito os dois personagens, para proporcionar alívio cômico. Quem reclamou, pude observar, são as pessoas mais preocupadas com a "mitologia" da Marvel. Quem está mais preocupado com "cinema", não viu problema nisso. Um colega meu reclamou comigo: "Sérgio, o Thor é um Deus! Não pode ficar barrigudo, com deprê!" Então, em conclusão, "o roteiro é ruim". Pra mim, o roteiro foi excelente, pois roteiro é organização dramatúrgica, organização da ideia, e ficou perfeito ver como cada herói reagiu aos eventos devastadores de Guerra Infinita.

 

e viva as diferenças!😁

Share this post


Link to post
Share on other sites
45 minutes ago, Jailcante said:

Tem a fala do Hulk pro Steve que quando ele tava com a manopla, tentou, mas não conseguiu salvar a Natasha, não tinha jeito. Ele não dá maiores explicações sobre isso, mas o mesmo talvez possa aplicar pro Tony. Por aí.

Ou talvez porque essa falta de explicações mastigadas tenha sido cirúrgicamente planejada pelos Russos (ou Disney), pra dar pano pra manga pra continuidade do UMC e ser "explicada" depois. Afinal, todos sabem que quem morre aí morre, mas passa bem.😁

5d1a13c2db683123562a6a1f21576e6be05a1dcf33fe1b22cfec56e21b04ce12.gif

Share this post


Link to post
Share on other sites
2 hours ago, conan said:

Depois posto meus comentários.

Mas concordo com o Soto e o Jailcante sobre o Hulk. O Hulk é um dos meus personagens favoritos do universo Marvel, e eles cagaram com ele neste universo (não que os filmes anteriores tenham ajudado...).

Até entendo que não há espaço para o drama e agressividade do personagem neste universo mais leve. Mas poxa, o cara virou um alívio cômico coadjuvante em todos os filmes. A proposta de um personagem com força ilimitada mas sem controle nenhum sobre ela é muito interessante. Até onde sei o Hulk era para ser um dos personagens mais fortes do universo Marvel, mas pelos filmes não parece.

Mas parece que a galera em geral não dá muita bola para o Hulk 😕

agora a personagem mais foderosa do MCU é sem dúvida a Capitã Marvel, que aparece pontualmente quando o roteiro demanda.😀

Share this post


Link to post
Share on other sites
4 hours ago, Jailcante said:

 

Capitão - É meio simples. Ele viajou, fez o que tinha que fazer (até mais) e depois voltou. O Hulk falou que ele teria o tempo que quisesse pra fazer tudo e voltasse. Levou o tempo dele ficar velho (além de devolver as joias, ele casou com a Peggy e ficou um tempão por lá). A questão é que ele não voltou na máquina do Hulk, o que confunde todo mundo. Como ele viajou de volta sem a ajuda da máquina, não sei exatamente. Não considero furo, porque é passível de mil explicações, mas tanto faz também. Não acho que a cena ficou 'menor' por causa disso. Explicações demais também estragam.

Embora eu ache o final do Capitão muito bonito e oportuno para o personagem, acho que cria um furinho de roteiro sim. Não acho que tinha que explicar como ele devolveu as jóias e tal, mas se passou mais de setenta anos em outra realidade, e depois, com noventa anos, deu um jeito de vir pra essa realidade como quem pega um ônibus só pra dar uma satisfação e entregar o escudo pro Sam,  então não precisava de uma explicação completa, mas no mínimo uma menção sim. Do jeito que ficou, eu posso perfeitamente entender que o Capitão voltou pro passado, foi o marido da Peggy (cujo nome nunca foi revelado) e chegou ali de forma natural, contrariando o resto do filme. Acho as regras de viagem no tempo bem mal armadas pra mim, especialmente com essa cena final. Mas mesmo que a cena contenha um furo de roteiro (no momento em que o publico precisa ficar inventando explicação pra uma coisa dessas, pra mim, é furo) o peso emocional dela é tão forte, e tudo é feito de forma tão bonita que essa falha fica pequena e sem importância.

 

1 hour ago, conan said:

Até curti o que fizeram com o Thor. Foi um dos pontos altos do filme. E é legal que o próprio Chris Hemsworth sabe rir de si mesmo e não é a primeira vez que ele desconstrói aquele arquétipo de galã. E o Thor barrigudo e bêbado se encaixa perfeitamente com a personalidade do personagem.

 Concordo. Está longe doThor dos quadrinhos, sendo uma subversão sim, mas a verdade é que o publico gostou muito mais desse Thor mais zoeira. Antes de RAGNAROK, o personagem tava ali e funcionava relativamente bem, mas o Loki por exemplo, era visto como um personagem muito maior que ele. A partir do RAGNAROK, onde o Taika fez essa releitura do personagem, a diferença diminuiu, e o pessoal começou a curtir mais o Thor. Mesmo tendo ficado mais poderoso do que já era, ele ficou mais identificável. E em ULTIMATO, mesmo com todo o humor em cima do Thor, o arco dramático dele é uma beleza.

 

1 hour ago, conan said:

A minha questão com o Hulk não é deste filme em específico (que achei sensacional o humor), mas a opção de tratá-lo como um personagem menor neste universo e nos outros filmes.

No primeiro VINGADORES do Whedon, ele até que é bastante importante. Alias, acho que o Whedon (mesmo no A ERA DE ULTRON que é bem fraco) foi quem mais sabe trabalhar o personagem, conseguindo equilibrar os aspectos dramáticos e cômicos do personagem dentro do tom geral da Marvel (embora eu goste muito do Hulk mais melancólico do Norton, acho um filme bem subestimado e quase esquecido do MCU). Mas a reinvenção cômica, que acho que deu super certo com o Thor, não funcionou tão bem com o Hulk. Alias, dos seis principais, acho que ele é aquele que tem o arco mais mal resolvido. A transformação dele em Professor Hulk, foi bem mal armada pra mim. Acho que devia ter sido algo que deveria ter sido mostrado durante o filme, e não no hiato. Porra, todo o arco do personagem era o Banner tentar se harmonizar com o Hulk, e resolve isso fora da tela? Isso eu não curti.

 

 Mas o filme tá cheio de coisa que eu curti e momentos catárticos, além de uma ótima dinâmica e desenvolvimento dos personagens. Quando mataram o Thanos nos primeiros quinze minutos de filme, o meu queixo caiu e voltou. Um twist do roteiro do caramba, que ninguém viu chegando (tava todo mundo achando que o Thanos ia acabar com todo mundo em um confronto inicial).  

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

homenagem da Marvel ao Ferroso

 

Vingadores: Ultimato finalmente resolve furo no roteiro de Era de Ultron
Contém spoilers de Vingadores: Ultimato
Vingadores: Ultimato finalmente resolveu um velho furo de roteiro de Era de Ultron: como a Hydra conseguiu a lança (com a Joia da Mente).Para quem não se lembra, Vingadores: Era de Ultron começa com um ataque dos heróis à uma base da Hydra. Lá eles conseguem a lança usada por Loki no primeiro Vingadores de volta.O problema é que não havia explicação para essa lança ter sido perdida entre o primeiro Vingadores e sua continuação. Agora a dúvida foi tirada: agentes da Hydra infiltrados na SHIELD imediatamente pegaram a lança depois do fim de Os Vingadores.


 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Vingadores: Ultimato traz consequências para Agente Carter

Resultado de imagem para agent carter
Cuidado! Contém SPOILERS de Vingadores: Ultimato!
Vingadores: Ultimato impacta diferentes tramas e partes do Universo Marvel. O Indie Wire apresenta mais uma em relação a série Agente Carter, que tem duas temporadas – exibidas em 2015 e 2016.No final do filme, o Capitão América devolve as Joias do Infinito ao passado. No meio do caminho, Steve Rogers decide reencontrar Peggy Carter e ter a vida que sempre quis.O portal mostra que o final de Vingadores: Ultimato reescreve o final da série Agente Carter. O seriado apresenta em seus episódios finais que Peggy começava a se apaixonar por Daniel Sousa.Se o seriado continuasse no ar, possivelmente seria revelado com quem Peggy se casa. Em Capitão América: O Soldado Invernal, uma idosa Peggy aparece com uma aliança em seu leito de morte.Mas, com o Capitão América retornando ao passado, a história da série é desfeita. A única coisa que poderia justificar a trama de Agente Carter é levar em conta que a linha do tempo em que Steve Rogers e Peggy se casam é alternativa.Outro argumento que pode reforçar isso é o papel de Howard Stark. Na série, Dominic Cooper vive o cientista, que está prestes a se tornar pai.Em Vingadores: Ultimato, Howard é vivido por John Slattery. É uma aparência bem diferente de um homem que está prestes a ser pai de Tony Stark.De qualquer forma, dificilmente a série Agente Carter terá uma continuidade.

 

Vingadores: Ultimato traz perturbadoras consequências para o MCU
Cuidado! Contém SPOILERS de Vingadores: Ultimato!
Vingadores: Ultimato representa a tentativa dos heróis em consertar aquilo que Thanos fez no fim de Guerra Infinita. Mas nem tudo pode ser corrigido com um estalar de dedos.O desaparecimento de inúmeros seres humanos na Terra obviamente causou gigantescos problemas econômicos e o mesmo pode ser dito para o retorno repentino de todas essas pessoas.Para piorar, muitos continuaram mortos graças a acidentes de carro, avião, fogos e mais, o que ainda teria mantido o caos em certo nível.Isso fica ainda mais perturbador se pensarmos que Tony Stark optou por manter isso para que sua filha continuasse viva.Em todo caso, vamos descobrir futuramente como o MCU vai lidar com essa questão nos vindouros filmes.

 

😲

 

Bandeiroso dizendo que seus melhores momentos na Marvel saõ com o RDJ

 

elenco canta parabens ao Ferroso pelos seus 11 anos no MCU

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
4 minutes ago, Jorge Soto said:

Vingadores: Ultimato traz consequências para Agente Carter

Resultado de imagem para agent carter
Cuidado! Contém SPOILERS de Vingadores: Ultimato!
Vingadores: Ultimato impacta diferentes tramas e partes do Universo Marvel. O Indie Wire apresenta mais uma em relação a série Agente Carter, que tem duas temporadas – exibidas em 2015 e 2016.No final do filme, o Capitão América devolve as Joias do Infinito ao passado. No meio do caminho, Steve Rogers decide reencontrar Peggy Carter e ter a vida que sempre quis.O portal mostra que o final de Vingadores: Ultimato reescreve o final da série Agente Carter. O seriado apresenta em seus episódios finais que Peggy começava a se apaixonar por Daniel Sousa.Se o seriado continuasse no ar, possivelmente seria revelado com quem Peggy se casa. Em Capitão América: O Soldado Invernal, uma idosa Peggy aparece com uma aliança em seu leito de morte.Mas, com o Capitão América retornando ao passado, a história da série é desfeita. A única coisa que poderia justificar a trama de Agente Carter é levar em conta que a linha do tempo em que Steve Rogers e Peggy se casam é alternativa.Outro argumento que pode reforçar isso é o papel de Howard Stark. Na série, Dominic Cooper vive o cientista, que está prestes a se tornar pai.Em Vingadores: Ultimato, Howard é vivido por John Slattery. É uma aparência bem diferente de um homem que está prestes a ser pai de Tony Stark.De qualquer forma, dificilmente a série Agente Carter terá uma continuidade.

Eu tenho minha própria visão do que rolou com o Capitão e Peggy aí, depois comento sobre (é um visão bem minha mesmo), MAS os Russo mesmo disseram que o Capitão criou uma "ramificação da realidade", ou seja, o que o seriado colocou não mudou, e Capitão viveu em outra realidade com a Peggy (a questão é como ele teria voltado pra realidade principal, mas a linha paralela rolou pelo jeito). 

**O seriado dela agora é oficialmente cânone do MCU porque o Jarvis da TV apareceu no Ultimato. O Agents of Shield é que o MCU continua ignorando (e acho que depois da última temporada, nem dá pra considerar, já que apresentou uma teoria de viagem do tempo bem diferente do Ultimato...)

Share this post


Link to post
Share on other sites

Imagens Spoilers:

(só estou postando porque são bem bunitinhas)

VINGADORES: ULTIMATO – ARTISTA RECRIA ENCONTROS EMOCIONANTES DO FILME!

 1h -  9 – É de fazer chorar!

POR GUS FIAUX  Vingadores: Ultimato está arrebentando recordes mundialmente, mas a maior conquista do filme é entre os fãs, que estão constantemente criando debates e artes para o longa que já arrecadou quase US$ 2 bilhões mundialmente nas bilheterias.

Um artista identificado como 使徒子 postou uma série de artes que mostram alguns reencontros e momentos emocionantes do filme, como o retorno dos que morreram após o estalar de dedos de Thanos com os que ficaram vivos. Há várias cenas tocantes e que nos arrancaram lágrimas na sala de cinema.

As artes foram postadas pelo Instagram do 9GAG, e mostram vários momentos que fizeram os fãs perderem a cabeça nos cinemas, como o reencontro do Homem de Ferro com o Homem-Aranha, ou o retorno de Groot para os braços de Rocky Racum. 

Além disso, temos alguns momentos bem devastadores, como Steve Rogers em sua dança com Peggy Carter. As artes são muito bonitas e já foram compartilhadas diversas vezes na internet. 

legiao_yT1VsCjEDHi7eLqIg9w0Yk62NR8ZKU4nG

legiao_hQ0lSoLeAzUmn62Ds_tMdyXvKNf3qw1cB

legiao_7ugwWYnCJjTczsv1L9QirFIODN0PXB26_

legiao_HqpLiJ_2PgCTUlym9a76NsZtcjQe1xVRv

legiao_DAh4_O1BbkUjRW5GYK7cwpEeSa3JXgt6H

legiao_Z4QTUNVHY1q3A9L2Xh8K7crg6PbeO0utp

legiao_xvw4EYi1K_nLDqfRTyd3MPAhsJobzHXlt

legiao_DRzgvNc_fjYL0hVKtx2lwFnrACHZBTM17

legiao_7aAPJw3ikb1uCRWLszGx_TfNIMjtHyhFB

https://legiaodosherois.uol.com.br/2019/vingadores-ultimato-artista-recria-encontros-emocionantes-do-filme.html

Share this post


Link to post
Share on other sites
On 4/27/2019 at 8:18 PM, Gust84 said:

Que isso!!

 

On 4/27/2019 at 10:05 PM, Jailcante said:

Parabéns, primo.

Felicidades aí.  \o/

 

On 4/28/2019 at 3:15 PM, Jorge Soto said:

 Tudo de bom ao casal e tomara que essa sua nova rotina a dois não impeça de vir aqui partilhar suas opiniões aqui no forum!👏 E que venham muitos priminhos por aí

obrigado pelo carinho, galera! :wub:

assisti ao filme ontem. Gostei bastante e não tenho muito a dizer além do que os colegas disseram muito bem 

mas a patroa mandou logo após um trocadilho não intencional: o filme anterior é "infinitamente" melhor kkk

e concordo que guerra infinita funciona melhor. Mas a escala aqui era mais complicada de administrar.

Feige e Disney e todos de parabéns, sensacional. Os melhores momentos com o capitas realmente empolgam. Bom demais ser vivo pra ver isso na tela!

Share this post


Link to post
Share on other sites
6 hours ago, Jailcante said:

Eu tenho minha própria visão do que rolou com o Capitão e Peggy aí, depois comento sobre (é um visão bem minha mesmo), MAS os Russo mesmo disseram que o Capitão criou uma "ramificação da realidade", ou seja, o que o seriado colocou não mudou, e Capitão viveu em outra realidade com a Peggy (a questão é como ele teria voltado pra realidade principal, mas a linha paralela rolou pelo jeito). 

Meio sem noção esse artigo da série no que diz respeito ao Howard Stark. Na série, ele nem casado é. Sendo que a série se passa nos anos 40, e em ULTIMATO, o Tony encontra o pai nos anos 70. Sendo assim, é perfeitamente justificada as aparências do Howard como o Dominic Cooper na série e do outro ator no filme.

 

Quanto ao resto, to dizendo que as regras de viagem no tempo desse filme são bem mal planejadas.

 

Spoilers de Vingadores: Ultimato abaixo!

 

Parece que nem mesmo as cabeças por trás de Vingadores: Ultimatoconseguem entender plenamente a complexa linha temporal do filme.
 

No fim do filme, o Capitão América volta ao passado para viver sua vida com Peggy Carter. No presente, ele se encontra com o Falcão e Bucky e decide dar o escudo para Sam Wilson. Parece que os detalhes sobre a volta ao passado do Capitão não foram muito bem entendidas pelos diretores do filme, já que os roteiristas discordam deles.

“Steve voltando ao passado não criaria uma nova linha do tempo. Então rejeito a teoria de que ‘Steve está em uma realidade alternativa'”, respondeu Christopher Markus em entrevista ao Fandango.

“Acredito que há um período na História, entre 1948 e a atualidade em que existem dois Steve Rogers”, disse o roteirista.

 

FONTE: OBSERVATÓRIO DO CINEMA

Achei que os roteiristas iam defender a série, já que a criaram (hehehe).

Reparem que eles falam em 1948. Sendo que a primeira temporada da série se passa em 1946, e a segunda em 1947, se o Steve chega em 1948, não afeta a série. Claro, por que o Steve escolhe justamente 1948 e não antes é outra história (hehehe).

Mas é como eu disse, a cena final é emocionante, mas é um furo. O Hulk disse que o Steve ia ter todo o tempo que precisasse. Ou seja, ele escolhia quando voltava, e aqui ia ter se passado só dez segundos. Então, ele podia perfeitamente ter vivido a vida dele lá com a Peggy, e quando ela morresse, ele voltaria pelo túnel quântico de qualquer maneira. Mas pra cena, não ia ficar legal, pois a impressão dos personagens (e do público) ia ser de que deu ruim na máquina, que nem aconteceu com o Homem Formiga mais cedo no filme. Ia tirar a emoção da cena, fora que não seria um momento só do Steve e do Falcão. Mas quando se para pra pensar, mesmo que o Steve estivesse vivendo em um passado alternativo com a Peggy, não teria por que ele arranjar outro meio de voltar pra entregar o escudo pro Sam.

 

7 hours ago, Jailcante said:

O Agents of Shield é que o MCU continua ignorando (e acho que depois da última temporada, nem dá pra considerar, já que apresentou uma teoria de viagem do tempo bem diferente do Ultimato...)

Mas no momento em que o meio de viagem no tempo é diferente, dá pra dizer que as regras também são.

 

2 hours ago, primo said:

 

mas a patroa mandou logo após um trocadilho não intencional: o filme anterior é "infinitamente" melhor kkk

e concordo que guerra infinita funciona melhor. Mas a escala aqui era mais complicada de administrar.

 

 Também acho que GUERRA INFINITA é um filme mais redondo, ainda que trabalhe com material "mais simples". Mas o numero de recompensas emocionais em ULTIMATO é tão grande que não sei dizer bem qual é o melhor. Hehehehe

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now

×