Jump to content
Forum Cinema em Cena
AnakinSkywalker

Batman V Superman: Dawn of Justice

Recommended Posts

Acho muito bom o Ben ter conseguido o papel ou qualquer outro que viria ser o Batman fora o Bale, não sei se Bale falou ironicamente "não vamos ser gananciosos" esperando uma proposta nova de grana da WB, algo como mais de 50 milhões que o Downey ganhou nos Vingadores, alias desejaria que este nem entrasse mais nos Vingadores 2, porque pra mim é puro caras e bocas, ainda mais na sua maior parte "dentro do Iron" porque sou contra superfaturamento dos atores nesse patamar exagerado que elevam e irão elevar mais e mais os salários médios de "grandes atores/atrizes" de Hollywood, ainda mais nesta moderna e instável bilheteria, com a pirataria mundial, e onde quero chegar é, ainda bem q o Bale perdeu a oportunidade de ganhar uma boa grana, pena que o Downey não perdeu, mas digo..., não é qualquer tipo de inveja sobre a riqueza dos dois atores, mesmo porque eles já são mais do que ricos e suas próximas gerações não morrerão de fome, mas sim o fato de que esta grana toda poderia ser aplicado para fazer outro filmes, enriquecer a qualidade da produção e aumentar a arte em outros sentidos do que aumentar o ego destes atores que ganham grana desnecessariamente quase chegando a metade do custo da produção toda geralmente de um filme, e estes porras se acharem o máximo, mais do que um todo, mais do que a arte e o trabalho de todos os envolvidos, para este porra do Bale mimado nervozinho por exemplo, não ficar no mimimi e diminuir, humilhar um porra do diretor de iluminação. Bale e Downey são talentosos?, sem duvida nenhuma, mas acho exagero hollywood fazer isso.

Share this post


Link to post
Share on other sites

  Concordo, discordando, ADLER. Concordo que cada um dentro de sua proposta, a cena de TDK é melhor e mais coesa.

 

 Quanto a cena em BATMAN, fica claro pra mim que o Batman errou o Coringa de propósito, simplesmente pelo fato de que era impossível errar o Coringa.

 

 Mas como o foco deste debate é atuação e leitura de personagem, acho que as falhas da cena de 89 são mais uma questão de decupagem e roteiro do que de atuação. Explico.

 

 O que explicita a luta interna do Batman em TDK no final das contas? É o grito que o Bale dá, o que vai totalmente de encontro com a leitura mais "humana e emotiva" que ele fez do personagem. Já o Batman do Keaton é uma pedra de gelo. Ele não externaliza suas emoções e conflitos internos de forma tão explicita . Se o fizesse naquela cena, simplesmente estaria indo contra o que havia construído até então no filme, o que seria uma incoerência.

 

 Cabia ao Burton então resolver o problema. Pra mim, havia duas soluções bem simples ali. Primeira, um mero plano detalhe da mão do Batman desviando o gatilho. Ou simplesmente, ter posto a mão no gatilho, e não atirado.

 

 Quanto ao Coringa derrubar o jato com uma pistola, é caricato, mas positivamente ao meu ver. Tá totalmente dentro da proposta do filme, já que não é uma pistola comum, e sim uma bazuca disfarçada. Faz tanto sentido quanto a flor que espirra acido sulfúrico, mas tá totalmente dentro da proposta do filme.

 

 Apesar dos defeitos, eu gosto da cena do filme de 89. E se não fosse por ela, a cena de 2008 não existiria, pelo menos não da forma que conhecemos, pois Jonathan Nolan diz no livro da trilogia que se inspirou diretamente nela pra escrever a "sua versão".

 

Eu entendo o que você quis dizer, e concordo contigo, ali o problema foi da cena, não da atuação.

 

Mas eu não gosto da cena porque se ele errou de propósito, qual foi a intensão? hesitação?  se foi hesitação acho que há um problema de atuação ai, porque ele sempre pareceu bem determinado, até no ultimo segundo do terceiro tempo.

 

Se for pra assustar o Coringa, put.... que Batman é esse sombrio e psicopáta que pensa que um truque irá assustar a mente doentia de um coringa? 

 

Sei lá, essa cena, ao meu ver, o Burton errou a mão. 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Questão defendendo o indefensável...o cara mirou e errou, não houve hesitação.

 

Angellus, é totalmente coerente o Bale ter dito "não vamos ser gananciosos". Pois a trilogia já encerrou o Batman. Então forçar outro filme seria ganancioso.

 

Qto ao Bale nervosinho, você está mal informado. O Bale explodiu e fez todo aquele fuzuê porque o diretor de fotografia ficava mexendo na luz bem no meio das gravações, no meio cena. O cara está lá concentrado fazendo a cena e ficam atrapalhando. Não tem nada de mimadinho. Isso é má vontade e mal informação.

Share this post


Link to post
Share on other sites

 BIG, então o ADLER esta certo. Quem mirou e errou não foi o Batman, mas sim o Burton. Suspensão de descrença tem limite. Era absolutamente impossível errar o Coringa se a intenção era mesmo acerta-lo. Mas não adianta, mesmo com todos os defeitos, não consigo deixar de gostar da cena :D

 

 Caraca, o ANGELLUS desenterrou a historia do escândalo do Bale. A relevância eu não entendi, mas ok.

 

 BIG, só não justifica o que o Bale fez. Se o diretor de fotografia foi pouco profissional, o Bale foi tão pouco profissional quanto. Mas não tem sentido discutir esse assunto. Esse defunto morreu faz tempo.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Angellus, é totalmente coerente o Bale ter dito "não vamos ser gananciosos". Pois a trilogia já encerrou o Batman. Então forçar outro filme seria ganancioso.

Essa frase pode ser interpretado de varias formas

 

Caraca, o ANGELLUS desenterrou a historia do escândalo do Bale. A relevância eu não entendi, mas ok.

Toquei pq tudo pra mim tem uma ligação e aquele velho escândalo dá pra dizer qual o tipo de pessoa o Bale pode ser, sempre bom tocar detalhes porque nem todos os visitantes sabem de tudo.

 

Aquele ultimo post foi mais algo positivo sobre um novo ator, um novo Batman, teoricamente o Ben deve ganhar menos e com isso a produção possa por exemplo contratar um outro de nome para o elenco e aumentar a qualidade de atuação do filme.

Share this post


Link to post
Share on other sites

 Não sei se entendi a sua linha de raciocínio, mas vamos tentar CIR EL

 

 

 

  Não necessariamente CIR EL. Por que roteiro é roteiro, personagem é personagem. O roteiro dá as motivações (ou falta de) do personagem, mas o resto quem faz é o ator e o diretor. Não que o roteiro seja irrelevante também. Vejamos isso em um pequeno exercício de comparação.

 

 Keaton interpreta duas personas, Batman e Bruce Wayne (ambos diferentes dos do Bale). Já Bale interpreta três personas, o Bruce Wayne que o publico vê, o Bruce Wayne pros íntimos (Alfred, Lucius, Rachel e etc) e o Batman.

 

 Por um lado, isso dá mais material pro Bale distribuir essas três personas, trabalhando três facetas diferentes. Mas por outro, cria uma ponte que o Keaton não tinha. Talvez por isso, Keaton atue como Wayne como um cara mais perdido nas festas. Nas cenas em que vemos o Bruce Wayne do Keaton em publico, ele nunca parece estar realmente ali. É como se ele tivesse dificuldade em "estar entre os humanos" pois esta com a cabeça nos assuntos sombrios do Batman, diferente do Bale, que consegue separar melhor as duas personas. Nesse quesito, eu prefiro a leitura do Bale´/Nolan, mas gosto muito também da leitura do Keaton/Burton, pois humaniza o personagem de forma bastante sutil. E nas duas leituras, faz toda lógica. O Batman do Bale veste melhor a "pele" de Bruce Wayne a ponto de criar uma terceira pele, pois vislumbra uma vida além do Batman. O Batman do Keaton, ele se sente desconfortável na "pele" de Bruce Wayne, por que não vê "vida além da caverna".

 

 O Batman do Keaton também é bem mais gélido. Demonstra suas emoções muito menos do que o Bale. Não vou entrar no quesito construção vocal, pois já bati demais nesta tecla. Mas enquanto o Batman do Bale aumenta o tom de voz quando esta com raiva, grita quando está em conflito, o Batman do Keaton mantém sempre a mesma altura de voz. E não que não haja variação emocional. Mas suas variações emocionais são bem mais sutis, como a raiva que sente do Coringa, quando se dispõe a mata-lo no clímax da catedral, ou o apelo a Selina no confronto final com a Mulher Gato em RETURNS. Pra mim, isso é o que faz do Batman do Keaton mais misterioso que o do Bale, e não questões de roteiro

 

 E não só na voz, mas em todo o comportamento. O melhor exemplo são as cenas a seguir, onde os personagens passam pelo mesmo conflito, matar ou não o Coringa?

 

http://www.youtube.com/watch?v=Zz7tNgsIf-g

 

http://www.youtube.com/watch?v=5bfcsaFPclA

 

 O Batman do Keaton é muito mais retraído do que o do Bale, o que as vezes é positivo, as vezes é negativo.

 

  O Batman do Keaton é mais sagaz também, digno do título de maior detetive do mundo, enquanto o Batman do Bale é um detetive "nível comum". Mas aqui devemos reparar que enquanto o Batman do Keaton tem muito menos apoio. O Batman do Keaton concentra toda a inteligência estratégica do Batman, enquanto o Batman do Bale teve a sua "sabedoria" diluída entre outros personagens, como Alfred e Lucius. O Batman do Keaton chega as conclusões sozinho, enquanto Bale tem muitas vezes que ser aconselhado.

 

 Não digo que isso é bom ou ruim, mas constrói personagem. E talvez não por coincidência, o fator que citei acima, fazem o Batman do Keaton mais gélido e o do Bale mais emocional.

 

 No fim é subjetivo. Os dois fizeram um ótimo trabalho. Mas por Keaton ter tido vilões mais interessantes (O Coringa de Nicholson e a Mulher Gato de Pfeiffer entraram pra lista de maiores vilões da historia do cinema, enquanto no caso dos vilões do Nolan, acredito que só o Coringa do Ledger terá essa honra) tem sua construção do Batman muitas vezes subestimada, o que considero uma injustiça.

 

 Não consigo escolher um melhor, por que acredito que Keaton se sobressaiu em alguns pontos e Bale em outros.

 

Agora sim chegou onde eu queria...gostei de ver QUESTÃO!

 

Fiz a pergunta exatamente pra que me respondesse assim...com argumentos...vejo o pessoal falando sobre atuações, ser bom ou ser ótimo...mas o que tenho lido é: foi ofuscado ou não foi ofuscado...

 

O fato de um personagem ter mais momentos ou ações que o outro faz com que um tenha melhor atuação? Qual é o parâmetro para se analisar uma boa atuação, o tempo que ficou em cena... ou o número de diálogos que teve... ou qualquer outra coisa desse tipo...

 

Acho que você colocou bem...a análise, independente se no filmes dos anos 90 tiveram ou não grande atores nos papéis dos vilões, é se o ator conseguiu, dentro daquilo que lhe era apresentado e esperado (roteiro, possibilidades de alterar ou criar elementos do personagem...) construir um personagem convincente!

 

O Coringa do Leadger teve uma atuação acima das expectativas...mas não dá pra dizer que no momento em que o Batman do Bale aparece em cena, ele é menos Batman por conta disso...assim como não é parâmetro dizer que o Batman do Keaton é pior porque o Coringa do Nicholson foi bom...por isso pretendo rever o filme pra analisar o Keaton pelo Keaton...

 

pelo menos é minha visão...

Share this post


Link to post
Share on other sites
Bryan Cranston nega ter sido escalado como Lex Luthor

02/09/13 - 11h05

 


por Luísa Gomes








img52249b618bf10.jpgApós inúmeros sites noticiarem, na semana passada, que Bryan Cranston (da série Breaking Bad) foi escalado como o novo Lex Luthor para a continuação de O Homem de Aço 2, o ator finalmente quebrou o silêncio e se mostrou surpreso com o rumor, em entrevista ao site do jornal The Boston Globe.


“Isso é novidade pra mim. Acho que meu nome foi relacionado ao papel porque sou careca. A realidade é que eles podem pegar qualquer outro ator e mandar ele raspar a cabeça”, disse Cranston.


Quando perguntado sobre o que fará depois do término de Breaking Bad, que já está em seus capítulos finais, o ator foi contra as tendências: “Acho que vou descansar pelo resto do ano. Existem algumas coisas que as pessoas andam falando, mas nada é certo”, completou, deixando uma ponta de esperança para os fãs que querem vê-lo como o principal inimigo do Superman.


O longa que colocará o Homem de Aço (Henry Cavill) contra Batman (Ben Affleck) terá novamente direção de Zack Snyder e chegará aos cinemas em 17 de julho de 2015.


Share this post


Link to post
Share on other sites

do MDM, acho:

E nesse fim de semana o Inquisitr disse que soube de fontes de dentro da Warner que Zack Snyder fez a proposta para o ex-007 Timothy Dalton assumir o papel de Alfred, o mordomo faz tudo de Bruce Wayne, e que as chances do ator aceitar é bem grande.
dalton.jpg?75f343

Share this post


Link to post
Share on other sites

do MDM, acho:

E nesse fim de semana o Inquisitr disse que soube de fontes de dentro da Warner que Zack Snyder fez a proposta para o ex-007 Timothy Dalton assumir o papel de Alfred, o mordomo faz tudo de Bruce Wayne, e que as chances do ator aceitar é bem grande.

dalton.jpg?75f343

 

 

Ei, não acho q ele ele vá comprometer, pra mim OK.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Plantão Superman/Batman: Hans Zimmer fará nova trilha sonora?

Postado em 03/09/2013, por Morcelli

Em: Cinema , Notícias

 

Recentemente o compositor e músico alemão Hans Zimmer foi questionado, na Inglaterra, sobre sua continuação na nova franquia do Homem de Aço, que agora envolverá o Batman, personagem com o qual ele esteve envolvido nos últimos 8 anos ao compor trilhas sonoras para os filmes de Christopher Nolan.

man-of-steel-deluxe-limited-edition-soun

Esta pergunta é um pouco complicada de responder“, disse Zimmer ao ser questionado sobre uma nova parceria com o diretor Zack Snyder na sequência de O Homem de Aço. “A gente pensou ‘ok, terminamos o que podíamos fazer com o Batman’ e agora ele meio que está voltando às nossas vidas. Vou ter que pensar um pouco nisso. É possível que eu lhe dê um novo Batman se a fizer [a trilha].

Notem que Zimmer está usando pronomes como “nós” e até falando “voltando às nossas vidas”. Este é o tipo de coisa que já joga as possibilidades de ele estar envolvido no projeto em 99%.

(via CBM)

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu gosto do Hans Zimmer...acho que ele consegue buscar a essência do personagem sem cair no senso comum.

 

Quando você vê no Extra de O Cavaleiro das Trevas a forma que ele criou o tema do Coringa, é maravilhoso...ele achou o ponto exato...e gostei do ar "Ficção cientifica" que ele deu pro Homem de Aço.

 

Bom...pra mim que sou músico, sou suspeito pra falar...rsrsrs

Share this post


Link to post
Share on other sites

credo...fim de carreira pra 007...virar mordomo pra super-herói.. fica esperto, Craig!

 

Po, o Michael Caine tem muitíssimo mais nome que esse e fez seu Alfred com dois Oscars nas costas, não vejo problema..., tenho que discordas dessa Jorge :)

 

Sobre a trilha sonora, não tem como comparar uma obra prima feita pelo John Williams

Share this post


Link to post
Share on other sites

Bem... passei um tempinho afastado e falar do Affleck agora seria chutar cachorro morto. 

 

Não tenho nada contra o cara... mas também nada a favor.... Se bem que o cara é alto, queixudo, conhece e curte HQs...  então já conta alguma coisa.

Imagino se daqui a alguns meses o cara surgir mega bombado, com barba por fazer, maior cara de bad ass... bem, talvez a ideia se torne mais digerível.

 

Quanto ao Lex... Cranston sim!!!! Strong, não!

 

Quanto ao Alfred, até imagino o Timothy Dalton visualmente idêntico ao Alfred calvo e de cabelos pretos e bigodinho clássico, mas de depois de Michael Caine, tem que ser outro ator oscarizado megafodástico e o personagem precisa ser relevante na trama.

 

Quanto à trilha sonora... Xô hans zimerman!!. não gosto do trabalho do cara. É inócuo.... o filme passa na sua frente e você nem percebe que tem uma música ao fundo... só se salvam 3 músicas de piratas do caribe e 2 do Batman... Em Man of Steel fez o seu pior trabalho.... o cara não faz nada empolgante que dê pra assobiar na saída do cinema. =p

Share this post


Link to post
Share on other sites

O filme já não está com bons atores em papéis chaves, para continuação como Ben Affleck e sem o Bryan Cranston e com perigo de Strong como Lex Luthor. Agora sugere tirar uma das poucas coisas boas nas escolhas como a foda trilha sonora do Hans Zimmer em Man of Steel? A música foi um dos pontos positivos que boa parte das pessoas elogiaram esse novo universo do Superman. Sem ela só reduz as chances de ter um bom filme cada vez mais. 

 

Para mim não tem essa conversa mole de que trilha sonora boa é aquela que se ai do cinema assobiando. Têm varias porcarias musicais por ai que se pode assobiar e ai? No entanto tem obras musicais incríveis que nem saberia por onde assobiar como Abertura do Réquiem de Mozart, Glória de Vivaldi entre tantas outras que poderia citar aqui. Para dizer que trabalho do Hans é inócuo certamente não ouviu ou viu Além da linha Vermelha, O Rei Leão, Gladiador, O Código Da Vinci e até o novo Sherlock Holmes tem uma harmonia certa em cenas para aquele universo apresentado do século XIX. Uma música do John Williams é foda sem sombras de duvida, mas foi feita para aquele universo de herói clássico, "que salva gatinhos de árvores". Ele fez uma nova releitura e foi condizente. Afinal é uma trilha sonora que evoca o lado Sci-fi e ação e não o tema heroico e aventureiro, para mim foi mais do que acertado e emocionante.

 

Um dos melhores trabalhos do Hans Zimmer estava até em um dos primeiros trailers do Man of Steel:

 

 

A música e composição das cenas de ação do novo Superman:

 

 

Para mim é fantástico e cai como um luva no ritmo. Se colocar o tema do Super clássico aqui ficaria tosco. Seria como colocar uma ópera em uma apresentação de escola de samba. Não seria condizente, pois não teria o ritmo harmônico com apresentado em tela.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Fazia tempo que eu não lia um absurdo desses Bell. O além das trilhas que o Plutão citou eu incluiria do Último Samurai e Inception. Bem lambrado, a do Sherlock Holmes é foda.

 

Quanto aos atores, está descendo ladeira abaixo. Dalton? O engraçado é o pessoal justificando, "acho que não vai comprometer".

Share this post


Link to post
Share on other sites

Bem... passei um tempinho afastado e falar do Affleck agora seria chutar cachorro morto. 

 

Não tenho nada contra o cara... mas também nada a favor.... Se bem que o cara é alto, queixudo, conhece e curte HQs...  então já conta alguma coisa.

 

é, Affleck conhece e curte HQs..... ate demais!

 

tumblr_ms80nfv8Ro1qd9jlto1_1280.jpg

Share this post


Link to post
Share on other sites

 Possivel arte conceitual do uniforme do Batman no filme

 

 fto_ft1_26463.jpg

 

 

  A principio, parece bem parecido com o usado na trilogia. Lembrando que esta é uma versão preliminar, e pode não ser a final.

 

 PS: Nada contra o Dalton no filme como Alfred. Mas o engraçado é que enquanto correram atrás de um Batman mais velho, se a escalação do Dalton se confirmar, correram atrás de um Alfred mais jovem, pois  ele deve ter uns dez anos a menos que o Caine.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Já que o Batman será mais velho, o Alfred já poderia estar morto.

 

 Mas pelo visto, o Baman do filme tera entre trinta e cinco e quarenta anos. Nas Hqs, quando Bruce tem essa idade, Alfred continua vendendo saude. Não tem por que matar o bom mordomo.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Guest
This topic is now closed to further replies.

×
×
  • Create New...