Jump to content
Forum Cinema em Cena

Críticas e Publicações do Cinema em Cena

Discuta as críticas de nosso editor, Pablo Villaça!


569 topics in this forum

    • 71 replies
    • 6.3k views
    • 68 replies
    • 3.9k views
  1. Tropa de Elite 1 2 3

    • 65 replies
    • 6.7k views
  2. Deixa Ela Entrar 1 2 3

    • 65 replies
    • 15k views
  3. O Código Da Vinci 1 2 3

    • 62 replies
    • 6.2k views
  4. Gran Torino 1 2 3

    • 58 replies
    • 4.6k views
    • 54 replies
    • 6.6k views
    • 53 replies
    • 6k views
    • 50 replies
    • 4.4k views
    • 50 replies
    • 4.5k views
    • 49 replies
    • 3.1k views
  5. O Nevoeiro 1 2

    • 49 replies
    • 4.8k views
    • 49 replies
    • 4.4k views
  6. Avatar 1 2

    • 49 replies
    • 6.4k views
    • 45 replies
    • 3.6k views
  7. Rocky Balboa 1 2

    • 44 replies
    • 3.4k views
    • 43 replies
    • 2.3k views
    • 43 replies
    • 5.7k views
    • 42 replies
    • 5.2k views
  8. Karate Kid 1 2

    • 42 replies
    • 3.1k views
  9. Juno 1 2

    • 39 replies
    • 3k views
    • 38 replies
    • 2.7k views
  10. Ratatouille 1 2

    • 38 replies
    • 3.2k views
    • 38 replies
    • 2.7k views
  11. Rambo IV 1 2

    • 37 replies
    • 2.7k views

Announcements

  • Posts

    • Semana movimentadíssima no mundo olímpico e no Time Brasil: * Vaga de número 200 para o Brasil nos 50m nado livre masculino. Bruno Fratus nadou abaixo dop índice exigido pela FINA, em uma competição menor nos Estados Unidos, batendo Caleb Dressel na final. O tempo 21s.80 (largou mal) foi o bastante para assegurar uma vaga para o país. Ele só perderá a titularidade na vaga se dois atletas brasileiros nadarem para baixo disso, na seletiva brasileira a ocorrer, de 19 a 24 de abril. Muito difícil de isso acontecer. No fortíssimo campeonato russo, Morozov nadou para 21.41. Medalhas, a meu ver, só abaixo de 21s.30. Fratus tem sua melhor marca em 21s.27, da prata no Mundial de 2017.    * Fiquei felicíssimo com o meu Minas Tênis Clube, campeão da Superliga Feminina de Vôlei, na eletrizante final contra o Praia Clube. No dia seguinte, o baque. Thaisa anuncia sua aposentadoria da seleção brasileira. O que já estava difícil para a seleção feminina ficou ainda mais. Teremos um meio de rede baixo, aquém do nível internacional. Para assombrar o torcedor, Fernanda Garay convocou uma entrevista de imprensa amanhã, de manhã. Que não seja para anunciar sua aposentadoria da seleção!    * Em termos de medalha, o show veio do Surf com Gabriel Medina e Ítalo Ferreira protagonizando a final da segunda Etapa do Circuito Mundial de Surf, em Newcastle na Austália. Um show de aéreos, como se pede atualmente na modalidade! Ítalo saiu com o caneco e lidera o circuito mundial, com Medina em segundo, e os outros muito atrás... Tatiana Weston -Webb parou nas oitavas.   * Legal o desempenho de Laís Nunes, do Wrestling, na categoria -62kg, vencendo o Ouro no Torneio Dan Kolov/Nikola Petrov na Bulgária. Estava esvaziado, mas ela venceu a veterana Jackeline Renteria da Colômbia (dois Bronzes olímpicos), e a sueca Johanna Mattsson, que foi Bronze no último Mundial. Laís foi quinta naquela oportunidade. Está em ascensão. Outras duas brasileiras, Kamila Barbosa e Giulia Penalber, foram Prata, mas essas medalhas pouco significam. As duas últimas não estã nem classificadas, terão de disputar o pré-olímpico mundial, em categorias fortíssimas...   * Voltando à natação, o que foi a seletiva russa dos 100m livre masculino?! Um absurdo os tempos! Três nadadores jovens para 47 (um 47 baixo!) e um 48 baixo... Klement Kolenikov 47.31; Andrei Minakov 47.77; Vladislav Grinev 47.89... Topíssimo! Teremos que lutar pelo Bronze mesmo! * Lasha Talakhadze quebrou o record mundial do Levantamento de Peso an categoria pesado, a mesma do nosso Fernando Reis, com o total de 485kg. É ridículo esse homem! Um tanque em forma de ser humano! * Sha`Carri Richardson, dos Estados Unidos, venceu os 100m em uma meeting na Flórida com impressionantes 10s.72! Melhor tempo do mundo neste ano, o sexto melhor da história. Ela tem apenas 1,55m! A briga pelo título em Tóquio está mesmo entre ela e Shelly-Ann Fraser-Pryce da Jamaica.    * A última vaga no Futebol Feminino está sendo disputada entre Chile e Camarões. No primeiro jogo, o Chile ganhou de 2x1 da nação africana. Próximo jogo na terça-feira. 
    • (135) Terminando essa inusitada revista ao universo "Rambo", com o inédito para mim "Rambo: Last Blood"/ "Rambo: Até o Fim", de 2019, entendido como o capítulo final, o "The End" da franquia. O filme foi massacrado pela crítica, muito por associá-lo imediatamente à política da Era Trump, de xenofobismo contra a população mexicana. Na tela, o país latino aparece como um lugar terrível, cheio de estupradores (uma acusação de Trump)  e é dito do país que é sujo, poeirento, sem polícia. Só "coisas boas".  Mas vou fugir disso e me concentrar no universo Rambo. Olha, eu até que gostei do filme.  Sério. Foi dirigido por Adriann Grunberg, ou seja, o fiasco da direção de Stallone no IV serviu para pelo menos contratarem alguém mais afeito à coisa. Aquilo que eu critiquei muito no filme anterior, de falta de imaginação, de concentrar a ação em uma única arma, sem as peripécias visuais do filme II, parece que aqui encontraram eco. O diretor conseguiu criar um plano final criativo, dinâmico, com lances sagazes, que nos levam ao universo do segundo capítulo. Foi especialmente disso que senti falta no IV.  Agora, é violentíssimo! Minha nossa! Porque vemos as mortes individualizadas, e não daquele modo concentradão do III, ou do IV. Sai o conflito geopolítico, entra o conflito urbano, cartelizado, na sua sujeira, na droga, no sexo.  Se limparam o visual do Rambo, aqui sem bandana, sem cabelo grande; conseguiram respeitar elementos clássicos, como a faca, como o arco e flexa, como a fabricação de explosivos, e até se lembra do pedaço de lona do primeiro filme. Em determinado momento do filme IV, menciona-se a possível existência da figura do pai dele, sentado em uma varanda no Arizona. Houve essa ligação. Pena que o personagem original foi caindo aos pedaços pelo caminho, no sentido de ser ele, em si, uma vítima (psicológica) da guerra orquestrada por superiores hierárquicos, para ser apenas entendido como um herói solitário, um soldado ad eternum sempre a expurgar o mal dos quatro cantos do planeta. O personagem caminhou de uma luta contra o estado corruptor, para ser um colaborador extraoficial do Estado, para no fim defender os poucos dos seus. Tendo visto agora todos os filmes da franquia, meu ranking "Rambo" fica assim: 1) "Rambo: First Blood"; 2) "Rambo: First Blood Part II"; 3) "Rambo: Last Blood"; 4) "Rambo III"; 5) "Rambo IV"  
    • Warner divulgando spoilers..no caso posters do mecha Godzilla😂 Os caras dão spoilers no título, no banner e só dps botam aviso de spoiler 🤣  
    • Zack Snyder divulga cartaz crossover de ‘Liga da Justiça’ e ‘Army of the Dead – Invasão em Las Vegas’ O diretor Zack Snyder divulgou um novo cartaz de ‘Army of the Dead – Invasão em Las Vegas’, e a arte faz um crossover com o filme lançado pelo diretor esse ano, ‘Liga da Justiça‘. Zack Snyder lançou o cartaz para divulgar a Justice Con 2021, pois o Snyder Cut emergiu como uma força cultural. O diretor estará promovendo a Fundação Americana para a Prevenção do Suicídio, uma missão pessoal para muitos fãs do Snyder Cut em ajudar a arrecadar o máximo possível de dinheiro para essa causa. Snyder teve que se afastar das filmagens do filme por causa do falecimento de sua filha. Então, esta será uma grande celebração de todos os fãs por uma grande causa. O trailer final de ‘Army of the Dead – Invasão em Las Vegas’ será lançado na terça-feira, dia 13. Já o terror será lançado na plataforma de streaming em 21 de maio. O Exhibitor Relations Co revelou que ‘Army of the Dead – Invasão em Las Vegas’ terá classificação etária para maiores de 18 anos. Confira o anúncio: “Bem, bem, bem… Este é o Snyder Cut que todos nós estávamos esperando. ‘Army of the Dead’ foi classificado para maiores de 18 anos devido à forte violência gráfica, incluindo cenas sangrentas, linguagem inapropriada e conteúdo sexual.” Dirigido por Zack Snyder (‘Madrugada dos Mortos‘), o longa, que foi rodado em Las Vegas, contou com orçamento de US$ 70 milhões. Após um surto de zumbis em Las Vegas, nos Estados Unidos, um grupo de mercenários faz uma aposta final, aventurando-se na zona de quarentena para tentar realizar o maior assalto de todos os tempos.  
    • Zack Snyder divulga cartaz crossover de ‘Liga da Justiça’ e ‘Army of the Dead – Invasão em Las Vegas’ O diretor Zack Snyder divulgou um novo cartaz de ‘Army of the Dead – Invasão em Las Vegas’, e a arte faz um crossover com o filme lançado pelo diretor esse ano, ‘Liga da Justiça‘. Zack Snyder lançou o cartaz para divulgar a Justice Con 2021, pois o Snyder Cut emergiu como uma força cultural. O diretor estará promovendo a Fundação Americana para a Prevenção do Suicídio, uma missão pessoal para muitos fãs do Snyder Cut em ajudar a arrecadar o máximo possível de dinheiro para essa causa. Snyder teve que se afastar das filmagens do filme por causa do falecimento de sua filha. Então, esta será uma grande celebração de todos os fãs por uma grande causa. O trailer final de ‘Army of the Dead – Invasão em Las Vegas’ será lançado na terça-feira, dia 13. Já o terror será lançado na plataforma de streaming em 21 de maio. O Exhibitor Relations Co revelou que ‘Army of the Dead – Invasão em Las Vegas’ terá classificação etária para maiores de 18 anos. Confira o anúncio: “Bem, bem, bem… Este é o Snyder Cut que todos nós estávamos esperando. ‘Army of the Dead’ foi classificado para maiores de 18 anos devido à forte violência gráfica, incluindo cenas sangrentas, linguagem inapropriada e conteúdo sexual.” Dirigido por Zack Snyder (‘Madrugada dos Mortos‘), o longa, que foi rodado em Las Vegas, contou com orçamento de US$ 70 milhões. Após um surto de zumbis em Las Vegas, nos Estados Unidos, um grupo de mercenários faz uma aposta final, aventurando-se na zona de quarentena para tentar realizar o maior assalto de todos os tempos.    
  • Popular Contributors

×
×
  • Create New...